Lyon: Católicos Homofóbicos Atacam Homossexuais Pacíficos

Na verdade o que aconteceu foi que um grupo composto de homossexuais e esquerdistas (sempre os mesmos) juntou-se para promover o “Mega Beijo”. E onde é que eles se juntaram? Ora, à porta de uma igreja católica, onde mais? Que melhor sítio para se promover o auto-destrutivo comportamento homossexual que à porta de um local de culto cristão?

O Roberto Cavalcanti escreve:

Nesta terça-feira, dia 18/05, em Lyon, cerca de 400 manifestantes homossexuais, apoiados pela extrema-esquerda, reuniram-se para um beijaço diante da catedral de Saint-Jean. Havia cerca de 200 católicos, patriotas e cidadãos corajosos que não entendiam como tolerar esse ato “catolicofóbico” e provocativo diante de um lugar importante do cristianismo.

A partir de 19h00, eles ocuparam então o pátio da catedral impedindo assim os homossexuais e esquerdistas de realizarem o ato. Esse ato corajoso terminou mais ou menos às 21h30 através de uma ação violenta e brutal da polícia contra os católicos ajoelhados posicionados para uma oração.

Um dos policiais, Philippe, deliberadamente quebrou a cruz feita de madeira e o rosário de um dos católicos, antes de lhe desferir violentamente vários golpes antes de sua prisão. (*)

(*) A perseguição aos cristãos e a criminalização do cristianismo já é uma realidade na Europa. Não é mais possível defender a integridade da liberdade religiosa em determinados países.

A tolerância dos estados ateus europeus é fabulosa, não é?

O Roberto dispõe de mais dados acerca da crescente Cristofobia e Teofobia na Europa no seu post.


Não deixa de ser “curioso” que os homossexuais parecem estar quase sempre na vanguarda da perseguição aos cristãos. Coincidência? Semelhantemente, é curioso que os homossexuais, tal como os ateus, não sejam tão corajosos quando se trata de confrontar os muçulmanos.

Pensem assim: quanto tempo acham que teremos que esperar até vermos um grupo de homossexuais a promover um “Mega Beijo” em frente a uma… mesquita? Provavelmente para sempre. Porque será?

Os países muçulmanos executam os homossexuais, mas a Gaystapo está absurdamente silenciosa em relação a isso. Eles preferem focar-se nos pacíficos católicos (que não promovem a matança de homossexuais) do que focar nos muçulmanos (que promovem a matança de homossexuais, mesmo na Europa).

Isto revela-nos que a guerra dos homossexuais contra os cristãos não tem nada a ver com a defesa da comunidade homossexual, mas sim a ver com o que os cristãos acreditam. Se o motivo que leva os homossexuais a atacar os cristãos fosse o suposto “mau tratamento” que os primeiros recebem dos segundos, então os homossexuais também fariam críticas duras aos muçulmanos. Mas eles não fazem, e portanto, a sua indignação é só uma fachada.

O verdadeiro motivo que leva os homossexuais a atacar os cristãos pode ser visto neste post:

“O Representante da Lei na Presença do Criminoso”

Entretanto, fica aqui um vídeo do que aconteceu em Lyon

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Pecado, Religião, Sociedade and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

22 Responses to Lyon: Católicos Homofóbicos Atacam Homossexuais Pacíficos

  1. Benjamin Bee says:

    Negativo. Os gays só estão replicando séculos de repressão promovida pela ICAR. E necessariamente porque ainda é a ICAR a maior responsável pela falta de tranquilidade social dos homossexuais. Quanto aos muçulmanos, eles ainda não são os responsáveis pela homofobia no ocidente.

    Like

  2. Mats says:

    Benjamin,

    Negativo. Os gays só estão replicando séculos de repressão promovida pela ICAR.

    Não, não estão. Se fosse assim, eles fariam o mesmo com os muçulmanos.

    E necessariamente porque ainda é a ICAR a maior responsável pela falta de tranquilidade social dos homossexuais.

    Não, não é.

    O maior responsável pela falta de tranquilidade social dos homossexuais é a sua própria consciência que continuamente testifica contra as suas prácticas sexuais.

    Quanto aos muçulmanos, eles ainda não são os responsáveis pela homofobia no ocidente.

    São sim senhor. OS homossexuais não os confrontam porque sabem que eles, ao contrário dos católicos, vão ripostar com violência. OS católicos como são pacíficos, os homossexuais persegue-nos.

    Mas isso só mostra a superioridade moral dos católicos em relação aos lobby homossexual.

    Like

  3. Jefferson says:

    Que isso Benjamin. Não entendeu ainda o objetivo do post? Segue um trecho:

    “é curioso que os homossexuais, tal como os ateus, não sejam tão corajosos quando se trata de confrontar os muçulmanos. ”
    “Os países muçulmanos executam os homossexuais, mas a Gaystapo está absurdamente silenciosa em relação a isso. Eles preferem focar-se nos pacíficos católicos (que não promovem a matança de homossexuais) do que focar nos muçulmanos (que promovem a matança de homossexuais, mesmo na Europa).”

    Os cristãos devem ser como os muçulmanos, quer dizer, voltarem a ser como os muçulmanos (lembra-se da idade média em que a ICAR mandava todos os que eram contra seus preceitos, ou que aparentemente eram, para a fogueira?) Ou seja, aniquilar qualquer um que seja contra os seus dogmas, aí sim eu queria ver algum gay ou ateu demostrar sua liberdade de escolha, seja de fé ou sexual. Não é isso Mats?

    Like

  4. Benjamin Bee says:

    Você está propondo que os católicos deveriam voltar a imolar os homossexuais? Não entendi.

    Por outro lado, fico imaginando o que fariam os católicos se houvesse uma manifestação pró islam na frente da catedral. Como reagiriam? Diriam que a rua é pública ou fariam uma barricada?

    É fácil encontrar argumentos a favor ou contra. O fato é que os oprimidos são os gays e não os católicos. E é contra essa opressão que se revoltam. É o fato.

    No mundo ocidental vive-se ainda sob a égide política do catolicismo. Não fossem os “cristões”, católicos e evangélicos, os gays não teriam contra quem lutar. Não precisariam.

    Like

  5. Mats says:

    Jefferson,

    Os cristãos devem ser como os muçulmanos, quer dizer, voltarem a ser como os muçulmanos (lembra-se da idade média em que a ICAR mandava todos os que eram contra seus preceitos, ou que aparentemente eram, para a fogueira?) Ou seja, aniquilar qualquer um que seja contra os seus dogmas, aí sim eu queria ver algum gay ou ateu demostrar sua liberdade de escolha, seja de fé ou sexual. Não é isso Mats?

    Não.
    Os homossexuais deveriam deixar de ser hipócritas, e revelar de uma vez por todas que a sua raiva contra os cristãos não tem nada a ver com a imaginada forma como eles foram supostamente tratados no passado, mas apenas e só a ver com o facto do Cristianismo ser contra a homossexualidade, e isso impedir o avanço político do homossexualismo.

    Se a questão fosse uma de auto-defesa, os homossexuais não se cansariam enquanto não acabassem com a matança de homossexuais por parte de muçulmanos no mundo ocidental e no mundo islâmico.
    Mas como eles estão silenciosos em relação a isso, nós ficamos a saber que eles estão a ser falsos.

    É tudo fachada.

    Like

  6. Jefferson says:

    Desculpe-me Benjamim, só estava sendo sarcástico.
    Claro que sou plenamente contra a qualquer tipo de radicalismo. O que eu queria demostrar com a ironia é que é muita hipocrisia dos católicos (na verdadem dos cristãos em geral)ficarem posando de perseguidos e pacíficos, porque em um passado não muito distante executavam qualquer um que fossem contra seus dogmas e preceitos teológicos, e agora jogam essa pra cima dos muçulmanos, que alias, começaram com essa onda de terrorismo a menos de um século. No Alcorão existem trechos radicais assim como existem trechos pacíficos, da mesma forma que há na Bíblia (vide VT).

    A única diferença dos homo poderem demostrar e lutar por sua liberdade sexual (não é libertinagem, ok, por favor não confundam.) no Ocidente e nos países islâmicos não, é que lá a lei é regulada pela religião, ainda. E felizmente, aqui vivemos sob a égide do direito laico, sem intervenção alguma (será?!) de dogmas religiosos, apesar de muitos ainda estarem presas à velha tradição religiosa. Ou seja, discordo com o Mats de que os homo atacam a ICAR por ela ser contra o homossexualismo. Eles não atacam somente às pessoas religiosas, mas todos os hipócritas (sejam teístas ou não) que pensam que tem mais direito do que eles porque se embasam em uma religião para falar de moral.

    A moral é construída socialmente. Qual cristão hoje é a favor da escravidão? Creio que nenhum. E onde na Bíblia a escravidão foi proibida? (pois existem vários trechos que justificam a escravidão, ou vão me dizer que desconhecem?) Em trecho algum foi proibida. O que quero dizer com isto: moral nada tem a ver com religião. Da mesma forma tratemos do homossexualismo. Tratemos o direito civil e de expressão deles com preceitos humanistas e seculares, os mesmos que aboliram a escravidão e tantas outras atrocidades que a sociedade praticava, não tratemos pois, com preceitos dogmáticos, que só nos levaram a tragédias até hoje, quando confrontados com opniões diversas,

    Like

  7. Benjamin Bee says:

    Obrigado Jefferson, vc me aliviou. Concordo com vc. Também é verdade que a cultura gay inverte a cultura do sistema. Dentro dela, da cultura gay, pasme mas o “underground” é: a fidelidade conjugal, a família, a castidade e uma moralidade positiva. Aliás, eu diria que é uma moralidade revisitada porque nasce de dentro do indivíduo. Isso tem causado enorme confusão. É como foi dito dias atrás no parlamento português: o que se quer que se perceba é que “essas pessoas não são as figuras estereotipadas de um certo imaginário homofóbico”. A homossexualidade reprimida é como qualquer sexualidade reprimida, gera a patologia sexual. O que os homossexuais estão fazendo com a luta pelos seus direitos é, entre esses direitos, a defesa da própria saúde mental.

    E Mats, a revolta homossexual não é contra a repressão só do passado, que não tem nada de suposição (!), mas também e principalmente do presente. Vc mesmo diz que o “cristianismo” é contra a homossexualidade. É isso mesmo que revolta, porque não é a Cristandade que é contra a homossexualidade mas esse “cristianismo” atávico e moralista, que busca a guarida de uma teoria relativista deformada e a serviço de outros interesses que não o legítimo interesse cristão.

    O homem do século XXI não vai mais permitir que conceitos milenares, hoje anacrônicos, sirvam para impedir que a sociedade se aperfeiçoe. Conceitos que se foram úteis, não são mais.

    Claro que não é fácil descontruir esses conceitos, mas é imprescindível tanto quanto inexorável que se o faça, ou tudo continuaria como está e como se vê: guerras, repressão, injustiça, corrupção e violência. A responsabilidade pela a crise moral da sociedade só pode ser atribuída ao moralismo que ela própria engendrou. Se a “moralidade social” que se conhece fosse boa não haveria imoralidade. E não me refiro aos gays, refiro-me a toda a sociedade. E quem engendrou esse moralismo senão esse “cristianismo”?

    Mats, agora entre nós, por mais que se recuse a acreditar, gays fazem parte do Plano de Deus, sim. O Catecismo Católico dá a homossexualidade com “intrinsecamente desordenada” e isso é falso. O CC nesse ponto está ERRADO. A homossexualidade pertence à ordem natural, à lei natural e à lei moral natural.

    E evidente as manifestações gays ocidentais contra a discriminação por orientação sexual no mundo islâmico é pífia, não por temor de retaliação mas porque ainda não se atravessou o rubicão. Mas estamos chegando lá. Além disso, o mundo ocidental desconhece a religião e não se pode ainda argumentar por falta de domínio da linguagem desses nossos futuros interlocutores. Não me refiro ao idioma, mas à comunicação. Não se pode arguir alguém senão com o próprio dialeto do arguido.

    Like

  8. Mats says:

    Jefferson,

    O que eu queria demostrar com a ironia é que é muita hipocrisia dos católicos (na verdadem dos cristãos em geral)ficarem posando de perseguidos e pacíficos, porque em um passado não muito distante executavam qualquer um que fossem contra seus dogmas e preceitos teológicos

    Portanto,como supostamente os homossexuais foram mal tratados pelos cristãos no passado então não há problemas em intimidar e ameaçar os cristãos de hoje, certo?

    Da mesma forma, como os alemães perseguiram os judeus, então não há problemas nenhuns com os judeus a perseguirem e a matarem alemães. É esta a tua lógica?

    Fico “feliz” em saber que o lobby homossexual defende o uso de violência contra os cristãos. Nem imagino o que aconteceria se fossem os cristãos a aprovar o uso de violência contra os homossexuais.

    Ah, e continuas sem dizer o porque do lobby homossexual estar practicamente silencioso à matança que ocorre nos países islâmicos. Motivos políticos?

    É mesmo isso que pensas, ou estás a tentar defender a hipocrisia do lobby homossexual ao não levantar um dedo para defender os homossexuais que são mortos pelos homossexuais?

    No Alcorão existem trechos radicais assim como existem trechos pacíficos, da mesma forma que há na Bíblia (vide VT).

    Então porque é que os homossexuais não cercam mesquitas e atacam muçulmanos? Se ambas são iguais, porquê só se focar nos pacíficos católicos?

    É pura hipocrisia. Os homossexuais focam-se nos católicos porque eles sabem que os católicos não responder com violência.

    Fico à espera que uma organização homossexual faça em frente a uma mesquita o que fizeram em frente a uma igreja.

    A única diferença dos homo poderem demostrar e lutar por sua liberdade sexual (não é libertinagem, ok, por favor não confundam.)

    Mas ninguém diz que eles não são livres de enveredar por prácticas sexuais auto-destrutivas. Nós não queremos saber o que eles fazem nos seus quartos, ou nas suas saunas. O problema é que eles querem impor sobre a cultura as suas prácticas sexuais, mas não aguentam as críticas.

    no Ocidente e nos países islâmicos não, é que lá a lei é regulada pela religião, ainda.

    E os homossexuais não fazem nada.

    E felizmente, aqui vivemos sob a égide do direito laico, sem intervenção alguma (será?!) de dogmas religiosos, apesar de muitos ainda estarem presas à velha tradição religiosa. Ou seja, discordo com o Mats de que os homo atacam a ICAR por ela ser contra o homossexualismo.

    Então discordas com outros homossexuais que dizem que os seus inimigos são aqueles que pensam que a homossexualidade é pecado, isto é, os cristãos.
    Parece-me que os defensores do homossexualismo não estão à vontade em ver os cristãos como perseguidos, e como tal tentam desculpar a violência homossexual contra os cristãos.

    Eles não atacam somente às pessoas religiosas

    Ai é? Quando foi a última vez que viste um grupo de homossexuais a atacar não-cristãos da mesma forma< que usam a violência contra os cristãos?
    Fico À espera que me digas o porquê do lobby homossexual estar silencioso em relação à matança de homossexuais que ocorre nos países islâmicos, e o seu silêncio em relação aos líderes muçulmanos ocidentais que dizem que os homossexuais devem ser mortos.

    Like

  9. Mats says:

    E Mats, a revolta homossexual não é contra a repressão só do passado, que não tem nada de suposição (!), mas também e principalmente do presente.

    Qual “repressão” do presente? Os homossexuais practicamente tem tudo o que querem. NO Brasil tem um presidente socialista que avança com a destruição do casamento normal (tal como todos os socialistas). Em Portugal o “casamento” homossexual foi aprovado pelo primeiro ministro socialista. Nos EUA o presidente põe homossexuais em lugares chave da sua administração.

    Que “repressão” é que tens em mente? A “repressão” de não poder indoutrinar as futuras gerações de que inserir o orgão sexual masculino no anus de outro homem e tão “normal” como um homem e uma mulher terem relações sexuais normais? Pois bem, tomara que essa “repressão” se mantenha, porque a práctica homossexual não é normal. A medicina, a fisiologia, a psicologia, a bio-química, a Sociologia e a Palavra de Deus mostram que o normal é um homem e uma mulher.

    Vocês podem fazer o que vocês quiserem na privacidade dos vossos quartos, mas não podem tentar impor à sociedade o que voces pensam que é normal.

    Vc mesmo diz que o “cristianismo” é contra a homossexualidade.

    E é.

    É isso mesmo que revolta, porque não é a Cristandade que é contra a homossexualidade mas esse “cristianismo” atávico e moralista, que busca a guarida de uma teoria relativista deformada e a serviço de outros interesses que não o legítimo interesse cristão.

    O “legítimo interesse cristão” é contra o comportamento homossexual. Por isso é que os homossexuais odeiam os cristãos.

    O homem do século XXI não vai mais permitir que conceitos milenares, hoje anacrônicos

    Mas os Mandamentos de Deus não estão desactualizados. O homem continua tão pecador hoje como o era a 6000 anos atrás.

    Conceitos que se foram úteis, não são mais.

    Deve haver alguma razão para os bancos de sangue recusarem o sangue dado por homossexuais. Porque será?

    Parece que a Bíblia e a Medicina estão de acordo.

    Like

  10. Elisa says:

    @MATS

    ___________Qual “repressão” do presente? Os homossexuais practicamente tem tudo o que querem. NO Brasil tem um presidente socialista que avança com a destruição do casamento normal (tal como todos os socialistas). Em Portugal o “casamento” homossexual foi aprovado pelo primeiro ministro socialista. Nos EUA o presidente põe homossexuais em lugares chave da sua administração.__________________________

    Corretíssimo. Não existe repressão e o mundo é azul e perfeito.
    Essa notícia do globo.com que diz que no ano passado (2009) quase 200 homossexuais foram assassinados é mentira (http://oglobo.globo.com/pais/mat/2010/03/08/grupo-gay-ba-198-homossexuais-assassinados-em-2009-916014326.asp).

    Isso contando apenas os casos em que a vida é tirada, pois se contarmos as agressões este número precisaria ser multiplicado.

    __________Que “repressão” é que tens em mente? A “repressão” de não poder indoutrinar as futuras gerações de que inserir o orgão sexual masculino no anus de outro homem e tão “normal” como um homem e uma mulher terem relações sexuais normais? ____________

    Onde você leu isso? Tem fontes?
    A repressão citada é sobre a violência e aos direitos que casais heterossexuais tem e os homossexuais não, entre eles direito a herança e não ser possível assumir a guarda do filho do cônjugue (para ver a lista com 78 de alguns dos direitos negados, acesse http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2009/07/450310.shtml ).
    O ensino sobre sexualidade é outro assunto.

    ———–Pois bem, tomara que essa “repressão” se mantenha, porque a práctica homossexual não é normal. A medicina, a fisiologia, a psicologia, a bio-química, a Sociologia e a Palavra de Deus mostram que o normal é um homem e uma mulher.—————————

    Realmente, não é normal: zebras, macacos, golfinhos, ovelhas, búfalos, patos, raposas, elefantes, cavalos, alces, gatos, gorilas, porcos, ratos, coelhos e leões (isso pra citar alguns!) tem animais homossexuais porque aprenderam com humanos. A homossexualidade em animais é muito mais comum do que você imagina, filhote.

    A medicina diz que é anormal?
    -American Medical Association
    -American Psychiatric Association
    -American Psychological Association
    -American Psychoanalytic Association
    -American Academy of Pediatrics
    -National Assossiation of Socail Workers
    Estão todas erradas então, pois dizem que a homossexualidade se trata de um fenômeno natural.

    Sem falar que a genética mostra isso: um gay tem 22% de chance de ter outro irmão gay e se ester forem gêmeos as chances dobram ou até triplicam!
    Também devemos lembrar que o hipotálamo gay é do mesmo tamanho que o de uma mulher heterossexual, e o de uma lésbica é do mesmo tamanho que de um homem heterossexual.

    Fontes:
    -http://jovensmentes.blogspot.com/2008/04/gene-gay.html
    -http://www.youtube.com/watch?v=bnloLzwgaR4
    -Pesquise você mesmo que não é difícil.

    E antes que você venha falar sobre Sociologia, pelamordedeus, que conhecimento você tem sobre isso, filhote?
    A homossexualidade era a coisa mais comum do mundo na Grécia Antiga: nas batalhas de conquista de território as espartenses se relacionavam entre si e o mesmo acontecia com os homens!
    Além disso, grande parte dos filósofos eram gays também (Sócrates, Platão, Foucalt, etc).

    “A palavra de Deus”
    Só existem 6 ou 7 referências de qualquer tipo a homossexuais na Bíblia. Ela faz mais menções a qualquer outra coisa do que sobre homossexualidade!
    Além disso, ela fala um monte de absurdos, como apoio à escravidão e matar crianças que desobecem seus pais.

    -Todos que acreditam em outro deus devem ser mortos (coitadas de 4 bilhões de pessoas na Terra atualmente) http://www.bibliadocetico.net/ex/23.html#24
    – Novamente, mate todos com convicção religiosa diferente da sua http://www.bibliadocetico.net/dt/17.html#2
    – Uma criança bateu em seu pai ou mãe e o feriu? Deverá ser executada http://www.bibliadocetico.net/ex/21.html#15

    Além disso, o Estado é laico. Ele não poder ser baseado em religiões, pois estas se tratam de uma escolha de cada indivíduo.

    —————–Vocês podem fazer o que vocês quiserem na privacidade dos vossos quartos, mas não podem tentar impor à sociedade o que voces pensam que é normal.———————-

    Impor?
    A única imposição que vejo é a perseguição que algumas religiões fazem. Não precisamos impor que homossexualidade é normal, todos que tiverem olhos basta abrí-los.

    Entre 8 e 15% das pessoas são homossexuais.
    Entre 2 e 10% das pessoas são canhotas.
    Aproximadamente 5% dos brasileiros são loiros, e 1% são ruivos.

    Logo, existem mais homossexuais no Brasil do que canhotos, loiros e ruivos juntos! Só um ser irracional para dizer que isso é incomum.

    ————O “legítimo interesse cristão” é contra o comportamento homossexual. Por isso é que os homossexuais odeiam os cristãos.——-

    Pera lá, cuidado ao tomar a parte como todo.
    Existem muitos homossexuais e cristãos que não se odeiam e convivem numa boa. Assim como há os que se odeiam.

    __________________Mas os Mandamentos de Deus não estão desactualizados. O homem continua tão pecador hoje como o era a 6000 anos atrás.________________________

    Não vou debater opinião própria com você, só aquilo que for lógico. O que você acredita não me interessa.

    _____________Deve haver alguma razão para os bancos de sangue recusarem o sangue dado por homossexuais. Porque será?__________________

    Eu conheço alguns que doam sangue há muito tempo (não se declaram homossexuais). Se um dia você receber transfusão de sangue, pode ter certeza que existe a chance dele ter pertencido a um homossexual.

    ——————–Parece que a Bíblia e a Medicina estão de acordo.———————

    Sim, mas só na sua cabeça.

    Like

  11. Jefferson says:

    Mats, liberdade de expressão não é violência nem agressão. Você está dizendo que os homossexuais perseguem e são violentos por que eles se manisfestam? Nos mostre uma fonte qualquer em que um homossexual (ou grupo) tenha atacado física e verbalmente um cristão. É a sua moral cristã que o faz enxergar tudo que é contrário às suas normas como perseguição, enquanto não passa de liberdade de escolha e expressão, isso é garantido constitucionalmente. O mesmo que acontecia na Idade Média.
    Você disse:

    “Vocês podem fazer o que vocês quiserem na privacidade dos vossos quartos, mas não podem tentar impor à sociedade o que voces pensam que é normal. ”

    E quem lhe garante que o que você pensa é normal? A Bíblia? Então devolvo a ti o seu argumento. Pedistes aos homo que fossem aos países muçulmanos fazerem suas manifestações. Vá espalhar as boas novas de Cristo em um país muçulmano também (não foi esse o recado de Jesus? Ide e evangelizai.), já que o seu deus é o deus do impossível, garanto que com fé ele lhe protegerá. Vá pregar o evangelho em mesquitas e sinagogas, templos hindus e busdistas, faça a sua parte enquanto fiel.

    Ninguém está querendo impor nada a minguém, apenas estão querendo o direito deles enquanto cidadãos. O que é uma família enquanto instituição social é da alçada do Estado, enquanto instituição religiosa é da Igreja. Resolvam isso com os seus fiéis, da mesma forma vocês não tem o direito de obrigarem as pessoas a pensarem diferente. O que eles querem é apenas o direito civil e uma conscientização anti-homofóbica, não se trata de incentivar às pessoas a serem gays ou não, não é uma ditadura gay. Eu não sou gay mas defendo o direito deles enquato tal. Por mim se estão se beijando ou não na frente da minha família, desde que haja respeito ao pudor, sem exposição sexual. Explico para minha filha o que isso é, e se um dia ela se sentir interessada pelo o mesmo sexo que o dela, é a vontade dela. Explicar, debater, concientizar, não significa incentivar, da mesma forma que garantir-lhes um direito civil também não significa impor à sociedade uma estrutura gay.

    Like

  12. Mats says:

    Jefferson,

    Você está dizendo que os homossexuais perseguem e são violentos por que eles se manisfestam?

    Vê la onde é que eles se “manifestaram”: bem em frente a uma igreja católica. Achas que isso foi um gesto inocente ou um acto de provocação?

    Nos mostre uma fonte qualquer em que um homossexual (ou grupo) tenha atacado física e verbalmente um cristão.

    Fácil.

    1. Angry Mob of Homosexuals Attack Christians

    2. Gay Extremists Attack Christian Group in San Francisco

    3. O’Reilly Alone Reports Gay Attack on Christians

    4. Homosexual Christophobes Attack Christians

    5. Homosexuals Attack Christians

    Se quiseres mais, é só dizer.

    Longe de serem a vítimas inocentes, os activistas homossexuais estão agora na ofensiva e determinados a esmagar quem quer que se oponha aos seus planos. Isto reduz-se a nós cristãos.

    Você disse:

    “Vocês podem fazer o que vocês quiserem na privacidade dos vossos quartos, mas não podem tentar impor à sociedade o que voces pensam que é normal. ”

    E quem lhe garante que o que você pensa é normal?

    A História, a Sociologia, a Antropologia, a Medicina, a Fisiologia Humana, a Psicologia, e acima de tudo, o Testemunho do Criador.

    A Bíblia? Então devolvo a ti o seu argumento. Pedistes aos homo que fossem aos países muçulmanos fazerem suas manifestações. Vá espalhar as boas novas de Cristo em um país muçulmano também (não foi esse o recado de Jesus? Ide e evangelizai.)

    Mas isso já acontece, amigo. Ainda hoje vi uma notícia de um católico que foi morto na Turquia. Onde tens estado estes últimos anos? Todos os anos milhares de muçulmanos aceitam o Senhor Jesus. Os cristãos ESTÃO LÁ a anunciar a Boa Nova. Onde estão os homossexuais a organizarem “Mega Beijos” em frente a mesquitas?

    já que o seu deus é o deus do impossível, garanto que com fé ele lhe protegerá. Vá pregar o evangelho em mesquitas e sinagogas, templos hindus e busdistas, faça a sua parte enquanto fiel.

    Já está a ser feito.

    Ninguém está querendo impor nada a minguém, apenas estão querendo o direito deles enquanto cidadãos.

    Mas vocês tem o direito de fazerem o que vocês quiserem na privacidade dos vossos quartos. Garanto-te que nenhum cristão quer observar isso. O problema é que vocês querem IMPÔR à sociedade aquilo que voces pensam ser “normal”.

    O que é uma família enquanto instituição social é da alçada do Estado, enquanto instituição religiosa é da Igreja.

    Mas o que vocês querem é impor na sociedade a VOSSA definição de “normalidade”, e como tal, como os cristãos fazem parte dessa sociedade, nós podemos dizer que isso está errado. Nós pagamos impostos como toda a gente, e como tal temos o DIREITO de opinar sobre questões sociais. Enquanto vocês se restrigirem aos vossos quartos e saunas, não vão ter muitos problemas connosco. Se vieram à praça pública e às escolas públicas a querer indoutrinar crianças sobre as vossa prácticas sexuais auto-destrutivas, então nós podemos resistir a isso.

    O que eles querem é apenas o direito civil e uma conscientização anti-homofóbica, não se trata de incentivar às pessoas a serem gays ou não, não é uma ditadura gay.

    Amigo, se eles querem que a sociedade aceite as suas prácticas sexuais, e se eles atacam FISICAMENTE quem se impõe a isso, então é uma ditadura gay (Gaystapo).

    Like

  13. Benjamin Bee says:

    Puxa, Mats! Parabéns! Eu cai direitinho na sua armadilha. Pode me chamar de burro, eu mereço. Hehehe…

    Só agora me dei conta de que você é um fake. Cara, você é genial! É muito melhor que o Waldivino. Estou desconstruído. 🙂

    Like

  14. Mats says:

    Benjamim,
    Não creio que sejas burro, mas creio que foste enganado no que toca ao comportamento homossexual.

    Mas são tuas escolhas. Lembra-te que um dia vais ter que prestar contas ao teu Criador das coisas que fizeste em vida, e aí, a tua inteligência não te vai servir para nada.

    Like

  15. Benjamin Bee says:

    Todos seremos julgados. Não escapará ninguém. E ninguém, NINGUÉM pode presumir da salvação. Presumir da salvação é um pecado que não tem perdão.

    Like

  16. Mats says:

    Benjamin,

    Todos seremos julgados. Não escapará ninguém. E ninguém, NINGUÉM pode presumir da salvação. Presumir da salvação é um pecado que não tem perdão.

    De acordo com a Bíblia, o Apóstolo Paulo estava seguro que iria para o céu (salvação), Será que ele estava errado?

    “Porque eu já estou sendo oferecido por aspersão de sacrifício, e o tempo da minha partida está próximo. Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas, também, a todos os que amarem a sua vinda.” 2 Tim 4:6-8

    Amigo, se tu não sabes para onde vais quando morreres, então tu não estás em Cristo. Paulo sabia para onde ia, e como Paulo era feito de carne e osso como nós, também nos podemos saber.

    Mas olha o que Deus diz:

    “Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores, herdarão o reino de Deus.1 Cor 6:10

    Like

  17. Pedro M says:

    Interessante, Mats. Notícias e debates como estes mostram como o mundo secular hoje vive de dois pesos e duas medidas.

    O mais revelador é este tema: os homossexuais podem dizer o que pensam (o que certo), inclusive usar de violência para tanto; porém, católicos não podem dizer o que pensam e muito menos usar de violência (nem se quisessem). Se esse é o critério do Estado de Direito, alguém aí não sabe o que é rule of law.

    A Elisa disse umas coisas que merecem comentário.

    “Realmente, não é normal: zebras, macacos, golfinhos, ovelhas, búfalos, patos, raposas, elefantes, cavalos, alces, gatos, gorilas, porcos, ratos, coelhos e leões (isso pra citar alguns!) tem animais homossexuais porque aprenderam com humanos. A homossexualidade em animais é muito mais comum do que você imagina, filhote.”

    E daí? Não sei se você reparou, mas zebras, macacos, golfinhos, ovelhas, búfalos, patos, raposas, elefantes, cavalos, alces, gatos, gorilas, porcos, ratos, coelhos e leões não são seres humanos. Para uns é normal comer capim, para outros ter orgasmos de 30 minutos, outros dormem em árvores. Esses comportamentos deviam ser normais para humanos também?

    O “comportamento homossexual” de um pato só pode ser usado por argumento quando discutirmos homossexualismo de patos. Animais com comportamentos (em geral) tão diversos quanto dos humanos não podem ser comparados a humanos.

    Mais:

    “Só existem 6 ou 7 referências de qualquer tipo a homossexuais na Bíblia. Ela faz mais menções a qualquer outra coisa do que sobre homossexualidade!
    Além disso, ela fala um monte de absurdos, como apoio à escravidão e matar crianças que desobecem seus pais.

    -Todos que acreditam em outro deus devem ser mortos (coitadas de 4 bilhões de pessoas na Terra atualmente)….. etc. etc.”

    Interpretação infantil e anacrônica da Bíblia, não passa de espantalho manjado. Para interpretar a Bíblia assim, você precisa pegar esses versículos ISOLADOS e IGNORAR os outros 71 LIVROS da Bíblia, e mesmo assim não consegue distinguir se esses versículos são “ordens divinas” ou leis civis da época. Isso é que é boa vontade pra ridicularizar cristãos.

    “A homossexualidade era a coisa mais comum do mundo na Grécia Antiga: nas batalhas de conquista de território as espartenses se relacionavam entre si e o mesmo acontecia com os homens!
    Além disso, grande parte dos filósofos eram gays também (Sócrates, Platão, Foucalt, etc).”

    O duro vai ser mostrar o que você disse, principalmente como você concluiu que Sócrates e Platão eram gays, e que junto com “Foucault etc.” formam a “grande parte dos filósofos”.
    Aliás, a existência de filósofos homossexuais não prova coisa alguma de sociologia gay. A maior parte dos estilistas e cabeleireiros também são gays (isso comprovadamente), e o fato não faz a menor diferença para a natureza humana.

    Fontes históricas sobre as guerras das Termópilas (só pra ficar nos espartanos), a propósito, dizem o contrário de você.

    Outra:

    “A única imposição que vejo é a perseguição que algumas religiões fazem. Não precisamos impor que homossexualidade é normal, todos que tiverem olhos basta abrí-los.

    Entre 8 e 15% das pessoas são homossexuais.
    Entre 2 e 10% das pessoas são canhotas.
    Aproximadamente 5% dos brasileiros são loiros, e 1% são ruivos.

    Logo, existem mais homossexuais no Brasil do que canhotos, loiros e ruivos juntos! Só um ser irracional para dizer que isso é incomum.”

    Só se essas proporções estiverem corretas (e não há evidência disso), e se nenhum homossexual for canhoto, loiro ou ruivo. Só um irracional para usar estatística assim e tentar respaldar com o argumento de que, se existe leão gay, logo pode existir homem gay também.

    E ainda diz que só quer discutir lógica…

    Like

  18. Benjamin Bee says:

    “Amigo, se tu não sabes para onde vais quando morreres, então tu não estás em Cristo. Paulo sabia para onde ia, e como Paulo era feito de carne e osso como nós, também nos podemos saber.”

    Mats, fale com seu padre. Devo alertá-lo que você ignora a gravidade desse pecado.

    Like

  19. Mats says:

    Mats, fale com seu padre. Devo alertá-lo que você ignora a gravidade desse pecado.

    Não é pecado acreditar no que a Bíblia diz.

    Like

  20. Cristianismo says:

    O cristianismo foi uma revolução e evolução na época das decadentes sociedades Romana e Grega.As leis de um país deve observar a moralidade publica e a cultura da maioria, objetivando a harmonia social. O Brasil até pode ser laido mas não ateu.
    “O termo ateísmo foi originado do grego ἄθεος (atheos), e era aplicado a qualquer pessoa que não acreditava em deuses, ou que participava de doutrinas em conflito com as religiões estabelecidas.”

    “A terminologia laico é um adjetivo que tem como significação: postura separadora e crítica quanto à influência da religião na organização política, econômica e social nas sociedades contemporâneas. O laicismo teve seu ápice no final do século XIX e o início do século XX e pode ser entendido como uma corrente filosófica que defende na teoria e na prática a separação entre o Estado e a Igreja e comunidades religiosas, bem como a neutralidade do Estado com relação aos assuntos religiosos.O laicismo não deve ser confundido com a constituição de um Estado ateu.

    Like

  21. Batista says:

    A razão dita que nem tudo que atende a interesses de alguns, possa ser referencia para a maioria da sociedade. Todo ser humano merece respeito e cada um faz da vida o que bem entender, por isso existe materias improprias, privacidades individuais ou de grupos, visando harmonia social.
    “.J.L. Heilborn da Universidade de Califórnia em Berkeley escreve que: “A Igreja Católica ajudou mais que ninguém financeira e socialmente ao estudo da astronomia por mais de seis séculos, da recuperação dos estudos antigos durante a última etapa da Idade Média até a Ilustração”. Somente os alcances científicos dos jesuítas alcançaram todos os cantos da terra.
    “Bem mais do que o povo hoje tem consciência, a Igreja Católica moldou o tipo de civilização em que vivemos e o tipo de pessoas que somos. Embora os livros textos típicos das faculdades não digam isto, a Igreja Católica foi a indispensável construtora da Civilização Ocidental. A Igreja Católica não só eliminou os costumes repugnantes do mundo antigo, como o infanticídio e os combates de gladiadores, mas, depois da queda de Roma, ela restaurou e construiu a civilização”. [Woods, 2005, pg. 7]

    Like

  22. Arnon Silva says:

    A Vice Procuradora Geral Sandra Cureau é categórica.”a manifestação de pensamento sobre o aborto ou qualquer outro tema, seja expressando posicionamento favorável ou contrário, é assegurada pela ordem constitucional e nada há de ilegal em escrutinar os posicionamentos dos partidos políticos, candidatos, apoiadores, sobre temas polêmicos, apenas porque se trata de período eleitoral”.

    “Hoje as cruzadas são para resistir as idéias do relativismo moral que avançam especialmente contra a sociedades religiosas.”O argumento principal que os relativistas tentam usar é o da tolerância. Eles afirmam que dizer a alguém que sua moralidade é errada é intolerante, e relativismo tolera todas as posições. Mas isso é simplesmente um engano.

    Antes de tudo, o mal nunca deve ser tolerado. Devemos tolerar o ponto de vista de um estuprador de que mulheres são objetos de gratificação a serem usadas?

    Segundo, esse argumento se destrói porque relativistas não toleram intolerância ou absolutismo.

    Terceiro, relativismo não pode explicar porque qualquer pessoa deve ser tolerante em primeiro lugar.

    O fato que devemos tolerar pessoas (mesmo quando descordamos) é baseado na regra absoluta moral que devemos sempre tratar as pessoas justamente – mas isso é absolutismo de novo! Na verdade, sem princípios universais morais, a bondade não pode existir.www.GotQuestions.org!”

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s