Afinal a Vida Não Começou nos Oceanos

Sob o título de “Estudo Sugere que os Primeiros Animais Evoluiram em Lagos e não nos Oceanos“os evolucionistas da National Geographic News contradizem uma das crenças fundamentais da teoria da evolução.

Durante anos fomos indoutrinados com a fé evolucionista de que a primeira forma de vida surgiu num mar primordial; os primeiros animais supostamente evoluiram a milhões de anos atrás, e após alguns milhões de anos, os animais finalmente arrastaram-se para fora dos oceanos em direcção a terra firme.

Mas os evolucionistas agora decidiram que não foi bem assim, e como tal, lá vamos ter que re-escrever todos os livros de biologia evolutiva. (Excepto quando não se re-escreve, como é no caso das imagens fraudulentas de Heackel. Até hoje ainda se ensina esta mentira no nome da teoria da evolução)

Martin Kennedy, geólogo na University of California–Riverside, declara o seguinte em relação à posição que favorece o início da vida nos oceanos:

Parece ser uma coisa razoável de se assumir quando se leva em conta a estabilidade química e ambiental dos oceanos.

Claro que pressuposições “razoáveis” não são necessariamente ciência sólida.Kennedy e outros cientistas questionam a visão tradicional num artigo publicado no Proceedings of the National Academy of Sciences.

Conclusão:

Eu já perdi a conta às vezes que os próprios evolucionistas tratam de fragilizar a sua própria teoria. (Vêr 1, 2, 3, 4) Parece que todas as semanas um novo “dado científico” vem contradizer uma crença tida como “fulcral” na teoria da evolução.

Uma coisa é haver uma refinação em aspectos marginais duma teoria que é dita ser “um facto”, mas outra coisa é a ciência negar aspectos cardinais de uma hipótese.

Se ano após ano a ciência vem contradizer aspectos pilares da teoria da evolução, não será a hora de se descartar a mesma, especialmente quando há uma teoria alternativa bem mais coerente?

Contrariamente à teoria da evolução, a Palavra de Deus continua Firme no que toca às nossas origens.

Enquanto que a versão ateísta das nossas origens (teoria da evolução) viola princípios científicos básicos (causa e feito, leis da termodinâmica, Biogénese, princípios de analogia, Teoria da informação), o que Deus disse no Livro de Génesis está em perfeita harmonia com as observações científicas. Devido a isto, o cristão não precisa de reajustar a Palavra de Deus para a mesma estar de acordo com a teoria da evolução, mas sim o homem é que tem que ajustar a sua moralidade para a mesma estar de acordo com o que o Criador espera de nós.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia, Ciência and tagged , , . Bookmark the permalink.

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s