Chris Williams, Ph.D., Biochemistry Ohio State University

Entrevista publicada aqui. (Ênfase addicionado)

“As a biochemist and software developer who works in genetic and metabolic screening, I am continually amazed by the incredible complexity of life. For example, each of us has a vast “computer program” of six billion DNA bases in every cell that guided our development from a fertilized egg, specifies how to make more than 200 tissue types, and ties all this together in numerous highly functional organ systems.

Few people outside of genetics or biochemistry realize that evolutionists still can provide no substantive details at all about the origin of life, and particularly the origin of genetic information in the first self-replicating organism. What genes did it require – or did it even have genes? How much DNA and RNA did it have – or did it even have nucleic acids?

How did huge information-rich molecules arise before natural selection? Exactly how did the genetic code linking nucleic acids to amino acid sequence originate? Clearly the origin of life – the foundation of evolution – is still virtually all speculation, and little if no fact.”

…………………………………..

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Ciência and tagged , . Bookmark the permalink.

4 Responses to Chris Williams, Ph.D., Biochemistry Ohio State University

  1. Ska says:

    Uh… queres chegar a algum lado com isto? Que há coisas ainda que não sabemos?

    Vais buscar outra vez o deus tapa buracos?

    Like

  2. Mats says:

    Ska,

    Uh… queres chegar a algum lado com isto? Que há coisas ainda que não sabemos?

    Que há argumentos científicos contra a teoria da evolução, coisa que muitos darwinistas não aceitam. Para eles qualquer ataque a Darwin é religiosamente motivado.

    Vais buscar outra vez o deus tapa buracos?

    Esse argumento não é muito popular entre os cientistas criacionistas. Agora, a “evolução tapa buracos” é dominante entre os darwinistas.

    Like

  3. Ska says:

    “Que há argumentos científicos contra a teoria da evolução.”

    Não. O que tu apresentas é mais uma vez, uma opinião de um indivíduo que, o que diz é que “há coisas que não sabemos”. Não diz que há argumentos cietíficos contra a teoria da evolução em lado nenhum (ou então li demasiado por alto).

    Like

  4. Mats says:

    Ska,

    “Que há argumentos científicos contra a teoria da evolução.”

    Não. O que tu apresentas é mais uma vez, uma opinião de um indivíduo que, o que diz é que “há coisas que não sabemos”.

    Ele diz que as explicações darwinistas não estão de acordo com as evidências. Apontar insuficiências numa teoria faz parte da ciência.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s