Aprendendo com Deus: Fotossíntese artificial

Eis algo interessante.

Pesquisadores do MIT, nos Estados Unidos, descobriram uma nova forma para imitar o processo por meio do qual as plantas usam a luz do Sol para quebrar as moléculas de água.Enquanto as plantas usam o mecanismo para gerar compostos úteis ao seu próprio crescimento, os pesquisadores estão mais interessados em capturar o hidrogénio e utilizá-lo como combustível.

Além de alimentar carros a hidrogénio, que não emitem poluentes, a técnica poderia resolver o maior entrave ao uso da energia solar: o fato de que ela somente gera energia quando o sol está brilhando.

Se esta energia for usada para gerar hidrogénio, o gás poderá ser armazenado e usado para gerar electricidade à noite ou quando for necessário.

E como é que isto foi feito?

Para copiar a técnica das plantas, os cientistas modificaram um vírus, transformando-o numa espécie de suporte biológico capaz de montar os componentes necessários – pigmentos e catalisadores – para quebrar as moléculas de água.O vírus bacteriano, chamado M13, é um vírus comum e que não causa danos ao ser humano. Ele foi utilizado para atrair e ligar-se a moléculas de óxido de irídio, um catalisador, e a porfirinas de zinco, que são pigmentos biológicos.

Ao capturar as duas moléculas, os vírus transformaram-se em uma espécie de fio, que funciona como um suporte para manter os pigmentos e os catalisadores no espaçamento adequado para sustentar a reação.

Para evitar que os fios se aglomerassem, os pesquisadores os recobriram com um gel, mantendo uma estabilidade e sua eficiência em quebrar as moléculas de água.

Brilhante trabalho de design e engenharia. Como sempre acontece, os cientistas inspiram-se no bio-design para melhorar a vida humana. Até parece que o mundo vivo tem em si evidências de design e tecnologia.

Será?


Tal como é normal em notícias que lidam com sofisticação e design, nenhuma menção foi feita à teoria da evolução, nem foi dito como é que uma fé firme na mesma poderia de alguma forma oferecer uma plataforma mais sólida para as descobertas científicas.

Mas não deixem que a realidade vos engane! Embora possa parecer que os cientistas podem fazer o seu trabalho sem levar em conta os mitos do tio Darwin, a “ciência” absolutamente precisa da teoria da evolução. Nós sabemos que isto é assim porque os ateus nos dizem que é assim. E eles nunca nos enganariam, certo? Certo?. . .

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia, Ciência and tagged , . Bookmark the permalink.

5 Responses to Aprendendo com Deus: Fotossíntese artificial

  1. Carlos says:

    Começo a ser leitor entusiástico deste blogue. A minha formação nestas áreas é de simples amador e curioso. O meu contributo para esclarecer qualquer problema será modesto e irrelevante. Mas, dentro das limitações do que sei, não fujo à responsabilidade de pensar e de tirar conclusões. Ultimamente, tenho andado a ler R.G. Collingwood, Ciência e Filosofia, e vou tendo algumas intuições. Uma delas é que a Teoria da Evolução não seja compatível com as modernas teorias sobre a matéria. Outra é que a observação e a demonstração pela experiência deixariam de ser possíveis porque não haverá nenhuma substância natural e as chamadas leis da natureza, afinal, não o sejam . Outra ainda, que a Teoria da Evolução possa vir a ser relevante justamente na explicação da Criação, se tiver de concluir-se que o Determinismo não existe para Deus e que Deus não está sujeito a alternativas nem a escolhas.

    Like

  2. jonas says:

    Carlos!
    O mais interessante disso,é que o universo e sua “montagem” provém de informação,e ela é decorrente de uma Mente Superior(DEUS).Há total e completa ignorância quanto ao “aparecimento” da energia e da informação,que são as colunas de sustentação de tudo vemos por aí.A cosmovisão há de “cientificar” ou não inferências,e estas são passíveis de erros cruciais,resultando muitas vezes em “andar em círculos” quanto a origem de todas as coisas.

    Like

  3. jonas says:

    Mats!
    Olha um link muito interessante sobre o relativismo contemporâneo1

    Like

  4. Mats says:

    Irmão Jonas,
    Obrigado pelos links. São sempre bem vindos.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s