Estudo sobre a proporcionalidade de detentos por religião nas cadeias britânicas

Desproporcional presença dos “sem religião” nas cadeias inglesas?

Fonte

Clique para ampliar e ler

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Pecado, Política, Religião, Sociedade and tagged , . Bookmark the permalink.

11 Responses to Estudo sobre a proporcionalidade de detentos por religião nas cadeias britânicas

  1. Os cristão ficam num honroso terceiro lugar.
    Queres deduzir disto que há uma correlação entre religião e crime?

    Que o Hinduismo é o que mais afasta as pessoas do crime ? E que o Cristianismo é quase tão eficiente como o judaismo?

    Não estou muito convencido mas….

    Like

  2. Mats says:

    João,
    Vê a representação prisional com a representação na sociedade. Vê as proporções.

    Like

  3. os melhores resultados são os que referi.

    Na positiva é essa a relação.

    Se esta relação (religião-crime) devemos esperar que os Hindus pratiquem menos crime que os judeus e estes menos que os cristãos.

    Dentro das religiões parece que o Budismo e o Islão estão muito mal colocados.

    Na tua opinião porque é que os Hindus são menos dados ao crime que os cristãos e os sem religião são mais dados ao crime que os cristãos mas menos que os Islâmicos e Testemunhas de Jeová?

    Será que esta tendência do hinduismo é sobrenatural ?

    Like

  4. Mats:

    Claro que não quero uma resposta.

    Nunca tens.

    Mas ficas com o sobreolho franzido e dizes que tem.

    É bom.

    Não respondes mas ficas hirto e pensas que podes responder.

    Like

  5. Mats says:

    João,
    O post mostra que, em termos proporcionais, há mais “sem-religião” nas prisões do que na sociedade em si. Qual é a tua explicação?

    Segundo, quando os hindus começarem alegar que ser-se hindu é a solução para os problemas mundiais, e a usar o aparelho de Estado para forçar o hinduísmo às crianças, nós faremos uma comparação entre isso e a realidade.

    Por enquanto, o que nós temos é militantes ateus a afirmarem que a religião envenena tudo, e que o mundo seria melhor se todos nós fossemos sem religião.

    Dado isto, dá-me uma explicação para o facto dos “sem-religião” estarem desproporcionalmente representados nas prisões inglesas.

    Like

  6. Claro que nem tu nem eu nem ninguém pensa que há uma relação entre religião e comportamento.

    Nem se pode fazer uma análise de crime e religião assim.

    Pelos dados que apresentas parece que (partindo do teu principio que pertencer a uma religião tem relevância na criminalidade – o que sabemos todos que é disparate) podemos concluir que :

    Ter uma religião pode ser bom ou péssimo:

    Os Hindus tem claramente uma menor apetência ao crime e as TJ são mais propensas ao crime.

    As pessoas sem religião parecem ser mais propensas ao crime que os cristãos. No entanto estes apenas surgem em terceiro lugar dentro das religiões.

    Que mais podes concluir ?

    Ahhhh!

    Que o Judaismo é melhor que o cristianismo porque os que se dizem judeus são menos que os que dizem cristãos? E ambos piores que os hindus ?

    Eu continuo com grandes dúvidas que o Hinduísmo faça as pessoas melhores que o Judaísmo, o Cristianismo ou as Testemunhas de Jeová.

    Lá terás as tuas razões para defender o Hinduismo. Eu francamente percebo pouco de Hinduismo para poder responder

    Like

  7. Adalberto Felipe says:

    [atheist_mode]

    Mats, essas pesquisas estão erradas e são manipuladas! Não tem mais o que fazer!

    No meio desses sem religiões, há também muitos agnósticos, o que não pode caracterizar os ateus como malfeitores!

    {/atheist_mode]

    hehehehe

    É em momentos assim que os ateus “sabem” diferenciar os que se dizem agnósticos, sendo que os próprios ateus adoram usar os agnósticos para falar que há mais ateus no mundo.

    E também, como sempre venho falando, o agnósticismo, apesar de, em teoria ser uma coisa, na prática é totalmente outra, vide o tanto de gente que se declara agnóstica na internet e age mais como um super ateu.

    Like

  8. Mats says:

    João Melo

    Claro que nem tu nem eu nem ninguém pensa que há uma relação entre religião e comportamento.

    Ai não? Então os livros com títulos tipo “A Religião Envenena Tudo” estão errados?

    As pessoas sem religião parecem ser mais propensas ao crime que os cristãos.

    Sim. Como é que harmonizas essa crença com a crença humanista secular de que é preciso acabar com as religiões para se gerarem condições para “um mundo melhor”?

    Like

  9. O Aforista says:

    Esses dados só mostram uma relação de escala da distribuição de crença, e não a correlação das crenças com os atos.

    Se numa sociedade temos x % de pessoas duma determinada categoria ( qualquer categoria , não só religião ), então nas cadeias vamos ver aproximadamente x% dos presos pertencentes a essa categoria também.

    Pra dizer que essa categoria influência no comportamento criminoso, então na cadeia têm de ter bem mais que x% dos presos pertencentes a essa categoria.

    E se essa categoria contribue para diminuir a criminalidade, então se espera que menos de x% da população carcerária pertençam a essa categoria.

    Like

  10. Renato Dorte says:

    Quanto ao estado do PR a realidade é outra …
    “…A Religiosidade dos presos 54% admitiram serem Católicos Apostólicos Romanos, 3% Evangélicos de Missão, 21% de Evangélicos de Origem Pentecostal, 12% Outros Evangélicos, 2% de Espíritas e 8% Sem Religião. A somatória de Evangélicos dos
    diversos segmentos atinge 36% do total.”

    http://www.depen.pr.gov.br/arquivos/File/perfil_presos.pdf

    Like

    • Lucas says:

      Agora é só uma questão de se apurar a percentagem de Católicos, Evangélicos no estado do PR, e ver se eles estão SOBRE-representados ou SUB-representados.

      O mesmo com o não-religiosos.

      Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s