Visão Magnética

Salmo 50:11
Conheço todas as aves dos montes;
e Minhas são todas as feras do campo

Segundo um estudo levado a cabo em pintarroxos, pássaros que navegam usando o campo magnético terrestre dependem mais da sua visão do que nas partículas magnéticas das suas narinas.

Teorias rivais em torno da navegação das aves sugeriam que ambos os mecanismos (visão e partículas nas narinas) eram usadas pelas aves, no entanto Henrik Mouritsen e a sua equipa da Universidade de Oldenburg (Alemanha), mostraram que apenas a visão é a chave para esta discussão.

Pegando num grupo de pintarroxos, a equipa removeu o agrupamento N, área cerebral envolvida no processamento de sinais a partir dos “fotopigmentos formadores de pares” nos olhos (área onde se pensa que é colocada a informação magnética). No outro grupo, a equipa removeu o nervo que envia sinais provenientes das partículas magnéticas das narinas para o cérebro.

Seguidamente, a equipa expôs ambos os grupos de pintarroxos ao campo magnético terrestre, bem como os expôs a um campo magnético artificialmente criado (girava em torno do Norte magnético 120 graus em sentido contrário aos ponteiros do relógio). As aves que não tinham a conexão narinas-para-cérebro não se deixaram enganar ao localizarem o verdadeiro e o falso norte magnético. No entanto as aves sem o agrupamento N eram incapazes de navegar.

Os pesquisadores concluíram:

Os resultados levantam a distinta possibilidade desta parte do sistema visual permitir as aves “vêr” a informação do compasso magnético (Nature, DOI: 10.1038/nature08528)


Nenhuma menção foi feita à teoria da evolução no artigo da New Scientist, nem foi dito como é que este sistema de navegação pode ter originado como resultado de eventos não inteligentes.

Quão relevante seria se o Dr Henrik Mouritsen afirmasse no final do artigo científico algo como “é impressionante o que as mutações genéticas e a selecção natural foram capazes de gerar através dos milhões de anos“? Esta declaração filosófica, a ser feita pelo cientista, em nada haveria de acrescentar no nosso conhecimento na forma como a visão das aves tem influência no modo delas processarem informação magnética. Isto confirma o que foi dito pelo Dr Phil Skell:

Inquiri biólogos que trabalham em áreas onde nós poderíamos pensar que o paradigma darwinista poderia servir de guia para as pesquisas (por exemplo, a emergência da resistência aos antibióticos e pesticidas), mas aqui, tal como em todo o lado, eu aprendi que a teoria não produziu nenhuma orientação discernível na escolha de designs experimentais.

Só depois das descobertas inovadoras terem sido estudas é que a teoria foi trazida à mesa como uma interessante narrativa abrilhantadora. (Philip Skell, Politics and the Life Sciences, Vol. 27(2):47-49 (October 9, 2008).

A teoria da evolução não só é totalmente irrelevante para o avanço da ciência, como só é trazida ao lume depois de todo o trabalho científico ter sido efectuado.

Quais são as probabilidades de um sistema de navegação gerar-se a si mesmo? Este sistema presente nas aves é mais uma evidência científica de acordo com a posição que postula Uma Causa Inteligente para a vida.

A ciência e a Bíblia estão em pleno acordo porque Aquele que inspirou a Bíblia é o Mesmo em Quem “estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência(Col 2:3). O Deus que criou o Universo e estabeleceu os “fundamentos da terra(Jeremias 31:37) é o Mesmo Deus que fala pela Bíblia e chama toda a humanidade que torne dos seus maus caminhos e ponha a sua fé no Filho de Deus, o Senhor Jesus Cristo.

Se os teus problemas pessoais por vezes te fazem desmoralizar e perder as forças, ou se a tua vida profissional não é bem aquela que tu tinhas planeado para ti, desvia os teus olhos dos teus problemas e foca-te em Cristo Jesus, “o Autor e Consumador da nossa fé(Hebreus 12:2).

Se Aquele que criou uma tecnologia tão sofisticada como o sistema de navegação das aves te diz para confiares Nele, então confia. Ele é Poderoso o suficiente para transformar o teu interior de modo que a “paz que excede todo o entendimento(Filipenses 4:7) seja gerada dentro de ti.

Isto não quer dizer que os teus problemas vão desaparecer dum dia para o outro, mas sim que vais ter Uma Ajuda Preciosa (e Poderosa) para continuares com a tua batalha diária. Sim, porque as batalhas vão continuar até ao dia em que formos chamados para casa, porque a Palavra de Deus diz que “todos aqueles que querem viver piamente em Cristo sofrerão perseguições(2 Tim 3:12).

Felizmente que “maior é Aquele que está em nós do que aquele que está no mundo(1 João 4:4).

About these ads

Sobre Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
Esta entrada foi publicada em Biologia, Ciência com as etiquetas , . ligação permanente.

33 respostas a Visão Magnética

  1. Evo Lui diz:

    Mats,

    Sei que irás gostar, vi um quadrinho assim:

    Método científico: Diz um homem em um laboratório:
    - Esses são os dados, que conclusões podemos extrair deles?

    Método criacionista: Diz um homem carregando a bíblia na mão:
    - Essas são as conclusões, que dados podemos descobrir para as apoiar?

    Gosto

  2. “Método científico: Diz um homem em um laboratório:
    - Esses são os dados, que conclusões podemos extrair deles?”

    O método científico realmente funciona assim.

    Já o método evolucionista começa por deixar algumas opções de fora do jogo e acomoda todas as observações científicas à teoria, por mais contraditórias e mutuamente exclusivas que sejam.

    Gosto

  3. Evo Lui diz:

    Ó Sabino, tu não és especialista no método criacionista? Falas em método evolucionista mas pareces que estais a falar sobre o criacionismo… aliás onde as conclusões já estão prontas!

    Gosto

  4. No evolucionismo as conclusões não estão prontas? A ciência evolucionista já não sabe que tudo teve causas naturais?

    Gosto

  5. Mats diz:

    Método científico: Diz um homem em um laboratório:
    - Esses são os dados, que conclusões podemos extrair deles?

    Não sei como é que isto refuta o que o post diz, mas convém ressalvar que os dados não se explicam a si mesmos.
    Segundo, críticas à teoria da evolução não implicam críticas à ciência, tal como já foi dito várias vezes.
    É mais fácil para ti defender a ciência do que a teoria da evolução?

    Método criacionista: Diz um homem carregando a bíblia na mão:
    - Essas são as conclusões, que dados podemos descobrir para as apoiar?

    Substitui “criacionista” por “naturalista” e “Bíblia” por “naturalismo”, e tens a tua versão.
    Para ti, todos os dados tem que ser explicados APENAS E SÓ dentro do naturalismo, mesmo que hajam evidências (como as há aos milhares) que contradigam esta posição.

    Gosto

  6. Evo Lui diz:

    “Segundo, críticas à teoria da evolução não implicam críticas à ciência, tal como já foi dito várias vezes.

    É mais fácil para ti defender a ciência do que a teoria da evolução?”

    Isto de acordo com a ótica criacionista que tenta dizer que a teoria da evolução está fora da ciência, mas esquece-se também que o criacionismo ao pregar a terra jovem, dilúvio, dinos recentes, contradizem no mínimo a cosmologia, geologia e paleontologia.

    “Para ti, todos os dados tem que ser explicados APENAS E SÓ dentro do naturalismo, mesmo que hajam evidências (como as há aos milhares) que contradigam esta posição.”

    As evidências a que se refere batem na tecla “isso é muito complexo, só pode ter sido feito por um deus”, o que isso tem de científico?

    Furacões, secas, vulcões, tornados, eclipses eram coisas muito complexas na antiguidade, ligados a mitos e deuses, hoje são fenômenos explicáveis, graças a não termos parado no tempo repetindo como um mantra: Isso é muito complexo, só pode ter sido feito por um deus.

    Gosto

  7. Adim diz:

    Estas confundindo as coisas.

    Quando perguntam ´´como isso surgiu?“ respondemos por Fé ( com evidencias) que foi criação divina.
    Quando perguntam ´´como isso funciona?“ usamos um dom que Deus nos deu, a inteligencia, é ai que a ciencia entra.

    ´´Duvidar que foi Deus“ nunca foi a base da ciencia.

    Gosto

  8. Evo Luis,

    “mas esquece-se também que o criacionismo ao pregar a terra jovem, dilúvio, dinos recentes, contradizem no mínimo a cosmologia, geologia e paleontologia.”

    Tu estás a incluir os métodos de datação/adivinhação dentro da ciência? A geologia não contradiz a bíblia, no que toca a observação empírica. A geologia diz-nos quais os materiais que constituem uma rocha. Mas quando nos quer dizer que idade a rocha tem já entraste no campo da interpretação e especulação. Aliás, isso vê-se pelos muitos exemplos de falhanço de datação.

    Precisas de ser menos ingénuo. Basta alguém rotular determinado procedimento de ciência que o evolucionista leigo aceita tudo acriticamente, como se realmente lhe estivessem a vender ciência. Depois os crentes é que são acríticos.

    Gosto

  9. Evo Lui diz:

    Sinto muito em dizer que apesar de contradizer suas conclusões a respeito de uma Terra jovem, os métodos de datação estão dentro do campo científico. Adivinhação tem algo com profecias, e sabemos onde estão descritas inúmeras delas, não é?

    Deixemos de lado a datação geológica, vamos então a medidas astronômicas, milhões de anos-luz, faz idéia? Então mesmo que a Terra fosse jovem, o Universo não é! Ops… e agora? A velocidade da luz está errada, os astrônomos também estão equivocados?

    Quer mais? Gelo na Antarctica com 800 mil anos, segundo o
    Projecto Europeu para o Estudo do Gelo na Antárctica…

    Voltemos aos métodos de datação, note que digo no plural, médodoSSS, não é apenas um que não foi testado por outros, são vários, vais continuar com essa ladainha?

    E sou eu que preciso ser menos ingênuo, não vou falar para ir estudar, pois pelo visto estudas, mas é bom verificar suas fontes de pesquisa e estudos.

    Gosto

  10. “os métodos de datação estão dentro do campo científico.”

    Portanto, é científico dizer-se que uma rocha que tinha 3 biliões de anos tem agora 1 milhão? É por isso que é científico, certo? Com certezas científicas destas, não há fé que sobreviva.

    “milhões de anos-luz, faz idéia? Então mesmo que a Terra fosse jovem, o Universo não é! Ops… e agora? A velocidade da luz está errada, os astrônomos também estão equivocados?”

    Anos-luz não mede idade, mas sim distância. Vários factores podem ter contribuído para isso isso (velocidade da luz acelerada no passado, por ex). Só para lembrar que os big-bangers têm o mesmo problema da luz. Mesmo com as entidades hipotéticas deles (inflacção, energia escura), o universo é “novo” demais para se poder ver luz a essas distâncias. Pesquisa sobre o “problema do horizonte”.

    Luís, mesmo que a Terra tenha biliões de anos, isso não prova em nada que a evolução aconteceu e que Deus não existe.

    Gosto

  11. Mats diz:

    Isto de acordo com a ótica criacionista que tenta dizer que a teoria da evolução está fora da ciência, mas esquece-se também que o criacionismo ao pregar a terra jovem, dilúvio, dinos recentes, contradizem no mínimo a cosmologia, geologia e paleontologia.

    Só nas áreas que servem de suporte para a teoria da evolução. O resto da cosmologia, geologia e paleontologia funciona perfeitamente.

    “Para ti, todos os dados tem que ser explicados eu digAPENAS E SÓ dentro do naturalismo, mesmo que hajam evidências (como as há aos milhares) que contradigam esta posição.”

    As evidências a que se refere batem na tecla “isso é muito complexo, só pode ter sido feito por um deus”, o que isso tem de científico?

    Felizmente, não é isso que eu digo. Mas se achas que sim, então podes mostrar onde.
    O que eu digo é que a estrutura tipo-máquina das formas de vida está de acordo com a Bíblia, e em total desacordo com o ateísmo.

    Furacões, secas, vulcões, tornados, eclipses eram coisas muito complexas na antiguidade, ligados a mitos e deuses, hoje são fenômenos explicáveis, graças a não termos parado no tempo repetindo como um mantra: Isso é muito complexo, só pode ter sido feito por um deus.

    Graças a Deus, os cientistas CRISTÃOS (que fundaram a ciência moderna) estudaram esses e outros fenómenos de forma a produzir explicações coerentes.
    Repito o que disse: críticas à teoria da evolução não equivale uma crítica à ciência.

    Gosto

  12. Evo Lui diz:

    “Luís, mesmo que a Terra tenha biliões de anos, isso não prova em nada que a evolução aconteceu e que Deus não existe.”

    Não tento aqui provar que deus não existe ou existe, e concordo que uma Terra de bilhões de anos não é a prova cabal que a evolução aconteceu, mas eu e você sabemos que a evolução como está proposta necessita de um período de tempo muito grande, mas eu pergunto (na visão de vocês) qual seria uma prova definitiva que a evolução aconteceu e acontece?

    Note que isso também não provaria que deus não existe, poderia no máximo mostrar que a bíblia é falha ou ainda que a interpretação dela pelos seres humanos é falha.

    Sobre o problema do horizonte vou ver!

    Gosto

  13. Evo Lui diz:

    “O que eu digo é que a estrutura tipo-máquina das formas de vida está de acordo com a Bíblia, e em total desacordo com o ateísmo.

    Porque não diz em desacordo com a Teoria da Evolução, porque citas o ateísmo, este não foi objeto de estudo de Darwin. Existem evolucionistas teístas sabes disso.

    Graças a CIÊNCIA, os cientistas cristãos (que fundaram a ciência moderna) estudaram esses e outros fenómenos de forma a produzir explicações coerentes e libertaram-se dos dogmas impostos pela bíblia.

    “Repito o que disse: críticas à teoria da evolução não equivale uma crítica à ciência.”

    Como a Teoria da Evolução está na esfera da ciência, a crítica é feita sem que se apresente uma nova teoria, na verdade criticam-se os métodos científicos empregados de áreas diferentes que dão sustentação à Teoria da Evolução, com isso criticam à Ciência como um todo. Embora tentem fazer mea culpa.

    Gosto

  14. Mats diz:

    “O que eu digo é que a estrutura tipo-máquina das formas de vida está de acordo com a Bíblia, e em total desacordo com o ateísmo.

    Porque não diz em desacordo com a Teoria da Evolução, porque citas o ateísmo, este não foi objeto de estudo de Darwin.

    Mas o ateísmo é o motor e o efeito da teoria da evolução. Sem ateísmo, a teoria da evolução torna-se vazia.

    Existem evolucionistas teístas sabes disso.

    Tal como existem cientistas cristãos, no entanto tu contrapões o ciência e cristianismo, como se elas fossem mutuamente exclusivas.

    Graças a CIÊNCIA, os cientistas cristãos (que fundaram a ciência moderna) estudaram esses e outros fenómenos de forma a produzir explicações coerentes e libertaram-se dos dogmas impostos pela bíblia.

    Os “dogmas impostos pela Bíblia” foram o fundamento da ciência moderna. Não é por acaso que a ciência tal como nós a conhecemos originou-se na Europa cristã. Quão “livre” dos dogmas Newton estava quando glorificava o Criador pela estrutura do sistema solar?

    “Repito o que disse: críticas à teoria da evolução não equivale uma crítica à ciência.”

    Como a Teoria da Evolução está na esfera da ciência,

    Quem disse isso?

    a crítica é feita sem que se apresente uma nova teoria,

    Não se apresenta “uma nova teoria”? Então e as teorias que já existiam ANTES da teoria de Darwin, nomeadamente, a teoria criacionista? E a moderna teoria do Design Inteligente, suportada por imensos cientistas de universidades importantes? Não contam?

    na verdade criticam-se os métodos científicos empregados de áreas diferentes que dão sustentação à Teoria da Evolução, com isso criticam à Ciência como um todo.

    Não existem métodos verdadeiramente científicos que suportem a teoria que imagina uma causa não inteligente para as formas de vida.

    Embora tentem fazer mea culpa.

    huh?!

    Gosto

  15. Adalberto Felipe diz:

    Sabe Mats, vendo os comentários como esse acho incrível a tentativa de muitos ateus (e de vários sites sobre o ateísmo) de impor a evolução com mitos de que “ser evolucionista não é necessariamente não acreditar em Deus”, dando exemplos de que existem cristãos evolucionistas.

    Existem, mas pode ter certeza que esses cristãos não são de todo coração e se lêem mais profundamente existem diversas passagens nos livros do Novo Testamento referindo a Adão, a Noé, aos filhos de Noé, a história de Israel, a Moisés e várias outras coisas do Velho Testamento. Se lerem profundamente com certeza vão entrar em conflito, cedo ou tarde.

    Se esquecem também de como Darwin ficou conhecido, de como a evolução foi usada na história para matar pessoas, do que acontece com quem ao menos contesta a teoria da evolução e alguns insistem que contestar a evolução é contestar toda ciência.

    Acho que a imagem dos ateus perente aos criacionistas é essa: pessoas ingratas a ciência, que não entendem nada, incluindo é claro vários outros xingamentos, vide em alguns sites ateus.

    Gosto

  16. Evo Lui diz:

    “Tal como existem cientistas cristãos, no entanto tu contrapões o ciência e cristianismo, como se elas fossem mutuamente exclusivas.”

    Dogmas religiosos não são compatíveis com ciência, seja o cristianismo, islamismo, budismo, etc.

    “Os “dogmas impostos pela Bíblia” foram o fundamento da ciência moderna. Não é por acaso que a ciência tal como nós a conhecemos originou-se na Europa cristã. Quão “livre” dos dogmas Newton estava quando glorificava o Criador pela estrutura do sistema solar?”

    Foram a pedra no caminho do desenvolvimento da Ciência, Newton nasceu em uma época onde não mais se queimava na fogueira, deve isso aos seus pares anteriores que sofrerem com imposições do clero, mas deram vazão a razão.

    “Não se apresenta “uma nova teoria”? Então e as teorias que já existiam ANTES da teoria de Darwin, nomeadamente, a teoria criacionista? E a moderna teoria do Design Inteligente, suportada por imensos cientistas de universidades importantes? Não contam? ”

    Sinto muito, mas as teorias anteriores foram superadas a mais de 150 anos com a publicação da Teoria da Evolução, DI é o criacionismo antigo com outra roupagem, não é considerado nem mesmo uma hipótese dentro da metodologia científica que conforme você diz foi fundamentada nos dogmas da bíblia e nascida em uma Europa Cristã.

    Proponham algo e parem de chororô…

    Gosto

  17. Mats diz:

    Adalberto,

    Sabe Mats, vendo os comentários como esse acho incrível a tentativa de muitos ateus (e de vários sites sobre o ateísmo) de impor a evolução com mitos de que “ser evolucionista não é necessariamente não acreditar em Deus”, dando exemplos de que existem cristãos evolucionistas.

    É mais uma tentativa de diluir a natureza ateísta da teoria da evolução.

    Existem, mas pode ter certeza que esses cristãos não são de todo coração e se lêem mais profundamente existem diversas passagens nos livros do Novo Testamento referindo a Adão, a Noé, aos filhos de Noé, a história de Israel, a Moisés e várias outras coisas do Velho Testamento. Se lerem profundamente com certeza vão entrar em conflito, cedo ou tarde.

    Por acaso, isso é uma coisa que muitos cristãos que eram evolucionistas, mas que agora já não são, dizem. Eles dizem que, enquanto eram cristãos evolucionistas, sempre viram contradição entre a teoria da evolução e a Bíblia.

    Gosto

  18. Mats diz:

    “Tal como existem cientistas cristãos, no entanto tu contrapões o ciência e cristianismo, como se elas fossem mutuamente exclusivas.”

    Dogmas religiosos não são compatíveis com ciência, seja o cristianismo, islamismo, budismo, etc.

    Dogmas naturalistas não são compatíveis com a ciência, sejam a teoria da evolução, os milhões de anos ou o imaginado “big bang”.

    Se queres contrapôr cristão com cientista, embora haja cristão cientistas, eu também posso contrapor criacionista e ateu, embora haja evolucionistas que não são ateus.
    A escolha é tua.

    “Os “dogmas impostos pela Bíblia” foram o fundamento da ciência moderna. Não é por acaso que a ciência tal como nós a conhecemos originou-se na Europa cristã. Quão “livre” dos dogmas Newton estava quando glorificava o Criador pela estrutura do sistema solar?”

    Foram a pedra no caminho do desenvolvimento da Ciência,

    Como é que pode ter sido a pedra, se ela forneceu a cama ideológica onde a ciência podei florescer? Porque é que achas que os fundadores da ciência moderna eram maioritariamente cristãos? Achas que é por acaso?

    “Não se apresenta “uma nova teoria”? Então e as teorias que já existiam ANTES da teoria de Darwin, nomeadamente, a teoria criacionista? E a moderna teoria do Design Inteligente, suportada por imensos cientistas de universidades importantes? Não contam? ”

    Sinto muito, mas as teorias anteriores foram superadas a mais de 150 anos com a publicação da Teoria da Evolução,

    Como é que podem ter sido “superadas”, se as evidências estão de acordo com as mesmas?

    DI é o criacionismo antigo com outra roupagem, não é considerado nem mesmo uma hipótese dentro da metodologia científica

    Portanto o design inteilgente NEM CHEGA A SER CONSIDERADO? Ou seja, antes de ser analisado, o mesmo é rejeitado filosoficamente?

    Muito obrigado pela admissão. Outros ateus dizem que “considraram” o design inteligente, e não encontraram fundamento científico. Tu dizes que nem sequer chega a ser estudada. ISto mostra a natureza ideológica da teoria da evolução. Vocês usam armas NÃO CIENTÍFICAS para rejeitar teorias alternativas, e depois dizem que a “ciência” não concorda com as alternativas.

    Proponham algo e parem de chororô…

    De que é que vale “propor” se nem vai ser considerado? Pela tua própria boca tu admites que as teorias alternativas nem sequer chegam a ser escrutinizadas cientificamente.

    Gosto

  19. Evo Lui diz:

    “Se queres contrapôr cristão com cientista, embora haja cristão cientistas, eu também posso contrapor criacionista e ateu, embora haja evolucionistas que não são ateus.
    A escolha é tua.”

    Joguinho de palavras, há cientistas de todos os credos e ateus também, não contaminando as pesquisas com os dogmas já basta para um bom resultado, o resto é conversa de botequim.

    Para que entendas…

    Texto de José Mariano Amabis é professor do Departamento de Biologia do Instituto de Biociências USP

    “No contexto científico, teoria refere-se a uma explicação abrangente e bem consolidada de algum aspecto do mundo natural, que pode incorporar fatos, leis, inferências e hipóteses passíveis de teste.

    Ciência, por sua vez, pode ser definida como um processo que tenta encontrar explicações para os fenômenos naturais por meio de inferências lógicas baseadas em observações empíricas.

    O criacionismo e o design inteligente não têm status de ciência, pois não geram hipóteses que possam ser testadas e não se pautam por inferências lógicas com base em observações empíricas do mundo natural.

    O criacionismo se baseia em dogmas relatados no livro do Gênesis. O chamado design inteligente se preocupa em encontrar falhas nos testes das hipóteses geradas com base nos princípios darwinistas, sem apresentar teorias próprias ou hipóteses que possam ser submetidas a testes científicos.

    Sua principal plataforma é que a ciência ainda não tem explicações definitivas para a origem da vida e para uma reconstituição minuciosa, passo a passo, de como, a partir de organismos simples, surgiram formas mais complexas de vida.

    Para os defensores da idéia de design inteligente, o que é ainda um mistério hoje continuará misterioso para sempre e melhor do que procurar explicações com base no método científico é invocar forças sobrenaturais.”

    O artigo todo está em http://www.jornaldaciencia.org.br/Detalhe.jsp?id=25141

    Gosto

  20. Mats diz:

    “Se queres contrapôr cristão com cientista, embora haja cristão cientistas, eu também posso contrapor criacionista e ateu, embora haja evolucionistas que não são ateus.
    A escolha é tua.”

    Joguinho de palavras, há cientistas de todos os credos e ateus também, não contaminando as pesquisas com os dogmas já basta para um bom resultado, o resto é conversa de botequim.

    Isso não invalida o que eu disse:
    Se tu contrapões “cristão” com “cientista, embora haja imensos cientistas cristãos, eu também contraponho criacionista com ateu

    Para que entendas…
    Texto de José Mariano Amabis é professor do Departamento de Biologia do Instituto de Biociências USP

    Amigo, mas achas que a esta altura do campeonato ainda não sabemos o que é que os ateus pensam do criacionismo? Para quê encher a resposta com material irrelevante?

    Limita-te ao(s) tópico(s).

    Vais continuar a contrapôr o cristianismo com a ciência, embora saibas que há cientistas cristãos? Se sim, então eu também vou contrapôr ateus com criacionistas.

    Gosto

  21. Adalberto Felipe diz:

    O criacionismo e o design inteligente não têm status de ciência, pois não geram hipóteses que possam ser testadas e não se pautam por inferências lógicas com base em observações empíricas do mundo natural.

    Nem precisa de falar o que isso lembra…

    Gosto

  22. Mats diz:

    Ciência, por sua vez, pode ser definida como um processo que tenta encontrar explicações para os fenômenos naturais por meio de inferências lógicas baseadas em observações empíricas.

    Interessante que ele não disse “explicações naturais”.
    Esta definição de “ciência” pode englobar o DI bem como o criacionismo.

    O criacionismo e o design inteligente não têm status de ciência, pois não geram hipóteses que possam ser testadas e não se pautam por inferências lógicas com base em observações empíricas do mundo natural.

    Claro que geram hipóteses que podem ser testadas. Um dos testes é encontrar forças naturais que sejam capazes de gerar sistemas de informação. Após anos de procura, nenhuma força foi encontrada. Isto não prova o DI nem o criaccionismo, mas está de acordo com os mesmos. Ah, e está em desacordo com a teoria da evolução ateísta.

    O criacionismo se baseia em dogmas relatados no livro do Gênesis. O chamado design inteligente se preocupa em encontrar falhas nos testes das hipóteses geradas com base nos princípios darwinistas, sem apresentar teorias próprias ou hipóteses que possam ser submetidas a testes científicos.

    Totalmente falso. O Dr Michael Behe, o Dr Stephen Meyer o Dr William Dembski tem desenvolvido modelos explicativos e testáveis para a origem da informação biológica. A teoria não se baseia apenas na falta de evidências para a evolução, mas também para a inferência cientifica para uma Causa Inteligente por trás da informação biológica.

    Sua principal plataforma é que a ciência ainda não tem explicações definitivas para a origem da vida

    A ciência tem explicações para a origem da vida: Design Inteligente. O naturalismo é que não tem explicaçoes.

    Para os defensores da idéia de design inteligente, o que é ainda um mistério hoje continuará misterioso para sempre e melhor do que procurar explicações com base no método científico é invocar forças sobrenaturais.”

    Felizmente, nenhum cientista do DI faz isto.

    Gosto

  23. Evo Lui diz:

    “Se tu contrapões “cristão” com “cientista, embora haja imensos cientistas cristãos, eu também contraponho criacionista com ateu”

    Contraponho dogmas religiosos com ciência. E só, a partir daí é só parolagem de sua parte.

    “Limita-te ao(s) tópico(s).”

    Limitei-me a contrapor seu comentário. Mas pelo visto não achou tão irrelevante, tanto que comentou sobre o artigo.

    “Interessante que ele não disse “explicações naturais”.”

    Por certo não disse explicações sobrenaturais… Mais uma vez jogo de palavras!

    “Totalmente falso. O Dr Michael Behe, o Dr Stephen Meyer o Dr William Dembski tem desenvolvido modelos explicativos e testáveis para a origem da informação biológica. ”

    Que são derrubados um a um quando postos a luz da ciência, vide http://scienceblogs.com.br/rnam/2009/08/criacionistas_perdem_mais_um_r.php

    ” Ah, e está em desacordo com a teoria da evolução ateísta.”

    Quem o diz?

    “A ciência tem explicações para a origem da vida: Design Inteligente. O naturalismo é que não tem explicaçoes.”

    Pelos motivos já explicados DI não está na esfera da ciência.

    Gosto

  24. Mats diz:

    “Se tu contrapões “cristão” com “cientista, embora haja imensos cientistas cristãos, eu também contraponho criacionista com ateu”

    Contraponho dogmas religiosos com ciência. E só, a partir daí é só parolagem de sua parte.

    Eu também contraponho dogmas religiosos com a ciência. Por exemplo. o dogma religioso que postula que Deus não existe não faz parte da ciência.
    Portanto, já que não vais corrigir o que disseste, vou continuar a contrapôr criacionista com ateu.

    “Totalmente falso. O Dr Michael Behe, o Dr Stephen Meyer o Dr William Dembski tem desenvolvido modelos explicativos e testáveis para a origem da informação biológica. ”

    Que são derrubados um a um quando postos a luz da ciência, vide http://scienceblogs.com.br/rnam/2009/08/criacionistas_perdem_mais_um_r.php

    Sim, e essa “refutação” diz coisas como:

    No entanto, o artigo da PNAS traz uma nova pesquisa comparando as mitocôndrias e suas parentes bacterianas, demonstrando que as partes necessárias para um maquinário celular particular usado como exemplo para o design inteligente já estavam presentes muito antes de qualquer mitocôndria existir. Foi simplesmente uma questão de tempo até que essas partes se combinassem em uma entidade mais complexa.

    PARTES estavam presentes em OUTROS sistemas. Mas… como é que ESTE sistema se originou por si só?
    Repara: se eu disser que o carro não feito por ninguém apenas e só porque eu encontro rodas em outras formas de locomoção, isso não refuta a posição que afirma que o carro foi feito por alguém.
    O Dr Behe já refutou essas tentativas de refutação.

    “A ciência tem explicações para a origem da vida: Design Inteligente. O naturalismo é que não tem explicaçoes.”

    Pelos motivos já explicados DI não está na esfera da ciência.

    Como é que um teoria que esta´de acordo com as evidências pode estar fora da ciência?

    Gosto

  25. Evo Lui diz:

    “Eu também contraponho dogmas religiosos com a ciência. Por exemplo. o dogma religioso que postula que Deus não existe não faz parte da ciência.
    Portanto, já que não vais corrigir o que disseste, vou continuar a contrapôr criacionista com ateu.”

    Será? A Ciência nada tem com as postulações se deus existe ou não, não prova a existência de deus o que é muito diferente de dizer que ele não existe, devias saber disso, certamente os cientistas cristãos que gosta de citar sabem disso.

    Vamos a lógica básica:

    criacionista – acredita em um (ou vários) deus(es)
    evolucionista – pode ou não acreditar em um (ou vários) deus(es)

    ateu – não acredita em deus
    agnóstico – dá o benefício da dúvida a questão (pode ou não existir)
    teístas – creêm em um ou mais deuses.

    Percebe que para ser criacionista tem que ser teísta, já para ser evolucionista não há problema para ateus, agnósticos ou teístas.

    Gosto

  26. Mats diz:

    “Eu também contraponho dogmas religiosos com a ciência. Por exemplo. o dogma religioso que postula que Deus não existe não faz parte da ciência.
    Portanto, já que não vais corrigir o que disseste, vou continuar a contrapôr criacionista com ateu.”

    Será? A Ciência nada tem com as postulações se deus existe ou não,

    Lá estás tu a falar de ciência quando eu estou a atacar o naturalismo. Porque é que julgas que críticas ao naturalsmo equivalem a críticas À ciência?

    não prova a existência de deus o que é muito diferente de dizer que ele não existe, devias saber disso, certamente os cientistas cristãos que gosta de citar sabem disso.

    Mas eu sei que a ciência nada tem contra Deus, portanto estas palavras tuas são óbvias.

    Vamos a lógica básica:

    criacionista – acredita em um (ou vários) deus(es)
    evolucionista – pode ou não acreditar em um (ou vários) deus(es)

    ateu – não acredita em deus
    agnóstico – dá o benefício da dúvida a questão (pode ou não existir)
    teístas – creêm em um ou mais deuses.

    Percebe que para ser criacionista tem que ser teísta, já para ser evolucionista não há problema para ateus, agnósticos ou teístas.

    Não refuta o que eu disse:
    Do mesmo modo que tu contrapões cristianismo com ciencia, quando sabes que há cientistas que são cristãos, eu vou contrapôr criacionista com ateu.

    A escolha é tua.

    Se parares de contrapôr cientista com criacionista, cada vez que eu falar contigo paro de contrapor criacionista com ateu.

    Gosto

  27. Adalberto Felipe diz:

    Luís,

    Não estou entendendo aonde quer chegar. Você parece insiste em dizer que o criacionismo e o DI não tem base científica, sendo que você já deve ter visto através desse blog e muitos comentários que tem, parece insistir que contestar a teoria da evolução é contestar toda ciênciam parece insistir que o criacionismo é isso, é aquilo e mostrar indiretamente o que os ateus pensam do criacionismo.

    No começo você citou:
    Método científico: Diz um homem em um laboratório:
    - Esses são os dados, que conclusões podemos extrair deles?

    Método criacionista: Diz um homem carregando a bíblia na mão:
    - Essas são as conclusões, que dados podemos descobrir para as apoiar?

    Apesar do Mats já ter falado, gostaria que você citasse com suas palavras como seria um método evolucionista / naturalista.

    Ainda não entendi e nem vi os tais motivos do criacionismo não ter base científica? Por quê envolve a terra jovem? Por quê exclui evolução? Ou por quê envolve Deus, que está acima de tudo e É perfeitamente capaz de criar a Terra e todas as espécies em 6 dias?

    Evo Lui, como cristão, jamais vou colocar a ciência acima de Deus e usá-la para duvidar de que Deus não é capaz disso e excluí-lo.

    Sabe uma coisa que noto? A maioria dos sites que falam sobre ciência, de um certo modo mencionam a evolução e sempre falam algo tendencioso sobre o criacionismo, noto também que a maioria dos fóruns sobre ciência na internet tem muitos ateus e ái de alguém que apoia a criação entrar lá e noto que já não é possível descutir ciência sem lembrar de descrença em Deus.

    A ciência não tem resposta para tudo e vocês ateus sabem e mencionam isso (muitas vezes até) e se opor a evolução não é de modo algum opor a ciência e quem é cristão de verdade e tem Jesus no coração verdadeiramente nunca vai acreditar na teoria da evolução, pois como já disse, mesmo que um cristão seja evolucionista, se ele ler profundamente a bíblia ele vai entrar em conflito.

    Gosto

  28. Evo Lui diz:

    “Não refuta o que eu disse:
    Do mesmo modo que tu contrapões cristianismo com ciencia, quando sabes que há cientistas que são cristãos, eu vou contrapôr criacionista com ateu.

    A escolha é tua.

    Se parares de contrapôr cientista com criacionista, cada vez que eu falar contigo paro de contrapor criacionista com ateu.”

    Partes de premissas erradas e chega a lugares errados, tudo bem, és imune a lógica, mesmo essa básica, não deve ser uma escolha sua.

    Gosto

  29. Evo Lui diz:

    “Apesar do Mats já ter falado, gostaria que você citasse com suas palavras como seria um método evolucionista / naturalista.”

    Você quer dizer a metodologia científica, com as hipóteses, teorias, leis? O método não é evolucionista, começa aí o erro do Mats, não vamos pelo mesmo caminho.

    “Ainda não entendi e nem vi os tais motivos do criacionismo não ter base científica? Por quê envolve a terra jovem? Por quê exclui evolução? Ou por quê envolve Deus, que está acima de tudo e É perfeitamente capaz de criar a Terra e todas as espécies em 6 dias?”

    Você viu, tanto que citou!

    “A ciência não tem resposta para tudo e vocês ateus sabem e mencionam isso (muitas vezes até)”

    Sim, é verdade!

    ” e se opor a evolução não é de modo algum opor a ciência”

    É opor-se a ciência, a Teoria da Evolução está inserida na Ciência.

    ” e quem é cristão de verdade e tem Jesus no coração verdadeiramente nunca vai acreditar na teoria da evolução, pois como já disse, mesmo que um cristão seja evolucionista, se ele ler profundamente a bíblia ele vai entrar em conflito.”

    Aí é uma questão de fé no que diz a bíblia, e isso não discuto, só citei e cito porque existem muitos, muitos cristãos que entendem e aceitam perfeitamente a Teoria da Evolução, ela não é a Teoria de Origem da Vida.

    Gosto

  30. Luis,

    “és imune a lógica”

    A lógica segundo quem? Se a nossa mente evoluiu, por que razão estás a assumir que a tua lógica já evoluiu também no cérebro do Mats e por que achas que a tua lógica é que é a correcta?

    Ou a lógica deve ser universal?

    Gosto

  31. Evo Lui diz:

    Se entendeu o que eu disse nos comentários anteriores quem sabe consegues explicar ao Mats, afinal tens um blogue chamado “A lógica do Sabino”.

    Gosto

  32. Mats diz:

    Evo Lui,

    “Não refuta o que eu disse: Do mesmo modo que tu contrapões cristianismo com ciencia, quando sabes que há cientistas que são cristãos, eu vou contrapôr criacionista com ateu.

    A escolha é tua.

    Se parares de contrapôr cientista com criacionista, cada vez que eu falar contigo paro de contrapor criacionista com ateu.”

    Partes de premissas erradas e chega a lugares errados, tudo bem, és imune a lógica, mesmo essa básica, não deve ser uma escolha sua.

    Como é que eu parti de “permissas erradas”?

    Se tu contrapuseres evolucionistas e criacionistas, eu também começo a contrapor criacionistas e evolucionistas. No entanto, se tu insistes em criar uma guerra entre cristianismo e ciência, sabendo que há pessoas que pertencem a ambos os grupos, eu também vou contrapor criacionistas e ateus.

    A escolha é tua.

    Gosto

  33. Adalberto Felipe diz:

    Evo Lui

    Você viu, tanto que citou!

    hmmm, tinha citado através das perguntas:
    Por quê envolve a terra jovem? Por quê exclui evolução? Ou por quê envolve Deus, que está acima de tudo e É perfeitamente capaz de criar a Terra e todas as espécies em 6 dias?”

    Sobre a terra jovem, se você pesquisar neste blog e em vários outros você verá sérios problemas de datação como o próprio Sabino mostrou.
    Sobre excluir a evolução é lógico que vai excluir, não só porque a bíblia demonstra como porquê um Deus infinitamente bom nunca criarei a lei do “os mais aptos sobrevivem”.

    Mas vamos excluir essas duas hipóteses, porque se você quiser investigá-las você pode e ver sérios problemas de datação e coisas contraditórias a evolução. Não vê quem não quer ou ignora isso.

    Vou dar mais uma força: vamos supor que você pesquisou, não ignorou e viu realmente os problemas que tem em datação e na evolução (coisa que os ateus se recusam a fazer).

    Vamos a terceira hipótese: ‘envolver Deus’.
    Por quê ela não pode ser considerada?
    Você pode falar: “ah, a ciência não lida com coisas sobrenaturais”.
    Se você falar isso você, Evo Lui está colocando a ciência acima de tudo, colocando até naturalismo nisso e achando que a ciência tem que provar isso sendo que não prova. Ou seja, para você, Deus não existe porque, embora, você não admita, para você, a ciência prova que Deus não existe.

    Muitas pessoas querem se afastar de Deus e acham que usam a ciência através da evolução para fazer isso… e ainda querem falar: “a evolução não implica negar Deus”, por favor, né?

    1 Timóteo 6:20-21
    O Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, tendo horror aos clamores vãos e profanos e ás oposições da falsamente chamada ciência, a qual, professando-a alguns, se desviaram da fé. A graça seja contigo. Amém.

    Gosto

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s