Homologia: Embriologia Invalida Pretensões Evolutivas

Eu fiz a terra, o homem e os animais que estão sobre a face da terra, pelo Meu grande poder e com o Meu Braço Estendido, e a dou àquele que me agrada em Meus Olhos.
Jeremias 27:5

De acordo com a mitologia evolutiva a homologia é

O estudo biológico das semelhanças entre estruturas de diferentes organismos que possuem a mesma origem ontogenética e filogenética.

Segundo a mesma fonte

A homologia tem sido uma forte evidência em favor da Teoria da Evolução, pois ela sugere ancestralidade comum entre organismos diferentes possuindo estruturas frequentemente semelhantes com a mesma origem embriológica, lembrando que o desenvolvimento do embrião recapitula parcialmente as origens do organismo.

O problema para os evolucionistas é que, para além da recapitulação não suportar a filogenia, órgãos ditos homólogos seguem percursos embrionários totalmente distintos.

A validade da interpretação evolutiva da homologia seria grandemente fortificada não só se as pesquisas genéticas e embriológicas pudessem mostrar que estruturas homólogas são especificadas por meio de genes homólogos, mas também que essas mesmas estruturas seguissem padrões de desenvolvimento embrionário homólogos.

Tal homologia seria sem dúvida fortemente sugestiva de “verdadeiro relacionamento; hereditariedade a partir dum ascendente comum“. Mas a ciência tem mostrado que esta crença evolutiva não tem suporte experimental.

O falhanço das tentativas de se encontrarem bases genéticas e embriológicas para a homologia é discutido por Sir Gavin de Beer (embriólogo e antigo Director do Museu Britânico da História Natural) na sua monografia “Homology, an Unresolved Problem” (1971).

Um exemplo dado por de Beer é a formação embrionária do canal alimentício (aparelho digestivo) entre os vários vertebrados. A forma como o mesmo se materializa no tubarão, na lampreia, no sapo, nas áves e nos répteis é totalmente distinta uma das outras.

Outra exemplo é o do rim do vertebrado. Nos peixes e nos anfíbios o rim deriva-se directamente dum órgão embrionário chamado de mesônefro, enquanto que nos répteis e nos mamíferos o mesônefro degenera-se mais para o final da vida embrionária e não tem papel algum na formação do rim adulto.

Se estas estruturas descendem de um ancestral comum, porque é que ao nível embrionário seguem caminhos tão distintos?

Devido à enorme diferença existente nos estágios embrionários iniciais entre as distintas classes dos vertebrados, não há a mínima dúvida de que os órgãos e as estruturas consideradas “homólogas” nos vertebrados adultos não podem ser associados de volta a células ou regiões na fase inicial da embriogénese.

Dito de outra forma, as estruturas tidas como homólogas não só são codificadas de forma distinta, como desenvolvem-se de forma díspar.

Então….qual é a utilidade evolutiva da homologia?

A utilidade evolutiva da homologia é a mesma da teoria da evolução em si: argumento contra Deus. O seu propósito é demonstrado nas palavras do “profeta” Darwin:

Nada pode ser mais despropositado do que tentar explicar a semelhança dos padrões nos membros da mesma classe aludindo à doutrina das causas finais. (…) Segundo a visão normal da criação independente da cada ser [coisa que nenhum criacionista defende – Mats], nós podemos apenas dizer que é o que é: – que foi do agrado do Criador construir todos os animais e plantas em cada classe maior de acordo com um plano uniforme: mas isto não é uma resposta científica.

Portanto, o propósito da interpretação da homologia é apenas e só o de dizer que “não faz sentido Deus construir sistemas com funções semelhantes de acordo um plano arquitectónico semelhante. Deus deveria construir todos os animais diferentes uns dos outros!” Claro que nenhum designer funciona assim. Um designer que se preze de certo que aplicaria o mesmo design funcional em outros sistemas que executassem funções similares.

Conclusão:

A homologia não serve de evidência para a descendência comum das formas de vida. Embora as estruturas na idade adulta tenham funções semelhantes, ao nível embrionário elas desenvolvem-se de forma distinta. Não é lógico assumir que, embora elas se desenvolvam de forma tão diferente umas das outras, elas tenham um passado comum apenas e só porque na idade adulta elas apresentam semelhanças.

Segundo: a semelhança entre as estruturas não é um argumento contra Deus uma vez que qualquer designer usa um design óptimo em diferentes estruturas. Todos os veículos que andam sobre as estradas tem rodas ou sistemas circulares entre si e a estrada. Será que isso é evidência contra a inteligência do homem? Ou será antes o uso de uma estrutura funcional em vários veículos que navegam sobre o mesmo tipo de superfície?

O que o evolucionista tem que explicar ao mundo é como é possível que um processo não inteligente siga caminhos distintos mas chegue às mesmas estruturas biológicas. Porque é que genes distintos codificam para estruturas semelhantes, e genes idênticos fazem exactamente o contrário?

A teoria da evolução não tem explicação científica para estes dados para além de “Deus nunca faria isto assim”. Mas, citando um famoso evolucionista, “isto não é uma resposta científica”.


 

Modificado a partir do livro “Evolution: A Theory in Crisis” – páginas 145 e 146.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

30 Responses to Homologia: Embriologia Invalida Pretensões Evolutivas

  1. jonas says:

    Será que já fizeram a correção da “grande fraude de Haeckel onde:”a Ontogênese recapitula a Filogênese”?

    “a embriologia não invalida,simplesmente não confirma”…explique-se melhor!

    Like

  2. Herberti says:

    Quando analisamos, por exemplo, os projetos que Oscar Nyemayer criou ao longo de sua vida, podemos notar claramente um padrão que permanece: as linhas curvas, o estilo “orgânico”. Independente da função, do tamanho, da proposta,da época e do lugar do projeto, é um característico que permanece. A homologia cumpre o mesmo papel. É o “jeito” que O Designer tem de trabalhar, é sua assinatura escondida.
    É curiosa a maneira como as contradições da alma humana se manifestam: cientistas são aqueles que perseguem a ordem, o padrão, o senso. Quando encontram isto na Natureza deveriam supor primariamente ser aquilo evidência de uma ordem e organização superiores. Mas, estranhamente, preferem supor que tudo vem do caos, do acaso, com os quais não é possível haver ciência.

    Like

  3. Nuno Dias says:

    @jonas
    Será que já fizeram a correção da “grande fraude de Haeckel
    Sim, já.
    explique-se melhor!
    Não encontram evidências em como a embriologia invalida do evolucionismo.

    @Herberti
    cada um olha como quer.
    Os criacionistas olham para uma galáxia e dizem: “Que obra maravilhosa de Deus.”

    Olha para um furacão e o que dizem?

    compare-se as imagens…

    Like

  4. jonas says:

    Nuno!

    “não encontram evidências de como a embriologia invalida o evolucionismo…”

    As evidências vem da Biologia do Desenvolvimento onde para se formar novos planos corporais precisa-se de que as mutações sejam no período primordial do novo ser,e isto trás resultados como doença,mal formação e morte.Então a embriologia trás a péssima noticia de que as tão propaladas “mutações milagrosas” que transformam um Australophitecus em um Antropólogo são falhas.

    Para se formar um novo ser é necessário que estas mutações estabeleçam mudanças bem no início da formação deste ser,mas isto cientificamente se tornou impossivel.

    Creio que simplificas demasiadamente coisas que não são simples,principalmente quanto a questão de mutações aleatórias e seleção serem o “motor” de grandiosas e complexas mudanças.

    Like

  5. jonas says:

    Mats!

    A grande mentira da homologia é que ela se assenta em um pressuposto que está prestes a ruir,que se chama descendência comum.

    A diversidade de genes,os genes ORF,s e a descoberta que há vários códigos genéticos,fazem esta “arvore” se tornar um gramado.

    A descendência comum só esstá onde está,pois está no centro de defesa do castelo darwinista,mas as “bombas evidenciais” a alcançarão.

    Like

  6. Icarus says:

    ô Barabucho, meu sósia😉

    Muito bom este exemplo de comparação de uma Galáxia com um furacão hein?

    Se importa se eu incorporá-los aos meus “Best Practices Scripts”?🙂

    Like

  7. Nuno Dias says:

    @Icarus
    usa e abusa😉

    @jonas
    mutações de “biologia do desenvolvimento” em nada tem a ver com mutações genéticas.
    uma mutação genética que se verifique favorável se-lo-á a nível embrionário.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Muta%C3%A7%C3%A3o

    Like

  8. Mats says:

    Nuno Dias,

    Correcção. A embriologia não invalida, simplesmente não confirma.

    Lê o que o título do post diz: “Embriologia Invalida PRETENSÕES Evolutivas.” Vocês evolucionistas pretendiam usar as semelhanças genéticas e morfológicas como evidência para a vossa mitologia, mas a ciência refuta.

    Portanto, o título está certo: embriologia invalida as vossas pretensões. Better luck next time.

    cada um olha como quer.
    Os criacionistas olham para uma galáxia e dizem: “Que obra maravilhosa de Deus.”

    E é. Ou não achas que há beleza no universo?

    Olha para um furacão e o que dizem?
    http://1.bp.blogspot.com/_ETcGwYjOr00/SLdugyzE49I/AAAAAAAAAMI/0zF17-h5k2Q/s320/katrina.jpg

    Dizemos: “Eis aí a consequência do pecado da humanidade. Do pecado do Nuno Dias, do pecado do Icarus e do pecado do Mats”.

    Vês? Não é difícil encontrar as respostas quando verdadeiramente se procura um pouco.

    Like

  9. jonas says:

    Nuno!

    “mutações de Biologia do desenvolvimento em nada tem haver com mutações genéticas..”

    Creio que houve um não entendimento seu ao que expliquei.Mutações são mudanças na sequência dos nucleotídeos(letras A C T G) do Dna que são o material genético.O que provoca as mutações são as chamadas causas mutagênicas,e elas podem advir de diversas fontes como radiação,vírus,químicos, e também em divisões celulares alterando a “mensagem” original.

    As mutações são Genéticas em sua essência.
    As mutações cromossômicas tambem desempenham um importante papel,mas não era disso que estava falando.

    A Biologia do Desenvolvimento trabalha com todo este “arsenal” de mutagênicos só que ela estuda o ser em suas diversas fases(Morfogênese,Diferenciação e o Crescimento).
    Então “mutações da biologia do desenvolvimento” não existe,e sim mutações genéticas com vários agentes mutagênicos.

    A B. do Desenvolvimento estuda o Zigoto até o final do desenvolvimento embrionário.

    As mutações no zigoto são aquelas que PODERIAM provocar as alterações necessárias para formar novos planos corporais,mas estudos e observações concluíram que estas alterações ou são neutras ou deletérias(doença,mal formação e morte).

    Espero ter sido claro.

    Like

  10. Icarus says:

    Mats,

    Então um furacão na Terra é fruto do pecado?😉

    Like

  11. Mats says:

    Icarus,

    Então um furacão na Terra é fruto do pecado?

    O furacão no universo é consequência da Maldição que Deus impôs no universo devido ao pecado de Adão. Mas tu já sabias disso. Porque é que perguntas?

    Não acredito como “ex-cristão” nunca tenhas lido Génesis.

    Like

  12. Nuno Dias says:

    @jonas
    “Espero ter sido claro.”
    Sim, bastante claro.
    Tendo em conta que as mutações tratam de alterações na sequência genética como estarias à espera da criação de ” novos planos corporais” se não fosse através de subtis modificações aos actuais planos corporais ao longo de bastante tempo?
    Parece-me que descartas à partida a possibilidade de serem viáveis os tais “novos planos corporais” por considerares que este ocorrem em curtos períodos de tempo e em poucas mutações genéticas.

    Like

  13. Icarus says:

    Mats,

    Eu já li várias vezes e continuo lendo Gênesis. Eu gosto muito de estudar mitologias, o que não significa que eu tenha que acreditar que o texto seja real.

    Eu percebi que vc já descobriu para onde ia a minha próxima pergunta hehe, quando falou em Universo.😉.

    Não acha que é um “pequeno” exagero por causa de uma desobediência aqui na Terra, Deus castigar incalculáveis lugares no vasto Universo, que tem bilhões de bilhões de anos Luz de espaço?

    Like

  14. Mats says:

    Icarus,

    Eu já li várias vezes e continuo lendo Gênesis. Eu gosto muito de estudar mitologias, o que não significa que eu tenha que acreditar que o texto seja real.

    *face palm* Já começas com as evasivas? CONHECER não significa ACREDITAR.
    Eu disse o que disse porque tu perguntas algo que já deverias saber por 1) afirmares ser um ex-cristão e (agora) 2) por teres lido “várias vezes” o Livro de Génesis. Se isto é verdade, então a tua pergunta (“Então um furacão na Terra é fruto do pecado?”? não faz sentido nenhum. Tu já deverias saber isto.
    Conhecer algo não implica acreditar aquilo que se conhece. Eu conheço que a cosmologia secular postula que o universo tem uma causa não inteligente (“big bang”), mas o facto de eu saber o que eles acreditam não implica que eu partilhe as suas crenças.

    Não acha que é um “pequeno” exagero por causa de uma desobediência aqui na Terra, Deus castigar incalculáveis lugares no vasto Universo, que tem bilhões de bilhões de anos Luz de espaço?

    Não.

    Like

  15. Icarus says:

    Mats,

    *face palm* para vc também. Eu Não dei nenhuma evasiva. Vc não lê as coisas que escreve. Olha só o que vc disse:

    “Não acredito como “ex-cristão” nunca tenhas lido Génesis.”

    Eu li, mas assim como muitos cristãos que são praticantes, não acredito que o mito seja real. A pergunta tinha como objetivo de ter certeza que vc acredita nisso.😉. Para evitar que no futuro vc diga que eu não entendi direito o que vc falou hehehehe.

    Outra coisa, a teoria do Big Bang não diz nada sobre ter ou não uma causa inteligente.😦

    Like

  16. Mats says:

    Icarus,

    Eu li, mas assim como muitos cristãos que são praticantes, não acredito que o mito seja real.

    Não há nenhum cristão praticante que acredite que o mito seja real. O acreditam que é um mito ou acreditam que é real. Não há meio termo.
    Agora, podes dizer que há “cristãos” que, como tu, pensam que Génesis relata um “mito”, mas isso é irrelevante.

    A Bíblia não depende da crença dos cristãs. A Bíblia é o que é independentemente do que os cristãos dizem.

    E mais

    A pergunta tinha como objetivo de ter certeza que vc acredita nisso

    Depois de tudo o que já foi escrito aqui, como é possível que ainda tenhas que fazer essas perguntas? Achas que é possível alguém pensar que Génesis é um “mito”, mas ao mesmo tempo saber que Deus criou o universo em 6 dias?

    Mais uma vez a tua incoerência fica bem manifesta.

    Like

  17. Icarus says:

    Mats,

    O papa acabou de dizer que o Big Bang foi obra de Deus. Salvo se ele não tem a menor idéia do que seja o Big Bang [e eu até posso aceitar isso hehehe] ele confirmou publicamente que o Gênesis é um mito.

    Mas veja, mesmo o Gênesis sendo mito, ainda pode-se tirar lições preciosas do texto, como dizem alguns padres e pastores que eu conheço, assim como acontece nas parábolas de Cristo.

    Like

  18. Mats says:

    Icarus,
    Repara que o termo “big bang” hoje em dia vai bem para além do mitológico evento que alegadamente causou o universo. Hoje em dia as pessoas usam “big bang” como sinónimo de “princípio do universo”.

    Há termos que muitas vezes, devido ao seu uso, começa a ter um significado que vai para além do original. Isso é importante. Em inglês dizemos “usage determines meaning”.

    Em relação ao que o papa acredita: não leste o que eu disse em cima? A Bíblia não depende do que católicos ou evangélicos dizem. A Bíblia é o que é independentemente do que as pessoas dizem

    ele confirmou publicamente que o Gênesis é um mito.

    Curioso afirmares isso, quando ele acredita que Adão e Eva são pessoais reais e históricas. Mas estou certo que tu sabes mais de catolicismo que o papa.🙂

    Mas veja, mesmo o Gênesis sendo mito, ainda pode-se tirar lições preciosas do texto, como dizem alguns padres e pastores que eu conheço, assim como acontece nas parábolas de Cristo.

    Do mesmo modo, mesmo sendo mitos, o big bang e a evolução podem servir para nós “tirarmos lições preciosas”, como dizem alguns cientistas que eu conheço.

    Like

  19. jonas says:

    Nuno!

    Novamente vou repetir:Mutações na fase de Zigoto são a única maneira de se modificar radicalmente uma estrutura para que se assuma um novo plano corporal,e essas mutações neste período foram classificadas como deletérias não deixando possibilidade a que mutações pontuais façam tal transformações pela ação perniciosa no ser.(doença,mal formação,morte)

    Nem o tempo,nem mudanças que não sejam estruturais conseguirão transformar uma “fábrica de bicicletas” em uma “fabrica de automóveis” sem as devidas transformações radicais e capitais na Informação aplicada.As mudanças precisam ser radicais e imediatas para que essa “linha de produção” seja efetivada.Não existe meia bicicleta-automóvel assim como meia asa-meia perna.A otimização é essencial para a função,e se isso poderia existir onde estão os famosos “fósseis transicionais” ?????

    Essas “mudanças” devem ser decorrentes de mudança Informacional,e esta infusão de informação extra não pode ser lenta,gradual e nem parcial,pelos motivos óbvios expostos a cima.

    Mutações degradam Informação e não acrescentam e a Seleção Natural diminue a Informação do ser.
    Creio que há um paradoxo,pois para formar novos planos precisa-se de mais Informação e Informação Especificada,e as mutações degradam a especificidade e a Seleção Natural diminue a quantidade de informação !!!

    O milagre então é Darwinista!!!

    Like

  20. Icarus says:

    
Mats,

    Repara que o termo “big bang” hoje em dia vai bem para além do mitológico evento que alegadamente causou o universo. Hoje em dia as pessoas usam “big bang” como sinónimo de “princípio do universo”.
    Há termos que muitas vezes, devido ao seu uso, começa a ter um significado que vai para além do original. Isso é importante. Em inglês dizemos “usage determines meaning”.
    Tirando que o Big Bang é um mito, o resto eu concordo com vc.

    Em relação ao que o papa acredita: não leste o que eu disse em cima? A Bíblia não depende do que católicos ou evangélicos dizem. A Bíblia é o que é independentemente do que as pessoas dizem
    Se fosse um livro que deixasse as coisas bem claro, eu até concordaria com vc. Mas não é, e desta forma cada um acaba fazendo a sua interpretação, e é impossível ter uma ferramenta para avaliar quem está certo, tornando o mundo cristão esta salada religiosa😉

    Curioso afirmares isso, quando ele acredita que Adão e Eva são pessoais reais e históricas. Mas estou certo que tu sabes mais de catolicismo que o papa.
    Bom, se ele acredita em Adão e Eva, eu sinceramente não sei. Mas que ele confirmou o Big Bang oficialmente, isso ele fez. E a teoria do Big Bang faz com que o Gênesis seja um mito. Lamento.

    Do mesmo modo, mesmo sendo mitos, o big bang e a evolução podem servir para nós “tirarmos lições preciosas”, como dizem alguns cientistas que eu conheço.
    Sem dúvidas, podemos tirar muitas lições valiosas do Big Bang e da Evolução.

    Like

  21. Mats says:

    Icarus,

    Tirando que o Big Bang é um mito, o resto eu concordo com vc.

    Para mim e para muitos cientistas, muitos deles nem são criacionistas.

    Se fosse um livro que deixasse as coisas bem claro, eu até concordaria com vc. Mas não é, e desta forma cada um acaba fazendo a sua interpretação, e é impossível ter uma ferramenta para avaliar quem está certo, tornando o mundo cristão esta salada religiosa😉

    Mas o facto de haver várias interpretações sobre algumas passagens da Bíblia não demonstra que a Bìblia não seja clara. Há muitas interpretações sobre o big bang mas tu não acreditas que a existência de várias interpretações signifique que não tenha havido um, ou que essa teoria não seja clara.

    Bom, se ele acredita em Adão e Eva, eu sinceramente não sei.

    Sei eu, e sei que ele acredita em Adão e Eva como personagens históricas. Como é que ele pode chamar de Génesis um “mito” mas ao mesmo tempo dizer que Adão e Eva são personagens reiais?
    Ou tu estás a mentir ou ele está a mentir. De qualquer das formas, isso em nada mancha a historicidade da Bíblia.

    E a teoria do Big Bang faz com que o Gênesis seja um mito. Lamento.

    Exacto. Do mesmo modo, as teorias astrológicas sobre o nossa passado e futuro fazem com que a Astronomia seja um mito. Lamento.
    Semelhantemente, NÃO lavar as mãos antes das operações médicas faz com que hábitos de higiene sejam mitos. Lamento.
    Mas enfim, apesar disso, todos os cientistas preferem a astronomia à astrologia, a higiene à falta dela, e nada confirma que se possa observar contradiz o que Génesis diz sobre o início do universo.
    Lamento ainda mais.🙂

    Like

  22. Nuno Dias says:

    @jonas

    Mutações na fase de Zigoto são a única maneira de se modificar radicalmente uma estrutura
    Não sei em que te baseias para afirmar que é a única mas parece-me que não seja a que se pretenda. Pelo contrário, para surgir de nova espécie as mutações terão que ser ao nível da sequência genética. Se for na formaçao do zigoto será apenas para aquele ser.
    http://biohelp.blogs.sapo.pt/2939.html

    transformar uma “fábrica de bicicletas” em uma “fabrica de automóveis”
    Nenhum princípio sobre evolução diz isto. No “A escalada do monte improvável” de Dawkins diz precisamente o contrário, a partir do momento em que existe uma estrutura do corpo apenas se poderá fazer alterações nessa base.

    Mutações degradam Informação e não acrescentam e a Seleção Natural diminue a Informação do ser.
    Novamente. Se isto fosse verdade, todas a espécies que existem já estariam extintas ou para lá caminham.
    Uma mutação é uma alteração de informação. Tão simples quanto isto.

    Like

  23. Icarus says:

    Mats,

    Para mim e para muitos cientistas, muitos deles nem são criacionistas.
    Muitos? Quantos exatamente ?😉

    Mas o facto de haver várias interpretações sobre algumas passagens da Bíblia não demonstra que a Bìblia não seja clara. Há muitas interpretações sobre o big bang mas tu não acreditas que a existência de várias interpretações signifique que não tenha havido um, ou que essa teoria não seja clara.
    Escreva ai sobre as muitas interpretações do Big Bang, que eu escrevo sobre as muitas interpretações [umas 15 pelo menos, apesar de ter incontáveis.] da Bíblia. Aceita o desafio?

    
Ou tu estás a mentir ou ele está a mentir. De qualquer das formas, isso em nada mancha a historicidade da Bíblia.
    Vamos ver: A igreja católica oficialmente aceita a evolução e o Big Bang, porque eles não querem mais serem vistos como uma inimiga da ciência. Mas ele confirmam Adão e Eva. E é muito fácil entender o motivo: Se ela disser que Adão e Eva não existiram, o sacrifício de Jesus se torna desnecessário😉

    Obviamente não podemos esperar que o diretor de marketing da Coca Cola assuma publicamente que refrigerantes não são apropriados para o consumo. Da mesma forma não é esperado que o papa confirme que Adão e Eva são mitos. Teria que ser muito ingênuo para esperar isso do papa😉

    Exacto. Do mesmo modo, as teorias astrológicas sobre o nossa passado e futuro fazem com que a Astronomia seja um mito. Lamento.
    É Mateus 2:2 é um mito mesmo. Eu também concordo que a Astrologia não funciona😉

    
Semelhantemente, NÃO lavar as mãos antes das operações médicas faz com que hábitos de higiene sejam mitos. Lamento.
    Mas não tem problema não lavar as mãos, isso é bíblico. O que contamina é o que sai da boca😉

    Mateus 15:11

    Mas enfim, apesar disso, todos os cientistas preferem a astronomia à astrologia, a higiene à falta dela, e nada confirma que se possa observar contradiz o que Génesis diz sobre o início do universo.
Lamento ainda mais
    Lamento Mateus 2:2 e 15:11😉

    Like

  24. Mats says:

    Icarus,

    Muitos? Quantos exatamente ?

    Bastantes cientistas sabem que o big bang é um mito. Infelizmente não tenho um número certo. Palpito que aqueles que neguem o big bang seja em número maior porque, como se sabe, negar o big bang pode ser perigoso. Os big banguistas não toleram que alguém negue o sagrado big bang.🙂 “Tolerância”.

    Escreva ai sobre as muitas interpretações do Big Bang, que eu escrevo sobre as muitas interpretações [umas 15 pelo menos, apesar de ter incontáveis.] da Bíblia. Aceita o desafio?

    Não apanhaste o ponto da questão. Eu não nego que haja pessoas que façam interpretações da Bìblia. O que eu digo é que a existência de várias interpretações não é evidência da falta de clarividência.

    Vamos ver: A igreja católica oficialmente aceita a evolução e o Big Bang, porque eles não querem mais serem vistos como uma inimiga da ciência.

    Jovem, volto a repetir: não interessa o que católicos ou evangélicos ou quem quer que seja diga sobre a Bíblia. A veracidade da Bíblia não depende do que os cristãos dizem mas do que ela é.

    A Igreja Católica oficialmente aceita que o Senhor Jesus é o Filho de Deus, e sem Ele não há salvação. A Igreja Católica diz que Maria era sem pecado. A Igreja Católica acredita na existência do purgatório. Aceitas isto como verdade? Não, pois não?
    Então podes dizer o que quer queiras sobre a igreja católica, que não muda nada sobre a Bíblia.

    Mas ele confirmam Adão e Eva. E é muito fácil entender o motivo: Se ela disser que Adão e Eva não existiram, o sacrifício de Jesus se torna desnecessário😉

    Exacto. A evolução contradiz a Bíblia. Isso é algo que tens que debater com os católicos e evangélicos que acreditam no big bang e na evolução.

    Obviamente não podemos esperar que o diretor de marketing da Coca Cola assuma publicamente que refrigerantes não são apropriados para o consumo. Da mesma forma não é esperado que o papa confirme que Adão e Eva são mitos.

    Porque não? Se ele (alegadamente) diz que Génesis é um “mito”, porque não dizer que TODO o Génesis é um mito?
    Tens que perguntar isso aos católicos e evangélicos que pensam que Génesis é um mito.
    No resto da resposta começas a divagar por isso nem vou responder. Continuas com graves problemas de lógica, e temo que seja tarde demais para conseguires superar essa falha.

    Like

  25. Icarus says:

    Mats,

    Bastantes cientistas sabem que o big bang é um mito. Infelizmente não tenho um número certo. Palpito que aqueles que neguem o big bang seja em número maior porque, como se sabe, negar o big bang pode ser perigoso. Os big banguistas não toleram que alguém negue o sagrado big bang. “Tolerância”.
    Bom, quando vc conseguir provar isso que vc diz com números e com nomes, ai vc me avisa.

    Não apanhaste o ponto da questão. …
    …podes dizer o que quer queiras sobre a igreja católica, que não muda nada sobre a Bíblia.
    Eu entendi o seu ponto e concordo até com a sua argumentação. O que vc não entendeu é o seguinte:

    O que adianta a bíblia ser um livro correto, se deixa a maioria dos seus leitores confusos?

    Se fosse um manual de instruções por exemplo, como alguns cristãos afirmam, seria reprovado pelo Inmetro no Brasil.

    Exacto. A evolução contradiz a Bíblia. Isso é algo que tens que debater com os católicos e evangélicos que acreditam no big bang e na evolução.
    Eu só respondi a sua alegação -> “Como é que ele pode chamar de Génesis um “mito” mas ao mesmo tempo dizer que Adão e Eva são personagens reinais?”

    Os católicos e alguns evangélicos fazem isso, agora se eles vivem felizes assim, é problema deles😉

    Obviamente não podemos esperar que o diretor de marketing da Coca Cola assuma publicamente que refrigerantes não são apropriados para o consumo. Da mesma forma não é esperado que o papa confirme que Adão e Eva são mitos.
    Porque não? Se ele (alegadamente) diz que Génesis é um “mito”, porque não dizer que TODO o Génesis é um mito?
    Por que eles não querem “falir” a igreja e perder o poder? Ah Pode ser…. hahahaha

    
No resto da resposta começas a divagar por isso nem vou responder. Continuas com graves problemas de lógica, e temo que seja tarde demais para conseguires superar essa falha.
    Bom, foi vc que fugiu do assunto. hehehe. Mas a questão da contaminação do corpo em Mateus, foi boa, diz ai.😉

    Like

  26. Mats says:

    Icarus,

    “Bastantes cientistas sabem que o big bang é um mito. Infelizmente não tenho um número certo. Palpito que aqueles que neguem o big bang seja em número maior porque, como se sabe, negar o big bang pode ser perigoso. Os big banguistas não toleram que alguém negue o sagrado big bang. “Tolerância”.”

    Bom, quando vc conseguir provar isso que vc diz com números e com nomes, ai vc me avisa.

    Mas eu acabei de dizer que não sei o número exacto, e tu pedes que eu te prove com números? Tu tens algum problema na leitura do que eu digo?
    Segundo, tu tens dúvidas que há cientistas que sofrem perseguição por porem em causa o mito do big bang?

    O que adianta a bíblia ser um livro correto, se deixa a maioria dos seus leitores confusos?

    Como é que sabes que a “maioria dos seus leitores estão confusos”? Porque há diferenças de opinião em certas doutrinas? Posso usar a mesma lógica e dizer que os big banguistas estão confusos apenas e só porque há diferentes interpretações?
    Portanto, para ti “diferenças de opinião” = “confusão”. certo?

    Obviamente não podemos esperar que o diretor de marketing da Coca Cola assuma publicamente que refrigerantes não são apropriados para o consumo. Da mesma forma não é esperado que o papa confirme que Adão e Eva são mitos.

    “Porque não? Se ele (alegadamente) diz que Génesis é um “mito”, porque não dizer que TODO o Génesis é um mito?”

    Por que eles não querem “falir” a igreja e perder o poder? Ah Pode ser…. hahahaha

    Portanto: o papa não diz que TODO o Génesis é mito para, dizes tu, “não perder poder”, certo? Quais são as partes que ele considera mito e quais as que ele considera verdadeiras?

    “
No resto da resposta começas a divagar por isso nem vou responder. Continuas com graves problemas de lógica, e temo que seja tarde demais para conseguires superar essa falha.”

    Bom, foi vc que fugiu do assunto. hehehe. Mas a questão da contaminação do corpo em Mateus, foi boa, diz ai.😉

    Não, não foi.

    Like

  27. Icarus says:

    Mats,
    Mas eu acabei de dizer que não sei o número exacto, e tu pedes que eu te prove com números? Tu tens algum problema na leitura do que eu digo?
    Vc disse que não sabe os números, nem dá uma idéia do que vc tem para chegar a esta conclusão, mesmo assim afirma que são muitos, logo é achismo puro seu.

    O que eu disse é que no futuro, quando vc tiver estes números, vc volta a apresentar este argumento, pois HOJE não vale nada.

    Segundo, tu tens dúvidas que há cientistas que sofrem perseguição por porem em causa o mito do big bang?
    Eu sei que tem. Eu conheço bem 2 casos pelo menos. Mas eles não foram impedidos de publicarem os seus livros e divulgarem as suas idéias.

    Como é que sabes que a “maioria dos seus leitores estão confusos”? Porque há diferenças de opinião em certas doutrinas? Posso usar a mesma lógica e dizer que os big banguistas estão confusos apenas e só porque há diferentes interpretações?
Portanto, para ti “diferenças de opinião” = “confusão”. certo?
    As publicações científicas sobre o Big Bang, como qualquer outra, não deixam dúvidas quanto ao conteúdo. O que acontece é que o Big Bang ainda tem muitos problemas não resolvidos. Neste caso, existem hipóteses diferentes para se equacionar o problema. No final, a medida em que as hipóteses são comprovadas, vai se incorporando a teoria.

    Já o mesmo processo não acontece com as diferenças doutrinárias. Cada um tem a sua, não tem como auferir na prática quem tem razão.

    Portanto: o papa não diz que TODO o Génesis é mito para, dizes tu, “não perder poder”, certo? Quais são as partes que ele considera mito e quais as que ele considera verdadeiras?
    Bom, ele confirmou o Big Bang, pelo menos a parte das estrelas depois da Terra ele deve estar ciente que é mito.

    Agora todos os pontos, não vejo qual é a relevância para o que estamos discutindo. Uma coisa é certa: Adão e Eva ele não pode falar que é mito, regras do Vaticano. 😉

    http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL732530-5602,00.html

    Like

  28. Mats says:

    Icarus,

    Vc disse que não sabe os números, nem dá uma idéia do que vc tem para chegar a esta conclusão, mesmo assim afirma que são muitos, logo é achismo puro seu.

    hahaha
    Deixa-me usar a tua “lógica” mais uma vez:

    1. Eu não sei quantas formigas há no meu bairro.
    2. Mas sei que são muitas.
    3. Logo estou a usa de “achismo”, certo? lolll

    Acho que estou em vias de desistir de debater contigo outra vez. É demasiado cansativo e a conversa não leva a lado nenhum. Tenho tanta coisa para escrever e estou a…”congelar” o meu tempo com isto.:-/ Sem ofensa!

    “Segundo, tu tens dúvidas que há cientistas que sofrem perseguição por porem em causa o mito do big bang?”

    Eu sei que tem. Eu conheço bem 2 casos pelo menos. Mas eles não foram impedidos de publicarem os seus livros e divulgarem as suas idéias.

    Mesmo nos jornais arbitrados por pares?🙂 Sabes bem a resposta, certo? Isto é mais uma forma tua de tentar mudar o foco da questão.
    Eu não disse que eles foram impedidos de publicarem os seus livres nem de divulgarem as suas ideias. Eu disse que há cientistas que são perseguidos por serem contra o santo big bang.
    Segundo, os cientistas que sabem que não houve nenhum big bang obviamente que podem publicar as suas ideias e os seus livros. Eles não podem ou são censurados de publicar em jornais científicos controlados por cientistas que tem fé no big bang.

    Nem tentes mudar o assunto ou desviar a conversa.

    “Como é que sabes que a “maioria dos seus leitores estão confusos”? Porque há diferenças de opinião em certas doutrinas? Posso usar a mesma lógica e dizer que os big banguistas estão confusos apenas e só porque há diferentes interpretações?
Portanto, para ti “diferenças de opinião” = “confusão”. certo?”

    As publicações científicas sobre o Big Bang, como qualquer outra, não deixam dúvidas quanto ao conteúdo.

    Oh oh! Cheira-me a tautologia a aproximar-se!

    O que acontece é que o Big Bang ainda tem muitos problemas não resolvidos.

    O big bang É o problema.

    Neste caso, existem hipóteses diferentes para se equacionar o problema. No final, a medida em que as hipóteses são comprovadas, vai se incorporando a teoria.

    Excepto quando não se vai. Mas é irrelevante. O que interessa aqui é que diferenças de opinião sobre aspectos IMPORTANTES do big bang não é sinal de “confusão” por parte dos big banguistas, pois não?
    Então usa da mesma lógica para o mundo cristão. Aliás, se eu tiver tempo (se Deus quiser), eu faço um post onde se mostra que a esmagadora maioria do mundo cristão não é assim tão “confuso” nas doutrinas verdadeiramente importantes. Isto é tanto assim que nós temos pastores de OUTRAS denominações a pregarem na nossa igreja. Se diferença de denominação significasse diferença de doutrina, isto nunca aconteceria.

    Já o mesmo processo não acontece com as diferenças doutrinárias. Cada um tem a sua, não tem como auferir na prática quem tem razão.

    Tu sabes que “não tem como auferir na práctica quem tem razão”, certo? É um dado adquirido e imutável, não é assim?

    Like

  29. Icarus says:

    Mats,

    hahaha
Deixa-me usar a tua “lógica” mais uma vez:
    1. Eu não sei quantas formigas há no meu bairro.
2. Mas sei que são muitas.
3. Logo estou a usa de “achismo”, certo? lolll
    O seu exemplo não é bom. Permita-me mudar ficar mais apropriado:

    1. No seu bairro tem muitas formigas. Todas são pretas.
    2. Muito Raramente aparece uma vermelha, não se sabe de onde.
    3. Vc afirma que muitas formigas no seu Bairro são vermelha, mas na verdade nunca contou, nem fez um trabalho por amostragem.

    Percebeu?

    Acho que estou em vias de desistir de debater contigo outra vez. É demasiado cansativo e a conversa não leva a lado nenhum. Tenho tanta coisa para escrever e estou a…”congelar” o meu tempo com isto.:-/ Sem ofensa!
    Make yourself comfortable for that.

    Mas sinceramente, a coisa fica cansativa pq vc não aproveita o seu tempo escrevendo os seus argumentos, como não tem argumentos na maioria dos casos, começa a fazer perguntas e desviar do assunto, assim se livra das respostas. Ainda diz que sou eu que mudo de assunto😉. Vou te mostrar a baixo.

    Mesmo nos jornais arbitrados por pares? Sabes bem a resposta, certo? Isto é mais uma forma tua de tentar mudar o foco da questão.
Eu não disse que eles foram impedidos de publicarem os seus livres nem de divulgarem as suas ideias. Eu disse que há cientistas que são perseguidos por serem contra o santo big bang.
Segundo, os cientistas que sabem que não houve nenhum big bang obviamente que podem publicar as suas ideias e os seus livros. Eles não podem ou são censurados de publicar em jornais científicos controlados por cientistas que tem fé no big bang.
    Nem tentes mudar o assunto ou desviar a conversa.
    Mats, presta atenção nisso. Se é revisão por pares e os pares não concordam com o que esta sendo escrito, obviamente não vai ser publicado. Vc colocaria a sua credibilidade em jogo, ao assinar uma coisa que vc acha que esta errado?

    Isso é um problema? Sim e não. Quando o padre e físico Georges Lameitres deu o start na teoria do Big Bang, Einstein inicialmente o ridicularizou. Fred Hoyle também passou um bom tempo da vida dele também ridicularizando a teoria [Tanto é que o Big Bang é um termo pejorativo que acabou pegando]. Foi necessário o esforço de muitos cientistas e apresentação de muitas evidências para a teoria ser aceita. Só este caso joga por terra a sua tese conspiracionista “evolucionista”.

    Oh oh! Cheira-me a tautologia a aproximar-se!
    Em vez de dizer isso, Por que vc não mostra como uma publicação cientifica do Big Bang pode ser duplamente interpretada aqui?

    O big bang É o problema.
    Ém um problema para vc, concordo. Mas cade os argumentos?

    Excepto quando não se vai. Mas é irrelevante. O que interessa aqui é que diferenças de opinião sobre aspectos IMPORTANTES do big bang não é sinal de “confusão” por parte dos big banguistas, pois não?
Então usa da mesma lógica para o mundo cristão. Aliás, se eu tiver tempo (se Deus quiser), eu faço um post onde se mostra que a esmagadora maioria do mundo cristão não é assim tão “confuso” nas doutrinas verdadeiramente importantes. Isto é tanto assim que nós temos pastores de OUTRAS denominações a pregarem na nossa igreja. Se diferença de denominação significasse diferença de doutrina, isto nunca aconteceria.
    Me mostra onde um artigo deixou sobre o Big Bang deixou margem para interpretação? Pode ser que pessoas não concordem com a teoria. Mas estas pessoas não podem dizer que o texto dá margem a interpretação, como a bíblia.

    Tu sabes que “não tem como auferir na práctica quem tem razão”, certo? É um dado adquirido e imutável, não é assim?
    Aqui esta um bom exemplo. Em vez de vc mostrar como saber quem tem razão e resolver o assunto, o que vc faz?
    Faz uma pergunta para não precisar mostrar que também não tem a resposta.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s