Hélio Schwartsman mente sobre ateísmo em prisões

Nada como começar o ano mostrando a desproporcional presença dos “sem religião” nas prisões brasileiras, e a tentativa dum ateu de esconder este facto desconcertante.

Hélio Schwartsman mente sobre ateísmo em prisões

Em 05 de agosto de 2010, o jornalista judeu ateu Hélio Schwartsman escreveu artigo para a Folha de São Paulo criticando a postura de Datena, que em seu programa recriminava os ateus por não terem limites morais, argumentando o que se segue:

Se é da religião que vem a moral, deveríamos, como vivamente prognosticou Datena, encontrar nas prisões um grupo desproporcionalmente grande de ateus e menor de religiosos. Não é isso, porém, o que sugerem os dados. Estatísticas reveladas por uma funcionária do Birô Federal de Prisões dos EUA de 1997 mostraram que a proporção de cristãos era de 80%, mesmo valor da população geral. Muçulmanos, que correspondem a algo entre 1% e 3% dos norte-americanos, eram 7,2% dos presidiários.

Já os ateus declarados, que se contam em 0,4% na população geral, eram 0,2% dos apenados.

Como se observa, a fonte citada pelo jornalista em questão é “uma funcionária do Birô Federal de Prisões dos EUA” e não propriamente uma fonte fidedigna, através da qual ele poderia dar fundamento sólido a sua argumentação. Para piorar, os dados citados desta fonte não correspondem à verdade, conforme prova o site Adherents.com.

Os responsáveis pelo site contactaram David Rice, que em 2002 lhes escreveu a respeito da origem dos dados, afirmando que vieram de Denise Golumbaski, que de fato era uma Analista de Pesquisa do Birô Federal de Prisões. Os dados foram compilados igualmente em 1997, mas, curiosamente, em 1999 a funcionária em questão já não trabalhava mais lá. Os dados foram requisitados pelo Sr. Rod Swift, que os repassou para o mencionado website. Posteriormente, contactaram o Birô Federal de Prisões para confirmar que os dados realmente vinham de sua base de dados.

Esses dados, no entanto, contrastam com aqueles divulgados por Schwartsman, que não teve nem um pouco de cautela para, em seu jornalismo de mentira, repassar uma fraude que militantes ateus gostam de divulgar. Os dados verdadeiros da orientação religiosa nas cadeias norte-americanas foram estes:

Catholic                29,267   31.432%
Protestant              26,162   28.097%
None/Atheist/Unknown    18,537   19.908%
Muslim                   5,435    5.837%

American Indian          2,408    2.586%
Nation of Islam          1,734    1.862%
Rastafarian              1,485    1.595%
Jewish                   1,325    1.423%
Church of Christ         1,303    1.399%
Pentecostal              1,093    1.174%

Moorish                  1,066    1.145%
Buddhist                   882    0.947%
Jehovah's Witnesses        665    0.714%
Adventist                  621    0.667%
Eastern Orthodox           375    0.403%

Latter-day Saints          298    0.320%
Scientology                190    0.204%
Hindu                      119    0.128%
Santeria                   117    0.126%
Sikh                        14    0.015%
Baha'i                       9    0.010%

ISKCON                       7    0.008%
--------------------    ------  --------
Total                   93,112  100.000%

Conforme se observa, os ateus e os “sem-religião” aparecem figurando aproximadamente 20% dos detentos e não, conforme divulgado mentirosamente, 0,2% de ateus, cuja exata proporção deve ser bem maior no interior desses 20%.

Além de tudo, a superrepresentação de pessoas sem-religião nas prisões, no interior das quais se inserem os ateus, é consistente com pesquisas de maior credibilidade, como as pesquisas brasileiras da FGV e da UNICAMP, já divulgadas neste blog.

Sendo assim, mentiroso o jornalismo do Sr. Hélio Schwartsman em sua sanha de defender o indefensável.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Pecado, Religião, Sociedade and tagged , . Bookmark the permalink.

10 Responses to Hélio Schwartsman mente sobre ateísmo em prisões

  1. Nuno Dias says:

    a desproporcional presença dos “sem religião”
    como é que é desproporcional? os ateus estão num grupo com mais “None” e “Unknown” o que signfica que são menos de 18% contra 82% dos que têm uma qualquer religião.
    Os crentes em Jesus são os campeões do roubo por esticão…

    Like

  2. Belisarius says:

    Mesmo assim os Ateus/Sem Religião perfazem um número muito alto nas cadeias norte-americanas.

    A parcela da população americana que se diz declaradamente atéia é de apenas 0,5 %, logo se houvesse correlação estatísitca em termos proporcionais, os números de ateus na cadeia seria de 0,5 %.

    Alguém pode argumentar que colocaram os Ateus junto do grupo dos sem religião (afinal, alguém que não tenha religião não é necessariamente Ateu), contudo a população americana que perfaz os que se declaram sem religião é de 9,3%.

    Ateus 0,5% + Sem Religião 9,3% = 9,8% da população.

    Mas a população carcerária que se diz atéia ou sem-religião continua desproporcional, pois ela soma 19,908 % dos presidiários, ou seja, um pouquinho mais que o dobro do que seria estatisticamente previsível.

    Fonte dos Números Utilizados: Almanaque Abril 2010, Ano 36, página 459, Editora Abril

    Like

  3. Icarus says:

    Estes números estão estranhos, os ateus deveriam estar separados, para uma análise mais eficiente. De qualquer forma, não vejo que isso tenha muita relevância. É obvio que se a maioria da população fosse compostas de ateus, os ateus seriam a maioria nas prisões. O que isso prova? Nada, a não ser que a religião, ou a falta dela, não define o caráter.

    Agora o Hélio Schawartsman perdeu algumas estrelinhas por gastar tempo em responder alguma coisa do Datena. Se os amigos portugueses não conhecem o jornalismo do Datena, não perderam nada. É um lixo de programa, vive de polêmicas. E não se enganem, ele tem tanto Deus no coração quanto a Dilma. Ele só toca neste assunto, pois sabe que dá audiência.

    Like

  4. Mats says:

    Nuno Dias,

    como é que é desproporcional? os ateus estão num grupo com mais “None” e “Unknown” o que signfica que são menos de 18% contra 82% dos que têm uma qualquer religião.

    Curioso que quando se trata de inflacionar o número dos ateus, vocês já não se coíbem de usar os “sem religião” como significando “ateus”. Quando não vos interessa, então já querem dividir o grupo.

    Além disso, como vocês colocam todos os “religiosos” no mesmo saco, nós podemos colocar todos os “sem religião” no mesmo saco. Se vocês podem usar eventos executados por muçulmanos como evidência contra a religião no geral, então nós podemos usar maus eventos causados pelos “sem religião” como evidência contra todos os “sem religião”.

    Os crentes em Jesus são os campeões do roubo por esticão

    Os crentes em Darwin e Marx são os campeões por genocídio, mas isso é outro assunto.

    Like

  5. Antonio Porto says:

    Há mais um detalhe ignorado aqui : muitos que estão presos, estavam desligados de suas igrejas (católica, evangélica) ou desviados,
    como nós chamamos.
    E muitos sem religião, se converteram dentro da cadeia. Isso é um fato.
    Os ateus deixam de ser ateus quando caem atrás das grades, pois
    procuram conforto nas religiões que os acolhem ou agradam.

    Like

  6. Peter Anderson says:

    Pessoal, parece que o autor do site não procurou direito no site que fez a consulta pois lá diz sim o n° de ateus nas prisões de acordo com a pesquisa do Birô Federal de Prisões dos EUA de 1997 é de 0,2%, confiram no link abaixo:

    FONTE: http://www.adherents.com/misc/adh_prison.html

    Like

  7. Peter,

    Não venha sendo tendencioso. O artigo fala das prisões inglesas, não das americanas.

    E sobre essa pesquisa dos EUA há várias dúvidas sobre a validade dela e o próprio seu fla isso.

    Like

  8. Alessandro says:

    Que artigo mal feito e preconceituoso. O Jornalista “judeu ateu” ??? Isso é forma de catalogar um ser humano ?
    [[Claro que é. A não ser que aches uma ofensa alguém ser identificado como judeu ou pior, como ateu. É isso que achas? – Mats
    Lamentáveis atos das pessoas com fé e sem ética.

    [[Sem a tua “ética”, queres dizer – Mats

    Like

  9. mschlindwein says:

    Colocar “ateus”, “sem religião” e “religião desconhecida” no mesmo saco é uma idiotice estatística, pois não significam a mesma coisa. Com esses dados, absolutamente NADA pode ser afirmado sobre a proporção de ateus em prisões.Todo ateu é sem religião, mas nem toda pessoa sem religião é ateia. Sem falar dos de “religião desconhecida”… Se querem fazer pesquisa estatística, então que a façam corretamente.

    Like

  10. Gui says:

    Parei no “Judeu ateu”…

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s