Grávidas tendem a ficar com doenças adormecidas

Quem é como o Senhor, Nosso Deus, que habita nas alturas
Que Se curva, para ver o que está nos céus e na terra;
Que do pó levanta o pequeno, e do monturo ergue o necessitado,
Para o fazer assentar com os príncipes, sim, com os príncipes do seu povo;
Que faz com que a mulher estéril habite em família e seja alegre mãe de filhos?!
Louvai ao Senhor.
Salmo 113:5-6

Mais um impressionante sistema de auto-defesa que Deus colocou na mulher.


A medicina a chama de remissão. Basicamente, isso é um estado de saúde no qual uma doença fica aparentemente inerte e sem nenhum sintoma na pessoa, mas não deixa de existir. É comum em grávidas, especialmente quando se trata de doenças auto-imunes (aquelas em que as células de defesa atacam o próprio organismo, sem motivo aparente), que são especialmente perigosas nesse período.

Cientistas da Universidade de Michigan (EUA) fizeram um estudo para descobrir porque é comum as mulheres entrarem nesse estado de remissão quando estão esperando um bebê. A chave para entender o motivo seria uma proteína, chamada de piruvato-quinase.

Essa enzima é parte fundamental no sistema imunológico, e a falta dessa substância no organismo é muito perigosa, pelo seguinte motivo: sem ela, o sistema imunológico não funciona com a mesma eficiência, o que abre espaço para a ação das doenças auto-imunes.

Assim, o corpo combate essas doenças apenas pela metade, o que leva o corpo ao estado de remissão: a doença foi aparentemente combatida, mas na verdade ainda existe e pode voltar mais forte ainda depois.

Por essa razão, os médicos apontam para a importância da descoberta, já que a partir dela podem se desenvolver tratamentos para suprir o organismo das grávidas com piruvato-quinase. Essa proteína tem um decréscimo natural em gestantes, por isso a preocupação especial com elas.

Descobriu-se essa carência da proteína a partir de testes de comparação, nos quais os organismos de 46 mulheres grávidas foram analisados ao lado de não-gestantes. O desenvolvimento de novos medicamentos nesse sentido pode ajudar a preservar a saúde das futuras mães no mundo todo. [Science Daily]

Nenhuma referência foi feita ao mito ateu chamado de “teoria da evolução” e nem era preciso. Se já é difícil aceitar que a reprodução sexual seja o resultado de forças não inteligentes, mais complicado fica aceitar que este sistema de “suspensão” de doenças seja o resultado de forças naturais (sem inteligência, sem propósito, sem plano, etc).

A teoria da evolução é uma história mitológica usada com o propósito de cegar as pessoas para o design que existe na natureza. Esse design é melhor explicado como o resultado de um Designer Inteligente, e não como o resultado de forças sem inteligência. Por mais semântica que os nossos amigos ateus possam inventar a volta dos dados da ciência, a verdade é que o que eles acreditam não faz sentido nenhum.

Mas também, não é suposto fazer sentido, mas sim manter Deus fora da equação.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia and tagged , , . Bookmark the permalink.

4 Responses to Grávidas tendem a ficar com doenças adormecidas

  1. wallacevidal says:

    Agora vamos analisar o seu ponto de vista ao afirmar que isso é “mais um impressionante sistema de auto-defesa que Deus colocou na mulher”.

    Eu sou evolucionista, tenho uma idéia do que seja isso, assim como você. um criacionista, já tem a idéia do que pensa que é. Nós dois temos uma opinião sobre o assunto; opinião distinta, mas temos.

    Agora vamos pensar em uma pessoa que não tem opinião formada sobre o assunto e, não sei como, não acredita na evolução e nem na criação divina. O que ela falaria do nosso ponto de vista? Ela certamente falaria:

    [Para você] Você ACREDITA, mas não prova que foi Deus que fez isso.

    [Para mim] Você ACREDITA, mas não prova que foi a evolução que fez isso.

    Conseguiu entender o que eu quis passar? Da mesma forma que você diz que os “ateus usam fé nisso”, um ateu pode dizer que você usa fé no que pensa, e mais: o ateu pode provar que você está usando fé, você só pode afirmar… nada de provas.

    Like

    • Carlos says:

      Sim, no final tudo é questão de fé. Você pode escolher a que faça mais sentidos. Mas dizer que o evolucionismo é totalmente provado é não necessita de crenças em nada já é mentira. Você mesmo diz que não é assim. O que se critica aqui é isto, dizer que a evolução é racional, baseada em evidências e não necessita de fé. Mas na verdade é o contrário, precisa de impressionante fé para crer nele.

      Like

  2. ND says:

    Quando estão à espera de um bébe é natural que as defesas da gestante diminuam, encontra-se um corpo estranho no seu corpo que apenas possui metade da sua informação genética.
    A mesma função desempenha a medicação em transplantados de órgãos.

    Não será muito difícil concluir que a alternativa seria uma maior probabilidade de rejeição do feto/embrião. Segundo a teoria da evolução, pequenas modificações, ao longo de milhões de anos, conduziram ao estado actual, não obstante de todos os modelos falhados.

    Parece-me que um design inteligente, não reduziria as defesas, o quanto inteligente é reduzir defesas?

    Like

  3. Remissão não é nada disso. Eu sei que pouco importa mas a verdade é que remissão é o desaparecimento da doença, normalmente cancro, muitas vezes em resposta a um tratamento muitas outras sem razão aparente.

    A que se refere o post é a uma diminuição de sinais e sintomas de doenças auto-imunes por déficit de sistema imunitário. O que é de esperar em doentes transplatados, com SIDA ou grávidas. Como se trata de doenças auto-imunes elas voltam , ficando apenas menos activas, não sendo portanto uma remissão.

    Claro que isto, como qualquer argumento por mais esdrúxulo que seja, serve para manter a fé criacionista da terra jovem.

    Foi mais um tiro no pé mas como para os CTJ tudo vale até parece válido.

    Não me parece é tão válido chamar de evolucionistas ateus os católicos romanos.

    Lá que aceitam a evolução é verdade mas daí a chamar ateu ao Papa…

    Penso que deveria haver um pouco mais de respeito por uma religião que tem mais de mil milhões de crentes em todo o mundo.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s