Sinisterismo – A religião secular da mentira

“The behavior of power-intensive regimes such as Nazism and Stalism is best explained by a shared hostility toward Christianity and Judaism.”

URL – http://www.intellectualconservative.com/2006/02/23/bruce-walker%E2%80%99s-sinisterism-secular-religion-of-the-lie/

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Islão, Pecado, Política, Sociedade and tagged , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

2 Responses to Sinisterismo – A religião secular da mentira

  1. Sérgio Sodré says:

    “The behavior of power-intensive regimes such as Nazism and Stalism is best explained by a shared hostility toward Christianity and Judaism.”

    As explicações com base num factor único são necessariamente redutoras e até facciosas. Hitlerismo e Estalinismo são fenómenos políticos que visavam a conquista, a conservação e o aumento do poder… e não tinham como objectivo central questões de ordem religiosa… A neutralização dos poderes religiosos é meramente instrumental para manietar as forças hostis através da destruição dos seus diversos apoios (entre os quais estavam as organizações religiosas).
    Não foram conspirações ateias/diabólicas para destruir os teístas judaico-cristãos.

    Like

  2. Herberti says:

    As profundas conexões entre a liderança nazista e certas sociedades secretas praticantes do ocultismo estão bem estabelecidas pela pesquisa histórica. Existem fortes evidências do envolvimento de Karl Marx com práticas ocultistas. O avô de Charles Darwin foi reconhecidamente um homem envolvido em uma sociedade mística que acreditava, entre outras coisas, na evolução dos seres.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s