“O meu fóssil é melhor que o teu!”

Evolucionistas a discutirem entre si é uma imagem que para muitos darwinistas é um choque. Pelo que deduzo das suas palavras, discutir sobre os méritos e fraquezas da teoria da evolução, é (a seu vêr) discutir sobre a Lei da Gravidade ou discutir sobre outra Lei científica amplamente estabelecida.

As respostas típicas são (primeiro) negar que tais discussões se verifiquem, mas depois, (esmagados pelas evidências) aceitar que elas de facto existem, mas que tais debates não são sobre nada fundamental em relação a teoria, mas sim sobre “detalhes mínimos”. Nós todos sabemos que detalhes mínimos  são esses: “como“, “onde“, “porquê“, “quando“, e “quem“. Tirando isso, os darwinistas estão todos “de acordo”.

Recentemente, o Dr. Chris Beard, paleontólogo do “Pittsburgh’s Carnegie Museum of Natural History”, recebeu atenção nacional nos EUA quando ele vigorosamente negou que o fossil com o nome de “Ida” seja um “elo perdido” entre o ser humano e o seu alegado parente primata.Myanmar Primate Fossil

Ele estava certo em negar a relevância da Ida na alegada evolução humana, no entanto convém ressalvar que ele não o fez por acreditar que o ser humano não evoluiu de primatas, e muito menos o fez por aceitar o facto da evolução violar leis da Biologia e Genética e ser científicamente impossível.

Aparentemente, o motivo por trás da sua rejeição deve-se ao facto de ele estar na posse de um fóssil que ele afirma ser o candidato mais apropriado a ser o “elo perdido”.

O escritor da Associated Press Michael Casey falou sobre o fóssil que o Dr. Beard e a sua equipa encontraram em Myammar. A equipa encontrou pedaços de mandíbulas que eles afirmaram pertencerem a 10-15 indivíduos diferentes. De acordo com o Dr. Beard, esta nova criatura, nomeada de Ganlea megacanina, viveu na Ásia há 38 milhões de anos atrás. Conjuntamente, o Dr. Beard e a sua equipa afirmam que “o desgaste nos dentes caninos sugerem que esta criatura, fisicamente parecida com um macaco e habitante de árvores, usava os dentes caninos como forma de abrir frutos tropicais para atingir o seu interior“.

[Reparem no pormenor: dentes caninos, que supostamente servem para rasgar a carne, evoluiram para comer…. fruta. No entanto, os ateus ficam chocados (chocados!) quando lhes dizemos que os leões, tigres e outros animais que hoje chamamos de “carnívoros” já tinham dentes caninos desde o momento de  o Senhor Jesus Cristo os criou (embora originalmente fossem herbívoros). Aparentemente, os caninos evoluiram para comer carne, excepto quando evoluiram para comer fruta.]

O que é que o Dr. Beard está a sugerir com este achado? Ele está a desafiar a popular crença  de que o homem evoluiu no continente africano. (Lembrem-se deste ponto da próxima vez que um ateu vos disser que a “ciência” mostra que o homem “veio de África“)

O Dr. Beard afirmou:

Embora nós achêmos que a discussão esteja muito perto de estar definida em termos absolutos, este novo fóssil Ganlea definitivamente ajuda-nos a afirmar que, quando nós olhamos o mais para trás possível no tempo, o ascendente comum de macacos, humanos e outros símios estava na Ásia e não em África.

É fácil discortinar a tensão a amontoar entre os darwinistas à medida que eles lutam entre si para poderem publicitar os seus recentes achados

A rejeição da Ida por parte do Dr. Beard, e a sua tentativa de promover o seu fóssil, é evidente pelas seguintes palavras:

Mesmo nós não tendo um esqueleto completo como eles tiveram, e mesmo nós não querendo declarar que Ganlea seja um elo perdido, nós sabemos que Ganlea é mais relacionada com os nossos antepassados [primatas] do que a Ida.

Não é preciso pesquisar muito para se encontrar evolucionistas que discordem com Beard e a sua equipa. John Fleagle, paleontólogo da “Stony Brook University” , observou que não só os fósseis “não acrescentam nada de novo” à ideia da evolução humana, como notou que, sem um crâneo, a equipa de Beard não acrescentou nada de conclusivo para o debate.

No verdadeiro sentido da palavra, e contrariamente à mensagem que chega ao público, os evolucionistas estão dividos em relação às crenças mais básicas em torno da sua teoria evolutiva.

Conclusão:

Esta guerra de fósseis entre os evolucionistas mostra-nos que estão em jogo forças não-científicas muito poderosas dentro da comunidade científica em geral, e dentro da comunidade evolucionista em particular.

Primeiramente, estas discussões mostram que os factos e os dados científicos nem sempre são a força condutora no que toca às “conclusões científicas”. Em muitos casos, é apenas o desejo de fama, prestígio ou subsídios estatais que catalisam o ímpeto de pesquisar.

Outra coisa que se pode depreender deste debate entre evolucionistas é que o conceito de “evolução humana” é tão vago e nebuloso que a comunidade evolucionista nem sequer está de acordo nos postulados cardinais da teoria. Como os seres humanos não evoluiram, a falta de concordância darwinista em aspectos fundamentais da sua teoria faz todo o sentido. Uma coisa é haver desacordo em questões periféricas mas outra coisa é haver desacordo nos pilares de uma crença.

Terceiro: nós podemos confiadamente afirmar que mais cedo ou mais tarde, outro “elo perdido” vai fazer manchete dos jornais, sendo seguidamente promovido como a “prova” da evolução humana. Este tipo de “lógica” evolucionista já decorre há mais de um século, no entanto todos os chamados “elos perdidos” foram descartados pelo “elo perdido” seguinte. No passado, os chamados “elos” ou foram mostrados como fraudes evolucionistas, ou foi descoberto que eram ossos de um animal normal, ou ossos de uma pessoa.

Quantos vezes é que os novos achados vão ter que ser provados como falsos para se rejeitar por completo a absurda ideia da evolução humana? Ganlea, Ida, Piltdown Man, Hobbit Man, Nebraska Man, Lucy e todos os outros fósseis usados pelos darwinistas não provam que o ser humano evoluiu.

De facto, o observador honesto é forçado pela falta de evidências a concluir que o ser humano não evoluiu de primatas. O ser humano sempre foi um ser  humano.

Para nós cristãos, as guerras entre os evolucionistas sobre a imaginada evolução humana é uma fonte de constante confirmação da Bíblia. Aquilo que Deus disse há séculos atrás está em perfeito acordo com as observações, e em perfeito acordo com as evidências arqueológicas.

O ser humano foi criado, amaldiçoado (devido ao pecado) e salvo pelo Senhor Jesus Cristo. Rejeitando esta Verdade Universal, o homem fica à deriva espiritual e científica e a total mercê de qualquer vento de doutrina (Efésios 4:14).

Isaías 45:22

Olhai para Mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque Eu sou Deus, e não há outro.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Ciência and tagged , , . Bookmark the permalink.

19 Responses to “O meu fóssil é melhor que o teu!”

  1. Joaquim Coelho says:

    Infelizmente as guerras entre religiões e entre criacionistas da terra jovem e não jovem são bem mais quentes.

    Parece que ainda este fim de semana protestantes e católicos se envolveram mais uma vez à batatada, com vários feridos à mistura.

    Em ciencia trocam-se arguemntos, de uma forma mais ou menos insultuosa, não passam de arguemntos e palavras.

    Na religião como não há argumentos possiveis trocam-se tabefes, no minimo.

    Like

  2. Francisco Quiumento says:

    Ida é um ancestral comum dos “macacos do novo mundo” e do “macacos do velho mundo”, que incluem inclusive, você.

    Marca a clara separação entre lêmures e demais primatas. Não necessita de forma alguma ser um ancestral direto do ser humano.

    Ancestralidade comum não é “elo perdido”.

    Primeiro, vá estudar, inclusive antes de usar “lei”, que em ciência, é apenas um jargão do ramo.

    No mais, escrevendo besteira a quilos como de costume.

    Mas continue, pois afinal, necessitamos de diversão.

    Like

  3. Francisco Quiumento says:

    Quanto aos caninos, coisa de criacionista amador, pois as espécies (“filos”) flutuam no tempo entre o herbivorismo e o carnivorismo, tanto que evidenciam-se ungulados aparentados dos porcos carnívoros na paleontologia, assim como hoje, gorilas são herbívoros exclusivamente.

    Portanto, apresentar caninos não implica na direta, necessariamente, mas afirmar que grandes felinos foram herbívoros para ficarem mansos na ridícula arca de Noé ou no ainda mais conto de fadas do Édem é coisa de iludido por contos de fadas.

    Mas fazer o que, não é mesmo?

    Cada delirante em sua fé tola com suas vergonhas.

    Mas persista, pois afinal, blogs de criacionistas são diversão garantida na internet!

    Like

  4. “o ascendente comum de macacos, humanos e outros símios estava na Ásia e não em África.”

    A existência de um ancestral comum na Ásia para três espécies distintas não invalida a premissa “Origem do homem moderno (Homo sapiens sapiens) na África”.

    Como o senhor Mats, por ignorância ou, mais provavelmente, desonestidade intelectual e fanatismo cego, insiste em não entender, esse ancestral comum pode ter se deslocado para a África, de onde veio a originar o homem moderno.

    Chico, depois de ver você arrebentar o Sodré, chega a dar pena desse Mats. Tão fraquinho…

    Like

  5. Mats says:

    Em ciencia trocam-se argumentos, de uma forma mais ou menos insultuosa, não passam de arguemntos e palavras.

    Em ciência é o que se passa, mas no evolucionismo não. O que motiva muitos evolucionistas é o desespero de confirmar as invenções de Darwin.

    Além disso, este post teve como um dos objectivos mostrar que o suposto “facto” da evolução é um mito. Os evolucionistas discordam entre si em pontos fundamentais da sua mitologia.

    Francisco,

    Quanto aos caninos, coisa de criacionista amador, pois as espécies (”filos”) flutuam no tempo entre o herbivorismo e o carnivorismo, tanto que evidenciam-se ungulados aparentados dos porcos carnívoros na paleontologia, assim como hoje, gorilas são herbívoros exclusivamente

    Isso não responde bem ao que eu disse. Deixa-me fazer-te uma pergunta: qual é o propósito dos dentes caninos?

    Mallmall,

    Como o senhor Mats, por ignorância ou, mais provavelmente, desonestidade intelectual e fanatismo cego, insiste em não entender, esse ancestral comum pode ter se deslocado para a África, de onde veio a originar o homem moderno

    Pode sim senhor. ou então ele pode ter apanhado o avião e ter ido para a América do Sul passar férias. A teoria da evolução é tão plástica que acomoda QUALQUER observação, por mais contraditória que ela seja.

    Like

  6. Francisco Quiumento says:

    Isso não responde bem ao que eu disse. Deixa-me fazer-te uma pergunta: qual é o propósito dos dentes caninos?

    Morder, como todo o dente.

    Se é pontudo e é chamado canino, isto em lhufas tem a ver com o animal ser carnívoro ou herbívoro

    Se discorda, compra um gorila e tenta alimentá-lo com carne, LEIGO!

    Mas voltando a argumento simples que destrói o seu: qualquer animal hoje entre os mamíferos placentários evoluiu de um insetívoro, que até pode ser tratado como carnívoro, mas isto em nada impede que possuisse (e possuia) caninos e tenha gerado descendentes como os leões e as vacas.

    Mas se discorda, primeiro tente achar um tigre o jurássico, nos divertiremos, ou provar como surgiram miraculosamente os tigres ou as vacas, aguardaremos.

    Até lá, coontinue nesta cruzada insana e tonta, quando não infeliz, gerará gargalhadas na internet, para muitos lerem!
    😉

    Like

  7. Adelino de Santi Júnior says:

    Hauhauhauhauhauhauhauhauhau

    É o melhor blog de humor que já vi.

    Like

  8. Mats, continue na tua força, que Deus é contigo nesta jornada louca.
    “Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.” (I Coríntios 1 : 25)

    Like

  9. Mats says:

    Francisco,

    Isso não responde bem ao que eu disse. Deixa-me fazer-te uma pergunta: qual é o propósito dos dentes caninos?

    Morder, como todo o dente.

    Então porque é que os dentes têm formas e estruturas destintas, se todos eles são “apenas” para morder?

    Estás a recusar a responder à minha pergunta porque já te apercebeste do ridículo da tua fé em Dariwn, certo? Caninos evoluiram para comer carne, EXCEPTO quando evoluiram para comer fruta e ervas.
    Faz todo o sentido, certo?

    Se é pontudo e é chamado canino, isto em lhufas tem a ver com o animal ser carnívoro ou herbívoro
    Se discorda, compra um gorila e tenta alimentá-lo com carne, LEIGO!

    Estás a tentar passas o ónus da prova para mim?
    PAra que é que servemos molares, Francisco, já que não pareces saber o propósito dos caninos?

    Mas voltando a argumento simples que destrói o seu: qualquer animal hoje entre os mamíferos placentários evoluiu de um insetívoro

    Será que evoluiu? Onde estão as evidências?

    , que até pode ser tratado como carnívoro, mas isto em nada impede que possuisse (e possuia) caninos e tenha gerado descendentes como os leões e as vacas.

    Insectivoro tinha caninos que depois serviram aos leões mas não para as vacas.
    É esse o teu “argumento?

    Mas se discorda, primeiro tente achar um tigre o jurássico, nos divertiremos, ou provar como surgiram miraculosamente os tigres ou as vacas, aguardaremos.

    Mais uma tentativa de passar o ónus da prova para mim. Boa tentativa, mas não funciona.
    Além disso, o teu ponto é facilmente refutado: tenta encontrar um fóssil de um homem e de um hamster na mesma camada geológica. Se não encontrares, é porque não viveram na mesma altura. Concordas? Quem diz hamster, diz leão, gato, tartaturga ou qualquer animal que tu quiseres.
    Não te esqueças do celancanto.

    Até lá, coontinue nesta cruzada insana e tonta, quando não infeliz, gerará gargalhadas na internet, para muitos lerem!

    Sim, mas a gargalhadas não são dirigidas a mim, mas a ti, e quem se está a rir é a legião de demónios presentemente no inferno, preparados para te torturar para sempre.
    Continua a acreditar que a vida criou-se a si mesma, e depois vais vêr quem fica a rir…

    Like

  10. Malamen says:

    Huahuahauahauahauhau

    Estas são mesmo dirigidas a ti MATS…

    Adoro ler estes textos… me divertem muito.. hahaha

    Like

  11. Sodré says:

    Só passei pra divulgar o artigo e que estamos empreendendo pesquisas criacionistas sobre datação em fosseis,

    http://rarandas.s20.dotnetsql.com/Criacionismo/Projetos%20de%20Pesquisa/Home.aspx

    qualquer coisa me liguem no 11-816576703 e 93231953..meu msn é visionario7@hotmail.com

    Like

  12. Francisco Quiumento says:

    “Então porque é que os dentes têm formas e estruturas destintas, se todos eles são “apenas” para morder?”

    Para se alimentar mais adequadaente de diversos alimentos. E tem a forma porque evoluiram e foram selecionados.

    Nada mais simples. Mais uma vez: VAI ESTUDAR!

    “Estás a recusar a responder à minha pergunta porque já te apercebeste do ridículo da tua fé em Dariwn, certo? Caninos evoluiram para comer carne, EXCEPTO quando evoluiram para comer fruta e ervas.
    Faz todo o sentido, certo?”

    Faz, pois as alimentações VARIAM NO TEMPO entre os filos, pode espernear até morrer.

    “Estás a tentar passas o ónus da prova para mim?”

    Gorilas não tem canins, LEIGO? Entra na jaula de um com um bife então!
    😀

    “PAra que é que servemos molares, Francisco, já que não pareces saber o propósito dos caninos?”

    Tigres não tem molares, LEIGO? Se discorda, entra com uma cenoura na jaula, se sobreviver à do gorila.

    Repito: VAI ESTUDAR E PÁRA DE PAGAR MICO, LEIGO!

    “Será que evoluiu? Onde estão as evidências?”

    Releia o conselho acima, AMADOR.

    “Insectivoro tinha caninos que depois serviram aos leões mas não para as vacas.
    É esse o teu “argumento?”

    Desde quando os herbívoros não possuem caninos, LEIGO?

    “Mais uma tentativa de passar o ónus da prova para mim. Boa tentativa, mas não funciona.”

    Blah blah blah… Não consegue nem conhecer a dentição de um mamífero e quer discuitr zoologia. POUPE-SE de ridículo, mas não nos poupe de rir de sua cara!

    “Além disso, o teu ponto é facilmente refutado: tenta encontrar um fóssil de um homem e de um hamster na mesma camada geológica. Se não encontrares, é porque não viveram na mesma altura.”

    AI! É ERA, ou PERÍODO ou TEMPO GEOLÓGICO!

    “Concordas?”

    Concrdo que você não sabe nem o mínimo para tentar discutir o que pretende!

    “Quem diz hamster, diz leão, gato, tartaturga ou qualquer animal que tu quiseres.”

    Desde quando não se encontram roedores com humanos, LEIGO?

    Idem para leões, inclusive, com marcas de dentes na cabeça de cro-magnons, que especialmente, SÃO HOMO SAPIENS, logo, seus ancestrais!

    Idem para as outras formas. Mas encontre um único apatossauro com uma lança e prove seu mito bíblico tosco e primitivo! AO TRABALHO, LEIGO!

    “Não te esqueças do celancanto.”

    PUTZ! Papo de amador. Mais um cria analfabeto em biologia que acha que evoluçaõ acontece obrigatoriamente e em árvore. Camarões-girinos são muito mais velhos mesmo que dinossauros e estão aí. Abandone esta do celacanto que é papo de coitado que não entende nada (sic). Em caso de teimosia, tenta formigas ou gafanhotos gigantes da Nova Zelândia, são mais agradáveis e igualmente antigos.

    “Sim, mas a gargalhadas não são dirigidas a mim, mas a ti, e quem se está a rir é a legião de demónios presentemente no inferno, preparados para te torturar para sempre.”

    Dê-lhe ad baculum com mitinho, pois mesmo com os “céus ao seu favor”, sua fé tola e distorcida não consegue uma vírgula que lhe trne mais que digno de risos.

    “Continua a acreditar que a vida criou-se a si mesma, e depois vais vêr quem fica a rir…”

    Eita que até no seu devaneio você é ruim, pois a vida origina-se da geologia, do químico, e destea primeira formação evolui. Mas pode apresentar provas da ação de seu fantasmão providente, que é incapaz de lhe apresentar uma única prova de sua ação fantasiosa, estaremos eternamente em vigília.

    E DARWIN e sua genial percepção da natureza a ser idolatrado com gênio pelos séculos, e amparados em suas pernas, nós, com as solas de nossos sapatos sobre seus crédulos pescoços.

    Só lamento, assim é o mundo.

    Like

  13. Franscisco, Por quê repetes os termos “LEIGO” o tempo inteiro em seu post?

    Like

  14. Mats says:

    Marcelo,
    Deve ser um erro do teclado.

    Like

  15. adim says:

    Mats, realmente agradeço a Deus pelo seu esforço, esse seu site abençoou muito a minha vida, dou glorias a Deus por ti meu amado, continue firme a combater o bom combate.

    Like

  16. Mats says:

    Adim,
    Obrigado pelas palavras de encorajamento. Toda a Glória seja para o Senhor Jesus Cristo.

    Obrigado pelos teus comentários aqui neste blog.

    Like

  17. Roberto says:

    No texto acima diz “O ser humano foi criado, amaldiçoado (devido ao pecado) e salvo pelo Senhor Jesus Cristo. Rejeitando esta Verdade Universal, o homem fica à deriva espiritual e científica e a total mercê de qualquer vento de doutrina (Efésios 4:14).”
    Recentemente em conversa com Muçulmanos me disseram que no Corão estava escrito que quem adorasse alguém além de Deus estaria condenado ao inferno.
    Adorar Jesus é para eles absurdo.
    Tentei argumentar e me disseram “Você acredita só porque está na bíblia?”.
    Nem preciso dizer que fui bombardeado de argumentos que me fizeram pensar “Nada tenho de diferente dos argumentos deles. Poderia justificar por fé, mas eles também tem fé.”.
    E agora, o que dizer a eles?
    Que justificativa temos para pensar diferente deles?
    Que adianta nossa fé contra a deles?
    por que eu estaria certo e eles não?
    Quem pode me ajudar a responder?

    Like

  18. Roberto,

    tu podes perguntar-lhes onde está enterrado o profeta deles. O túmulo do teu salvador está vazio. O teu salvador teve profecias ao longo de milhares de anos a predizer a sua vinda à Terra, profecias essas que foram cumpridas. O teu livro sagrado é um autentico milagre de escrita e preservação, pois foi inspirado e protegido por Deus ao longo de milhares de anos de heresia e movimentos anti-cristaos.

    Like

  19. Guilherme says:

    Roberto,

    Ou, tu pode aceitar que existem pessoas que acreditam em outras coisas, e que não há argumentos contra isso, pelo que percebi, tu precisa de argumentos pra ti, e não para os outros.

    Se tem muitas dúvidas, estude, se possível, estude o maior número possível de crenças (e da falta dela também), e tire suas próprias conclusões.

    A internet é uma ótima fonte de estudos, apenas tome cuidado com as “fontes”.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s