Nanorrobô feito de DNA dá os primeiros passos

Eis mais um avanço científico e biológico que nada deve ao mito da teoria da evolução.

Robô molecularCientistas norte-americanos criaram um robô molecular autônomo, feito com fitas de DNA, que é capaz de se mover, parar e virar ao longo de uma pista também construída com moléculas de DNA.

A miniaturização dos robôs, fazendo-os encolher até a escala molecular, poderá oferecer aos cientistas ferramentas para atuar em nível molecular que trarão os mesmos benefícios que os robôs e a automação trouxeram para a escala macroscópica.

Embora ainda estejam longe de se tornarem práticos, os robôs moleculares poderão ser programados para avaliar o ambiente ao seu redor por meio de sensores, detectando, por exemplo, moléculas no interior das células que indiquem a presença de doenças.

Referências à teoria da evolução fizeram-se notar pela sua ausência. Alguém ficou surpreendido?

Claro que os cientistas que trabalham neste tipo de pesquisa não se apercebem das ramificações ideológicas e religiosas do que fazem. Foi preciso informação para criar o nanorrobô? Então e o ADN original é o resultado de composição informativa? Foi preciso inteligência para criar a informação do nanorrobô? Então porque é que os ateus acham que o ADN original não é o resultado de inteligência?

Impressionante como as pessoas tem as evidências de design bem à sua frente mas preferem dizer que “não há evidências para a existência de Deus”.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia, Ciência and tagged , , , . Bookmark the permalink.

2 Responses to Nanorrobô feito de DNA dá os primeiros passos

  1. ND says:

    a teoria da evolução pressupõe diversos modelos que falharam no sentido de não terem deixado descendentes. Quantos modelos falhados até chegar a este sucesso…

    Like

  2. Mats says:

    Nuno Dias,

    a teoria da evolução pressupõe diversos modelos que falharam no sentido de não terem deixado descendentes. Quantos modelos falhados até chegar a este sucesso…

    Mas pressupor modelos não é evidência de que eles de facto existiram.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s