Evolução: uma afronta à razão

A fé do evolucionista.
Para o céptico ou mesmo para alguém preparado para se mover para fora do círculo da crença darwiniana, não é difícil encontrar inversões do senso comum no pensamento evolutivo moderno – semelhante à ginástica mental dos químicos proponentes do flogisto ou dos astrónomos medievais.

Para o céptico, a proposição de que a programação genética dos organismos superiores, consistindo em algo como mil milhões de bits de informação, equivalente a sequência de letras numa pequena biblioteca com mil volumes, contendo (em forma codificada) incontáveis milhares de algoritmos que controlam, especificam e ordenam o crescimento e o desenvolvimento de biliões e biliões de células até a forma dum organismo complexo, foram compostos por um simples processo aleatório é simplesmente uma afronta à razão.

Mas para o darwinista a ideia é aceite sem uma única onde de dúvida – o paradigma tem precedência.
(Michael Denton, “Evolution: a Theory in Crisis”, página 351)

Para o evolucionista a ciência não é um método para se testar a sua fé em Darwin, mas sim um utensílio útil apenas e só se estiver de acordo com a mitologia darwinista.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia and tagged , , . Bookmark the permalink.

One Response to Evolução: uma afronta à razão

  1. Discordo totalmente da Tese ou Doutrina da Evolução ser uma afronta a Razão. Pelo contrário, se é “tese” ou “doutrina” da Evolução ainda ocupa as mentes, é que nunca foi Demonstrada. Se fora, já estaria estatuída como Lei. Infelizmente, nem as Leis estatuídas pelas Academias da Terra, merecem crédito; prefiro minha “bliblinha” com fedor de sovaco, porquanto não precisa de mudar para agradar esta caterva de idiotas darwinistas. Sim, as Academias não merecem crédito por que o idiota do Lavoisier, que comandava a Academia francesa falhou na Lei que carrega seu nome. Falhou, porquanto a segunda lei da termodinâmica assim dí-lo. E mais, se a Lei de Causa e Efeito procede, A Causa é Deus ou Deus a Causa. Ou então arranjem os ateus um vocábulo melhor que Deus para expressá-la… Menos o vocábulo Nada, senão, não há Causa. Enfim, o ateísmo é a antiga rebelião luciferiana começada lá nos Céus. Mas, se isto for considerado uma idiotice nossa, a causa ateísta se imponha… Continuem negando Deus. Porquanto o Ego ateísta é a viva demonstração de Satanás que negando abertamente a si e a Deus. Prega a ambos como “deuses” nos alfarrábios mais avançado do Satanismo oculto… Enfim! A não existência de Deus é uma afronta a ciência Física (dos Efeitos). Já negar a Causa, constitui-se a negação do verdadeiro saber para elevar a humanidade à semelhança de Satanás. Não há outra explicação, porquanto amealhada segundo os contextos da Mística divina. Mas também da mística luciferiana que comanda as Academias da Terra.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s