O fim do Cristianismo e o renascimento do paganismo

Sendo ignorantes da História, os secularistas do Ocidente são ingénuos até ao extremo. Havendo sido criados no meio da inerte civilização formalmente conhecida como Cristandade, eles erradamente concluem que o calor permanecerá logo que o fogo seja apagado simplesmente porque demora o seu tempo até que as brasas se extingam.

Mesmo para o mais comprometido militante ateu, esta conversão moderna semelhante à conversão de Paulo de Tarsus deveria sublinhar a necessidade fulcral de uma religião civilizada para competir com as atracções de outras religiões.

Durante aqueles dias o sacerdote tem uma visão: ele encontra-se com o diabo que lhe diz que ele se tornará num grande guerreiro. O diabo diz-lhe que, para aumentar o seu poder, ele tem que continuar com os rituais de sacrifícios humanos e canibalismo.

A iniciação está concluída e o sacerdote é agora um dos líderes mais poderosos da África Ocidental. O sacerdote tem 11 anos. Tal como profetizado, o rapaz cresceu e tornou-se um dos líderes militares mais conhecidos: o General “Butt Naked”.

Foi durante o verão de 1996 que os membros da sua tribo se encontraram no meio duma feroz batalha. Foi determinado que um sacrifício era necessário. Enquanto os rockets choviam sobre as tropas, uma mãe trouxe a sua filha de 3 anos até ele.

Algo na criança tocou o General usualmente sem misericórdia e pela primeira vez ele hesitou. À medida que ele revive o momento, a sua face contorce-se.

A criança era anormalmente bonita e simpática. A maioria das crianças que era trazida até mim pelos anciãos chegam a chorar e a lutar. Esta criança estava pacífica. Foi aí que eu pensei “Esta criança não pode morrer”. Resisti.

De milhares de crianças que matei, eu gostaria de não ter morto aquela criança….‘ a sua voz começa a desvanecer. Ele começa a ficar choroso pela primeira e única vez.

Pouco depois de ter morto a criança eu tive a minha epifania.’

Ele alega que viu uma luz com a forma de Um Homem. Uma Voz dirigiu-se a ela e disse, ‘Arrepende-te e vive, ou recusa e morre’. Ele acredita que era Cristo.

O impacto foi imediato. A partir desse dia, as matanças, os sacrifícios e o canibalismo terminaram e os Blahyi entraram num período de tumulto que levou os seus homens acreditar que ele tinha enlouquecido.

No espaço de alguns meses ele já havia abandonado a Brigada “Butt Naked” e mais para o fim de Setembro de 1996 ele foi baptizado no mar perto de Monrovia.

Muito poucos na Europa estão familiarizados com as prácticas similares dos pagãos europeus antes da conversão ao Cristianismo. Desde os sacrifícios humanos dos Druidas até às violações e assassínios dos funerais Vikings, os Europeus tem estado historicamente susceptíveis a comportamentos não menos aberrante às sensibilidades modernas que o canibalismo e adoração de demónios dos Africanos contemporâneos.

Não há evidências de que uma sociedade progressiva secular pode sobreviver mais do que 3 gerações; a maior parte das evidências inclina-se a indicar que não pode nem sobreviver uma única geração.

A grande ironia é que a posição progressiva, científica e anti-religiosa é principalmente baseada num fundamento não-científico e religioso: a sólida crença na perfeição do Homem e a inevitabilidade do progresso humano rumo ao comportamento análogo ao comportamento religioso mas sem a crença religiosa.

Advertisements

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Antropologia, Bíblia, Islão, Religião, Sociedade and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

11 Responses to O fim do Cristianismo e o renascimento do paganismo

  1. Marcos says:

    «Não há evidências de que uma sociedade progressiva secular pode sobreviver mais do que 3 gerações; a maior parte das evidências inclina-se a indicar que não pode nem sobreviver uma única geração.»

    Evidências? Onde estão elas?

    Like

  2. O Aforista says:

    @Marcos As sociedades mais seculares estão sofrendo de um grave entravamento na taxa populacional de mão de obra, porque está aumentando o número de idosos, e muito pouca mão de obra ativa – que é formada por jovens e até 50 anos.
    Procure estatísticas sobre pirâmide etária que você verá com seus próprios olhos.

    Like

  3. Mats says:

    Aforista,

    O teu blog tem excelentes citações. Obrigado por linkares para aqui. Vou retribuir o suporte.

    Força na batalha e Deus seja contigo..

    “Então o anjo do Senhor lhe apareceu e lhe disse: O Senhor é contigo, varão valoroso.” Juízes 6:12

    Like

  4. luciano says:

    Mil anos antes de Cristo mais ou menos a Bíblia já dizia: ” Diz o néscio no seu coração: Não há Deus”.
    Que coração miserável, que jornada infeliz.
    Só Deus para mudar o coração do homem.

    Like

  5. jephsimple says:

    Se Deus não existe eu não deveria nem ter nascido;POIS NÃO FAZ DIFERENÇA ALGUMA,e nem sei por que eu deveria dar algum valor real a minha vida…Afinal se Deus não existe eu também sou uma criatura inexistênte!Por que esses momentos,minutos,horas,dias,meses,anos não passam de uma existência infinitamente insignificante.

    Do que me vale combater os acontecimentos horríveis dessa vida?Como por exemplo,a pedofilia,ou um salário indigno,injusto,do que me vale lutar pelo fim da corrupção?Do que me vale me importar com as crianças da África,do que me vale dar valor as pessoas?A amizade,ou mesmo qual o problema de eu ter preconceito racial,social,matar,mentir,roubar?

    Tudo isso será jogado no saco da eternidade…todos morrerão,não importa quem nascer,todos morrerão… o justo,o perverso,o ladrão o honesto… o universo morrerá.

    Como pode qualquer indivíduo dar algum valor real a sua vida se Deus não existe?

    O que são 10,20,40,70,120,130[quando muito] anos comparado com o ETERNO ESTADO de INEXISTÊCIA???

    Como pode existir vida se Deus não existe?Realmente ateus vocês estão corretíssimos…sem Deus a vida é um nada,movido por nada que não leva a nada,ou leva a nada,tanto faz…

    Sem Deus o tudo é nada e o nada é tudo!Pois se Deus não existe o nada existe,então EU EXISTIR é a mesma coisa que NADA!

    Que porcaria de vida é essa sem Deus?
    Isso claro,se resume a idéia de ser ateu de verdade,um ateu de verdade sabe da sua existencia insignificante ,toda soma dará zero,toda multiplicação dará zero,toda divisão dará zero,toda equação dará zero a sua vida é um zero.

    E é isso mesmo !Mesmo com Deus existindo,quem não se submete a esse Deus,vive por nada e não tem nada,a vida se assemelha a vida de um ateu;toda sua equação será igual a zero…mas quando morrer o sofrimento sera tudo…toda a soma,toda a multiplicação,divisão será o sofrimento…enfim,o sofrimento inimaginável será TUDO,SEMPRE!

    Like

    • Felizmente o teor acima, também, alimenta aos crentes… Infelizmente o teor acima, não toca a nenhum ateu; não que seja burro, idiota ou boçal; não que seja um desequilibrado mental. MAS, por ser um lunático cujo raciocínio é tão desvairado e exacerbado que, continua a “CRER” que, apenas o Nada poderia explicar sua tão desgraçada vida sem Deus.

      Like

  6. Paloma says:

    Isso que o “Aforista” comentou sobre as sociedades seculares e a falta de mão-de-obra é a mais pura verdade, é só pesquisar e procurar sinceramente pela verdade. Só para dar um exemplo, com a crise em Portugal, na Espanha e na Grécia, a Alemanha está atrás dessa mão-de-obra jovem e desempregada…só na área de engenharia, a Alemanha tem um deficit de mais de 20.000 faltando. Claro, isso tem um lado positivo: emprego para jovens de outros países, só que com esse problema populacional trará outros problemas práticos: a idade de aposentadoria ( li um artigo de um ministro que era a favor de aumentar a idade para 80 anos, para aqueles que “quisessem” ), o custo de vida alto ( e com mais idosos e menos jovens, mais gastos ainda ) …na Europa certos países já discutem a eutanasia, por que será? e essa ideia mais uma vez, é antiga e pagã defendida por grupos hereges como os cátaros e outros bárbaros que pregavam o suicidio, matavam pessoas e missionários, queimavam igrejas e que hoje em dia são vistos como “perseguidos injustamente” pela Igreja…

    Like

    • Paloma, entendo a sua ignorância acerca dos cátaros, sabemos o quanto sua seita assassina fez, faz e fará para delinquir contra àqueles que não lhe submetem. Assim ela se portou contra os cátaros, albigenses, valdenses, protestantes, árabes, judeus, espíritas, templários etc.etc. acusando-os todos sob os mesmos crimes cuja História moderna nos adverte que, mesmo os cátaros não cometeram tais delitos. Porem, aos quais, aos demais igualou para continuar a imbecilizar mentes como a sua. Vá se instruir e larga de ser criminosa realidade dos fatos. Não há religião mais maldita, imunda, assassina, mendaz e hipócrita como sua religião.

      Like

  7. Steve says:

    O cristianismo deu origem ao ateísmo, pois o cristianismo eliminou do ocidente toda uma espiritualidade. No cristianismo não existe espiritualidade, o cristão não é diferente do ateu quando taxa a mediunidade, a viagem astral, de esquizofrenia. Muitos cristãos argumentam que cristãos de raça europeia são mais bem sucedidos e tem mais filhos e graças a ele a civilização branca existe ate hoje, mas isso é devido ao cristão ter um superego funcional, o cristão apenas precisa ”aceitar jesus” que será salvo apos a morte, logo não ha um desafio, isso produz no cristão uma funcionalidade voltada apenas pra coisas materiais, pra ter sucesso em vida, nao é a toa que o calvinismo é um tipo de cristianismo, essa mentalidade fez sucesso com o protestantismo, uma religião puramente materialista. Ja no paganismo, existiam multiplas possibilidades de onde alguém pode ir ate a morte, na mitologia nórdica estavam todos condenados ao inferno gelado apos a morte, a não ser se morressem na guerra, sendo levados pelas valkyrias para Valhala.. No paganismo sempre há um desafio, não é simplesmente aceitar jesus, porem sempre há uma aventura, como as várias aventuras da Mitologia Grega, as várias lendas que existiram na Grecia de Deuses que encarnaram nos humanos. Esse desafio não existe no cristianismo. Ou seja, no paganismo, existe um motivo a mais pra viver, além da funcionalidade pratica e materialista. Viver uma vida como aventura, é muito diferente do viver a vida com pé-no-chão, o cristianismo produz essa funcionalidade. E essa funcionalidade obviamente é norma, o que é considerado como sano. Quantas pessoas não se aventuram em estilos alternativos de vida, e acabam sendo consideradas loucas devido a isso? O ateu e cristão é incapaz de entender isso, pois os mesmos vivem apenas na racionalidade, no que é prático. Talvez quem viveu uma vida intensa, e terminou se jogando no abismo, no suicidio, encontrou mais auto-realização do que quem viver uma vida longa e mansa como cristão, obtendo sucesso profissional e criando uma familia.

    Like

    • Mats says:

      O cristianismo deu origem ao ateísmo, pois o cristianismo eliminou do ocidente toda uma espiritualidade.

      Que tipo de “espiritualidade” é que o Cristianismo “eliminou”?

      No cristianismo não existe espiritualidade, o cristão não é diferente do ateu quando taxa a mediunidade, a viagem astral, de esquizofrenia.

      Nós qualificamos isso de satânico e demoníaco. É isso que os ateus fazem?

      Muitos cristãos argumentam que cristãos de raça europeia são mais bem sucedidos e tem mais filhos e graças a ele a civilização branca existe ate hoje

      O que eu digo é que sem o Cristianismo, a Europa não teria atingido o apogeu que atingiu.

      mas isso é devido ao cristão ter um superego funcional, o cristão apenas precisa ”aceitar jesus” que será salvo apos a morte

      Nem isso acertas. O Cristão está salvo no EXACTO momento que aceita o Senhor Jesus como Salvador.

      logo não ha um desafio

      “Desafio” de tentar se salvar através das suas obras? Tens razão. O Cristão tem, sim, o desafio de lutar contra o pecado, e o desafio de anunciar as Grandezas do Senhor a toda a carne.

      isso produz no cristão uma funcionalidade voltada apenas pra coisas materiais, pra ter sucesso em vida

      Onde é que a Bíblia ensina isso? Cita aí o versículos.

      Ja no paganismo, existiam multiplas possibilidades de onde alguém pode ir ate a morte

      Todas têm o mesmo fim: o fogo do inferno.

      na mitologia nórdica estavam todos condenados ao inferno gelado apos a morte, a não ser se morressem na guerra, sendo levados pelas valkyrias para Valhala..

      Deve haver algum motivo de se chamar a isso de “mitologia”.

      No paganismo sempre há um desafio, não é simplesmente aceitar jesus, porem sempre há uma aventura, como as várias aventuras da Mitologia Grega, as várias lendas que existiram na Grecia de Deuses que encarnaram nos humanos.

      De que vale haver “desafio” se todos esses “desafios” acabam no mesmo sítio de sofrimento?

      Esse desafio não existe no cristianismo. Ou seja, no paganismo, existe um motivo a mais pra viver, além da funcionalidade pratica e materialista.

      Pelos vistos, na mitologia Nórdica existe sim uma fixação em causar guerras como forma de “garantir” um lugar no Valhala. Isso é mais ou menos como o islão (que é uma fé pagã) onde o maometano só “garante” o céu de morrer em “jihad”.

      Viver uma vida como aventura, é muito diferente do viver a vida com pé-no-chão, o cristianismo produz essa funcionalidade.

      Porque é que se deve viver “uma vida de aventura”?

      Quantas pessoas não se aventuram em estilos alternativos de vida, e acabam sendo consideradas loucas devido a isso?

      E é com razão que são chamados de loucos?

      O ateu e cristão é incapaz de entender isso, pois os mesmos vivem apenas na racionalidade, no que é prático.

      1. Não há nada de “práctico” no ateísmo.
      2. Só porque algo é “práctico”, não significa que está correcto.

      Talvez quem viveu uma vida intensa, e terminou se jogando no abismo, no suicidio, encontrou mais auto-realização do que quem viver uma vida longa e mansa como cristão, obtendo sucesso profissional e criando uma familia.

      De que vale a “auto-realização” se vai passar toda a eternidade arrependido e em sofrimento?

      Like

    • Steve, você faz tipo dum ser cuja orientação “racional” poderá levar outros (da mesma espécie) a aplaudi-lo. Te pergunto: baseado em que você consegue vomitar tanta besteira?

      Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s