Darwin e os fueguinos

Original “Os fueguinos encontram-se no mais miserável estado de barbarie, maior do que eu havia imaginado que veria num ser humano”.”É impossível imaginar a diferença que existe entre o homem selvagem e o homem civilizado; é muito maior do que se observa entre um animal silvestre e outro domesticado, pelo que o homem é suscetível de um maior aperfeiçoamento”.

“A linguagem destes fueguinos, conforme nossa maneira de pensar, apenas merece ser considerado algo articulado. O capitão Cook a tem comparado ao pigarro como quando alguém faz cócegas, porém posso garantir que nunca ouvir europeu algum que limparia a garganta com sons tão roucos, tão guturais e tão estalados” (“Viagem de um naturalista ao redor do mundo“).


“Jamais esquecerei o espanto que tive quando pela primeira vez vi uma reunião de fueguinos numa praia selvagem e impérvia, diante da ideia que logo me veio à mente — assim eram os nossos antepassados. Esses homens estavam completamente pelados e tinham o corpo pintado, com os longos cabelos emaranhados, as bocas espumavam de excitação e tinham uma expressão selvagem, apavorada e cheia de suspeita. Malmente tinham alguma arte e viviam como animais selvagens daquilo que conseguiam capturar e eram impiedosos com o que não fosse da sua tribo. Quem tiver visto um selvagem em sua terra nativa não sentirá muita vergonha se for constrangido a reconhecer que em suas veias corre o sangue das mais humildes criaturas. Quanto a mim, quisera antes ter descendido daquela pequena e heróica macaquinha que desafiou o seu terrível inimigo para salvar a vida do próprio guarda; ou daquele velho babuíno que, des cendo da montanha, levou embora triunfante um companheiro seu jovem, livrando-o de uma matilha de cães estupefatos, ao invés de descender de um selvagem que sente prazer em tor turar os inimigos, que encara as mulheres corno escravas, que não conhece o pudor e que é atormentado por enormes superstições”(“A Origem do Homem“. Hemus Editora, p. 711).

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Antropologia, Sociedade and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

1 Response to Darwin e os fueguinos

  1. ND says:

    excelente

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s