Eles sabem o que está em jogo


É comum os Cristãos questionarem a importância e a necessidade de se falar da idade da Terra durante a sua defesa do Teísmo Bíblico. É mesmo assim tão importante acreditar que a Terra tem alguns milhares de anos? Qual é o cerne da questão? O que é que a idade da Terra tem a ver com o Cristianismo?

Primeiro, a Bíblia implicitamente ensina que a criação é recente (Lucas 11:49-51; Marcos 10:6; Romanos 1:20; Êxodo 20:11; etc). Embora este facto não seja o tema central da Bíblia (essa honra pertence ao Senhor Jesus Cristo), os Cristãos deveriam respeitar este ensino Bíblico, da mesma forma que respeitam o facto de Matusalém ter vivido 969 anos (Génesis 5:27) ou o facto de Jonas ter estado “3 dias e 3 noites na barriga do peixe gigante(Mateus 12:4).

Segundo, a idade da Terra é extremamente importante dentro do debate criação versus evolução – facto confirmado pelo evolucionista Michael Le Page num artigo presente numa edição recente da New Scientist (“Evolution: The Ultimate Guide to a Beautiful Theory“).

Uma das “evidências e experiências que poderiam falsificar a teoria da evolução é a uma Terra jovem(2008, 198[2652]:26). Entre todas as coisas que o jornal evolucionista e ateísta New Scientist considera passíveis de derrotar a teoria da evolução moléculas-para-homem, a segunda na lista é “uma Terra jovem” (p. 26). Le Page escreveu:

Uma Terra jovem seria também um problema para a teoria visto que a evolução via selecção natural requer vastas quantidades de tempo – “tempo profundo” – como se apercebeu Darwin.

Portanto, segundo os evolucionistas, se a Terra é relativamente jovem (com milhares de anos e não os imaginados “milhões e milhões de anos”) a sua teoria, que depende dos milhões e milhões de anos, cai por terra.

Consequentemente, e uma vez que a Bíblia ensina que a Terra é jovem (com apenas alguns milhares de anos), os Cristãos devem usar a Bíblia e a imensidão de evidências científicas disponíveis para mostrar aos evolucionistas que a sua teoria favorita está errada.

Os crentes na Autoridade da Bíblia que escolham não usar tal informação na sua defesa da Criação, estão a rejeitar uma das armas que o Criador nos deu para enfrentar a ímpia, religiosa e não-Bíblica teoria da evolução.

A verdade dos factos é que a idade da Terra é muito importante neste debate. Que pena que a maioria dos Cristãos não se aperceba disso.

Fonte


About these ads

Sobre Mats

Salmo 139:14 - Eu Te louvarei, porque de um modo terrível e tão maravilhoso fui formado; maravilhosas são as Tuas obras
Esta entrada foi publicada em Biologia com as etiquetas , , , , , , , , . ligação permanente.

15 respostas a Eles sabem o que está em jogo

  1. antonioporto10 diz:

    Eu também não acredito que o planeta tenha milhões de anos, mas sei que deus criou adão e eva já com aparência adultas.
    A vida pode ter sido criada bem depois que a terra e o universo, o início de genesis é um relato resumido, pois não diz como deus criou as coisas.
    Mas acho que a ciência só confirma o que é verdade: que o homem surgiu do barro (pode até ter sido ao lado de poças mornas) mas criado por deus.
    O perigo é a falsa ciência.

    Gosto

  2. eia diz:

    Já agora, e a propósito da idade do Universo, como é que justifica que se consiga ver a partir da Terra, estrelas que estão a milhões de anos-luz?

    Tendo em conta que a luz destas estrelas demora milhões de anos a chegar à Terra, a luz que hoje chega à Terra foi criada à milhões de anos.

    E se não for muito incómodo, o que é que a Bíblia diz sobre este problema?

    Gosto

  3. Everton Araujo diz:

    O Homem foi criado no sexta dia, me corrijam se eu estiver errado, entao antes disso era o tempo de Deus nao o tempo do homem, entao como vc pode afirmar com certeza e embasamento biblico que o tempo de Deus é o mesmo do homem? Como que antes do homem nao tenha se passado milhoes de anos? Se admitirmos uma terra recente, como vcs explicam o Pangeia? vai dizer que nao existiu tbm? Decaimento radioativo? sintese atomica nas estrelas? como que fica esses coisas no tempo do homem? uma semana para o homem nao necessariamente significa uma semana para Deus.

    Gosto

  4. Deve haver qualquer confusão com os textos :

    Primeiro, a Bíblia implicitamente ensina que a criação é recente (Lucas 11:49-51

    Por isso diz também a sabedoria de Deus: Profetas e apóstolos lhes mandarei; e eles matarão uns, e perseguirão outros;

    Para que desta geração seja requerido o sangue de todos os profetas que, desde a fundação do mundo, foi derramado

    “Desde o sangue de Abel, até ao sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o templo; assim, vos digo, será requerido desta geração

    ; Marcos 10:6;

    Mas desde o princípio da criação, Deus os fez homem e mulher.

    Romanos 1:20

    Pois os seus atributos invisíveis, o seu eterno poder e divindade, são claramente vistos desde a criação do mundo, sendo percebidos mediante as coisas criadas, de modo que eles são inescusáveis;

    ; Êxodo 20:11;

    Porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso o Senhor abençoou o dia do sábado, e o santificou

    etc). Embora este facto não seja o tema central da Bíblia (essa honra pertence ao Senhor Jesus Cristo), os Cristãos deveriam respeitar este ensino Bíblico, da mesma forma que respeitam o facto de Matusalém ter vivido 969 anos (Génesis 5:27) ou o facto de Jonas ter estado “3 dias e 3 noites na barriga do peixe gigante” (Mateus 12:4).

    No NT que é abundante em parábolas não parece haver qualquer datação clara. Apenas referências a histórias do VT

    Que é concordante com a forma de falar para judeus que acreditavam na Tora.

    E Mateus 12:4 não me parece que tenha muito a ver com peixes:

    Como entrou na casa de Deus, e comeu os pães da proposição, que não lhe era lícito comer, nem aos que com ele estavam, mas só aos sacerdotes?

    Esta ultima parec mesmo que foi engano.

    A propósito o qye pensas da posição sobre o assunto do Craig ?

    Gosto

  5. Guilherme Padovani diz:

    Sobre a distância das estrelas, Deus criou o Universo com uma idade aparente.
    A Pangéia teria se rompido durante o Dilúvio (“…romperam-se todas as fontes do grande abismo…”).
    O decaimento radioativo é muito questionável, ninguém sabe a quantidade inicial de isótopo radioativo, nem se a taxa de decaimento é constante, nem se houve contaminação…
    Síntese atômica nas estrelas? Provavelmente está acontecendo por aí, mas ninguém nunca entrou no núcleo de uma estrela para ver. Como eu disse Deus criou o Universo com uma idade aparente.
    Para mim não há incomodo nisso, afinal Deus é poderoso o suficiênte para criar as coisas do jeito que Ele quiser.
    Deus vos abençoe!

    Gosto

  6. Rômulo diz:

    Sobre a luz das estrelas:

    Basta criar as estrelas e afastá-las a uma velocidade superior a velocidade da luz. A luz visível daqui da Terra é só o “rastro” do afastamento.

    Gosto

  7. eia diz:

    Excelsos Padovani e Rômulo:

    “Sobre a distância das estrelas, Deus criou o Universo com uma idade aparente.”

    “Basta criar as estrelas e afastá-las a uma velocidade superior a velocidade da luz. ”

    Por favor indique-me uma observação experimental (ou até uma citação da Bíblia) que comprove estas afirmações.

    E já agora, e em relação à segunda citação, quais são as consequências de as estrelas se deslocarem a velocidades superiores à da luz? É que segundo a teoria da relatividade de Einstein, tal viola o princípio da causalidade, que é tido como um princípio físico inviolável.

    E mais uma nota em relação ao deslocamento das estrelas: Nós sabemos que as estrelas se deslocam. O Efeito de Doppler permite medir a velocidade a que se deslocam as estrelas. É por isso que sabemos que o universo está em expansão, mas nunca, em um século de medições, se mediu uma estrela a deslocar-se a uma velocidade superior à da luz.

    Gosto

  8. Rômulo diz:

    Caro, Eia.
    Teus quesitos são caprichosos demais.
    É besteira pedir uma citação bíblica para isso. COMO Deus criou não é o objetivo dela, mas emprender tempo para descobrir é um bom passatempo para os homens.

    E sobre as medições da expansão do universo, se tal hipótese (a criação e afastamento) ocorreu em período superior a um século, é claro que não ocorreu no período em que temos medido. Hoje as estrelas estão a milhões de anos-luz, mas estavam a que distância a apenas 1.000 anos atrás?

    E afastar as estrelas a velocidades superiores a da luz viola em que o princípio da causalidade? Vejamos, o efeito (luz) não pode chegar com atraso caso sua fonte (estrela) esteve se deslocando mais rápido que ele? Não vem o som com atraso quando aviões se deslocam a velocidades supersônicas?

    Gosto

  9. eia diz:

    Excelso Rômulo,

    “É besteira pedir uma citação bíblica para isso. COMO Deus criou não é o objetivo dela”

    Não estou a pedir uma citação sobre COMO Deus criou o Universo. Estou a pedir uma citação que comprove que Deus o criou com uma “idade aparente” ou que criou estrelas “que se afastam a velocidades superiores à da luz”. É que em ciência, quando se fazem afirmações é preciso que existam observações a suportá-las, caso contrário não têm qualquer credibilidade.

    “se tal hipótese (a criação e afastamento) ocorreu em período superior a um século, é claro que não ocorreu no período em que temos medido. Hoje as estrelas estão a milhões de anos-luz, mas estavam a que distância a apenas 1.000 anos atrás? ”

    Porque é que as estrelas abrandaram assim de repente? Que observações experimentais (ou citações Bíblicas) é que suportam essa hipótese? E ninguém, em toda a história da humanidade, reparou que as estrelas se estavam a afastar? Se a velocidade era assim tão grande, deveria ser evidente que a noite estava a ficar cada vez mais escura.

    “E afastar as estrelas a velocidades superiores a da luz viola em que o princípio da causalidade? Vejamos, o efeito (luz) não pode chegar com atraso caso sua fonte (estrela) esteve se deslocando mais rápido que ele? Não vem o som com atraso quando aviões se deslocam a velocidades supersônicas?”

    Não compreende a teoria da relatividade de Einstein. De forma muito simplificada: o tempo passa mais devagar para um objecto que se encontre a grande velocidade (é pouco intuitivo, mas este facto já foi confirmado experimentalmente e é utilizado todos os dias nos aparelhos de GPS). Essa distorção na passagem do tempo, significa que se algum objecto viajar a uma velocidade superior à da luz, pode violar a relação causa efeito, i.e. pode acontecer um efeito antes de acontecer a causa que o gerou.
    vide:http://www.theculture.org/rich/sharpblue/archives/000089.html
    para uma explicação relativamente simples do fenómeno. (Naturalmente que em teorias tão estranhas como a relatividade, relativamente simples quer dizer complexo e pouco intuitivo).

    O caso do avião a velocidade supersónica não se aplica, pois estes efeitos só se fazem notar a velocidades MUITO elevadas (perto da velocidade da luz).

    Gosto

  10. Guilherme Padovani diz:

    Caro eia,

    Sobre a criação com idade aparente é bem simples. Deus não criou Adâo um zigoto recém fecundado, mas homem pronto. Assim como não criou a terra ainda em estado de núvem de poeira, mas já com água e terra firme. Da mesma forma o sol, lua e estrelas, Deus os criou já funcionais. Por isso Deus que é Todo Poderoso, pode criar estrelas a anos luz, porém com sua luz já atingindo a terra. Deus não é obrigado a obedecer as restrições fisicas que Ele mesmo criou, por exemplo as relações físicas de causa e efeito.

    Porém a biblia diz que “Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente.” (Hebreus 11:3) Por isso não precisamos da ciência falha e mutável do homem para crer que Deus criou todas as coisas da forma que ele nos conta em Gênesis 1.

    Abraços a todos! Graça e Paz sejam sobre vós!

    Gosto

  11. Everton Araujo diz:

    Guilherme Padovani e Rômulo tbm,

    Vey, na boa, eu poderia ate fazer uma treplica nos seus comentarios, obrigado por me responder. Mas diante do que vcs apresentaram na argumentaçao é melhor eu ficar calado, sem ofensas. Einstein deve esta se remechendo no tumulo dele depois de le um comentario seus, fala serio.

    Uma das coisas que o MATS mais critica na TE é os cientistas repondem qualquer coisa com a teria, e vcs estao fazendo o q? no diluvio o pangeia se dividiu, cita uma frase da biblia, pronto, ta respondido. Que embasamento biblico é esse?

    EIA, creio que seja uma mulher, nao? vc ainda insiste em discutir com eles e explicar o basico. Ja muita discuçao de cristaos muito sabios que eu nem conseguir responder de tao forte que era a sua base, agora aki voces estao de brincadeira.

    Gosto

  12. Rômulo diz:

    Confesso que falei qualquer coisa para poder ouvir uma resposta e dar continuidade a discussão. Realmente não tenho base alguma, mas se vocês continuarem talvez eu adquira. :D

    Eia, agradeço o empenho. Everton, ajuda aê!

    Gosto

  13. Guilherme Padovani diz:

    Oi Everton,

    Eu entendo seus questionamentos, mas não tenho a menor pretensão de dar argumentos científicos baseados na bíblia, afinal ela não é um livro de ciências naturais.
    Os assuntos que a bíblia não abordam; como a luz das estrelas, ou os detalhes de como a pangéia se rompeu, só podemos fazer suposições por inferência. Desculpe não conseguir dar respostas mais profundas sobre essas questões, não é esse o propósito de Deus ao revelar a Palavra.

    No meu entendimento, não existe incoerência entre âs descobertas científicas e a bíblia, e era só isso que eu queria te mostrar.

    Um grande abraço, é um prazer conversar com vocês!

    Gosto

  14. Everton Araujo diz:

    Guilherme Padovani

    Ta, ate entendo o q vc quer dizer, mas qual o assunto do post? o comentario foi em ralaçao ao assunto do post e nada alem disso. O assunto em questao referente ao post é a idade da terra e todos os questinamentos sao validos, a propria biblia nao diz exatamente a idade da terra. Essa ideia de uma terra jovem foi inventada por um padre na idade media, ele somou a idade de todos os personagens da biblia e presumiu que a terra teria 6000 anos de idade.

    Romulo,

    para vc ser um bom argumentador e critico de quase todas as teorias cientificas é so analizar fisicamente cada uma delas, todas elas tem uma falha crucial que invalida, ou pelo menos anula, a teoria. Mas tem coisas que nao sao teorias, como o pangeia, isso nao tem como argumentar, pois todos sabemos que os continentes sao moveis como balsas rochossas navegando sobre um mar de lavas pastosas. A busca por conhecimento te faz refletir muito sobre a vida e saiba que pouca ciencia te afasta de Deus, mas muita ciencia te aproxima.

    Gosto

  15. Hélio diz:

    - Eu sou um criacionista e refuto a Evolução porque a teoria possui falhas ali, ali e ali. Ninguém pode provar a Evolução, sustentada pela fé, logo a Criação é a única verdade. Uma verdade incontestável.
    - E tu podes apresentar uma teoria científica e PROVAR definitivamente que o Criacionismo está certo?
    -… Bem, a Bíblia diz…
    - Vai estudar, bastardo. Algum criacionista já leu Popper?

    Gosto

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s