Ciência confirma que Lucy andava como o homem actual

Segundo a mitologia evolutiva, o ser humano actual surgiu apenas nos últimos 100,000 anos. Há mais de 3 milhões de anos tudo o que havia (segundo os métodos de datação evolutivos) eram as formas de vida donde surgiram os seres humanos.

O problema para esta mitologia é que nós encontrámos fósseis datados com idades semelhantes ao fóssil da Lucy com pés semelhantes aos nossos.

Os evolucionistas tem uma escolha a fazer:

  • Admitir que os métodos de datação tem um erro, e começar de novo.
  • Dizer que um símio tinha uma forma de caminhar parecida com a nossa

Como é normal nos evolucionistas, eles colocam a ideologia acima da ciência.

Um osso fossilizado do arco do pé, encontrado na Etiópia, revela que os ancestrais humanos andavam eretos 3,2 milhões de anos atrás e não eram mais escaladores de árvores, segundo estudo publicado na edição desta quinta-feira da revista Science.

O osso pertence a um conjunto do famoso hominídeo Lucy, cuja espécie, o Australopithecus afarensis, vagou pelo leste da África, e seria a primeira evidência de como eles costumavam se deslocar por lá.

“Este quarto metatarso é o único conhecido do A. afarensis e é uma peça chave da evolução remota da forma única com que os humanos caminham”, disse William Kimbel, coautor do estudo na Universidade do Estado do Arizona.

O arco do pé serviria como alavanca para sair do chão no início de uma caminhada e para absorver o impacto quando o pé volta a pisar, sugerindo que o pé de Lucy era parecido ao nosso.

Os símios têm pés mais planos, flexíveis e dedos grandes que lhes permitem se agarrar às árvores, atributos que não estão presentes no A. afarensis.

“Compreender que os arcos dos pés apareceram muito cedo na nossa evolução mostra que a estrutura única dos nossos pés é fundamental para a locomoção humana”, disse a coautora do estudo, Carol Ward, da Universidade do Missouri.

Uma espécie mais velha, o Ardipithecus ramidus, da Etiópia, é o tipo mais remoto de homem moderno do qual os paleontólogos descobriram vestígios significativos de esqueleto. Ele viveu 4,4 milhões de anos atrás, mas seus pés, mais semelhantes aos de um símio, indicam que caminhava ereto apenas parte do tempo.

Entretanto a mesma agência noticiosa mostrou uma reconstrução da Lucy.Isto basicamente é um corpo de mulher com cabeça de símio. Tudo isto é baseado nos ossos mostrados a seguir.
“Ciência”.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Paleontologia and tagged , . Bookmark the permalink.

3 Responses to Ciência confirma que Lucy andava como o homem actual

  1. Vasco Ribeiro says:

    Meu caro, não sei se sabe mas a Lucy não é o único hominídeo que temos na nossa posse para análise ou estudo, mas somente o primeiro a ser encontrado. Como tal a comparação através semelhantes fizeram uma projecção como a que está acima indicado. Claro que a ciência não diz que a hominídea é rigorosamente igual ao desenho, o que diz é que já tinham a capacidade de andar erecto, só isso. Não podemos justificar tudo pela bíblia, não é sensato nem inteligente. A ciência Evolui.

    Like

  2. Mats says:

    Vasco,
    A “lucy” tinha pés exactamente iguais aos nossos, andava como nós, mas segundo os vossos métodos de datação, isto não deveria acontecer. Em vez de rejeitarem a vossa mitologia evolutiva, vocês inventam que o bipedalismo evoluiu muito antes do que antes imaginado.

    Isto não é ciência. É religião pagã mascarada de ciência.

    https://darwinismo.wordpress.com/2010/04/22/pegadas-de-36-milhoes-de-anos-sao-identicas-as-do-homem-actual/

    Like

  3. Realmente é uma piada a evolução.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s