Profecias seculares

“Porém, daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, mas unicamente meu Pai.” – Mateus 24:36.
…………

Os militantes ateus encontraram mais uma forma de atacar o Cristianismo: a profecia falhada dum líder evangélico americano. O californiano Harold Camping tornou-se na última desculpa que os militantes ateus encontraram para rejeitarem o Deus que eles sabem que está a sua espera para os julgar no Dia do Julgamento.

Camping, ignorando Mateus 24:36 que claramente diz que ninguém sabe quando será o regresso do Filho de Deus, caiu no erro de identificar o dia 21 de Maio como o dia em que o actual sistema mundial teria o seu término. Este blog (dum crente evolucionista ateu) diz o seguinte:

De acordo com as previsões de Camping, o dia 21 de maio seria o dia do Julgamento Final, quando um grupo selecto contendo entre 2 e 3% da população do planeta seria levado para o céu.Os que ficassem para trás enfrentariam meses de sofrimentos antes de perecer na destruição final da Terra, com data prevista para o dia 21 de Outubro.

Na segunda-feira, o pastor falou a ouvintes de seu programa na Family Radio, uma rede cristã de rádio fundada por ele.

O militante ateu Ludwig Kripahl dispara:

Seja por burla ou parvoíce, este tipo de coisas surge sempre do mesmo problema, transversal a todas as religiões, superstições, crendices e afins. Um tipo diz “eu sei”, por manha ou tontaria, e uma data de gente acredita que ele sabe mesmo sem lhe pedir que explique como.

O mesmo militante ateu citado em primeiro vai mais longe e diz:

Mais uma vez, mais uma data para o juízo final baseado na bíblia. O ser humano adora essas visões catastrofistas. . . . Ao que parece é bem improvável considerando que as revelações apocalípticas não passam de um mito e lembremos que o Apocalipse é o livro mais simbólico da bíblia.Considerando também que milhares de previsões dessa data foram feitas e até agora nada aconteceu. As pessoas deveriam deixar essas datas e besteiras de lado e se concentrar em viver a vida como se fosse única.

Destruindo as expectativas dos militantes ateus.

Para nós Cristãos o que Camping fez contradiz a Bíblia uma vez que nenhum humano tem a capacidade de saber o Dia em que Jesus Cristo voltará para julgar o mundo (vêr Mateus 24:36). Se alguém que se diz “Cristão” especifica um dia exacto como o dia da Segunda Vinda, ele está em rebelião aberta com as Escrituras.

Como tal, o Cristianismo não tem que ser culpabilizado por aqueles que agem de forma contrária ao Cristianismo.

E com apenas 4/5 linhas qualquer Cristão destrói por completo as pretensões ateístas.

Profecias seculares.

Ludwig Kripahl alega que “este tipo de coisas surge sempre do mesmo problema, transversal a todas as religiões, superstições, crendices e afins“. O crente ateu Rossetti diz que “As pessoas deveriam deixar essas datas e besteiras de lado e se concentrar em viver a vida como se fosse única.

Tendo isso em conta, vamos analisar algumas profecias seculares.

  • seis anos atrás as Nações Unidas emitiram um aviso dramático de que, para o ano de 2010, o mundo teria que lidar com mais de 50 milhões de refugiados climáticos. Mas agora que essas migrações falharam em se materializar, a ONU distanciou-se dessas previsões.” Der Spiegel, Abril de 2011

Contrariamente a esta profecia secular, as populações estão a crescer nas regiões que haviam sido identificadas como “zonas ambientalmente perigosas”. A profecia anunciava uma calamidade num futuro próximo mas tal não ocorreu. Não me lembro de vêr o Ludwig escrever que “este tipo de coisas surge sempre do mesmo problema, transversal a todas as religiões, superstições, crendices e afins“. Uma vez que a ONU não é uma organização religiosa, a que é que o Ludwig atribui esta falsa profecia da sua parte?

Eis mais uma profecia secular:

  • “No seu livro de 1968 “The Population Bomb” o professor de Stanford Paul Ehrlich escreveu:

Durante a década 70, centenas de milhões de pessoas passarão fome até à morte apesar dos programas iniciados hoje. Nos tempos que correm, nada pode impedir um substancial aumento nas taxas de morte da Terra.”

Não houve nenhuma fome mundial na década 70 que tenha causado “centenas de milhões” de esfomeados o que significa que esta profecia secular/ateísta/humanista não se materializou.

Não sei se se deve continuar a listar as profecias seculares falhadas (especialmente nas áreas do aquecimento global e da teoria da evolução), mas o ponto que fica das profecias já listadas é que falharam por completo. Anunciaram cenários catastróficos e estes não se verificaram. Usando a lógica do Rosseti, temos que concluir que “As pessoas deveriam deixar essas datas e besteiras de lado e se concentrar em viver a vida como se fosse única.”

Há uma grande diferença entre as profecias Cristãs e as profecias secularistas. Os Cristãos abertamente admitem que as suas profecias (as verdadeiras profecias e não as falsas como as do Camping) baseiam-se na fé do que Deus já fez no passado, enquanto que os secularistas gritam que as suas profecias se baseiam na “ciência”.

Importa perguntar que “ciência” é essa que aparenta levar os secularistas a fazer falsas profecias com relativa frequência.. Não é a ciência de Newton, Pascal, Faraday, Maxwell e Lineu (por sinal, todos criacionistas).
………….

Conclusão:

A Bíblia diz que ninguém sabe o dia e a hora em que o Senhor voltará, portanto quem diz que sabe ou é mentiroso ou está enganado.

Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai (Mateus 24: 36)

Eu sinceramente não sei qual é a dificuldade que as pessoas têm com este Verso da Bíblia. Que parte de “ninguém sabe” é que eles (falsos Cristãos e militantes ateus) não entendem?

Segundo: se os militantes vão usar o comportamento de um “Cristão” como forma de refutar todo o edifício Cristão, então temos que ser coerentes e rejeitar por completo as noções de aquecimento global e a evolução das espécies porque houve pessoas que fizeram profecias baseadas nessas ideologias e as mesmas não aconteceram.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Bíblia, Religião and tagged , , , . Bookmark the permalink.

9 Responses to Profecias seculares

  1. Rossetti says:

    Nao sou crente, crente é quem cre em deus. Sou biólogo e sou evolucionista sim. Crente que em deus sem evidências e eu acredito no pressuposto evolutivo baseado em evidencias e não na fé.

    Se nao sabe diferenciar ciência e religião pula fora da briga e não fique pondo palavras em minha boca.

    Like

  2. Adalberto Felipe says:

    Ótimo artigo, Mats.

    É lamentável como esse pastor e seus seguidores falharam ao ler a bíblia e a mídia esquerdista, é claro, se aproveitou disso.

    Isso está me lembrando de um artigo que li no Vera Dextra que falou sobre isso e sobre outras profecias do aquecimento global, que Al Gore preveu que o polo Norte se derreteria em breve, etc., e nada disso aconteceu.

    Me lembrou também de um tópico sobre uma outra “profecia” de cientistas sobre a mosca da fruta em que previam o aparecimento de outros tipos de moscas, já que esta espécie vive pouco tempo e multiplica-se rápido e nada aconteceu.

    Temos também as profecias da religião de Darwin que não podemos nos esquecer, é claro.

    Like

  3. Mats says:

    Rosseti, tu es um crente porque tu acreditas. Nao e’ preciso acreditar em Deus para se ser crente: basta acreditar em algo, que e’ o que tu fazes.
    Claro que ha diferenca entre ciencia e religiao. Quem disse o contrario? O que eu e alguns evolucionistas dizemos e’ que a teoria da evolucao e’ uma fe religiosa e nao uma verdadeira teoria cientifica.

    Os evolucionistas Julian Huxley e Michael Ruse qualificam a evolucao como uma religiao. Eles estao certos ou errados?

    A teoria da evolucao e’ mitologia religiosa disfarcada de ciencia e e’ altura de tu veres isso.

    Dizer que a vida e’ o resultado de u€ processo nao inteligente e’ analogo a dizer que Maome voou em cima dum cavalo de Mecca a Jerusalem. Dizer que um animal terrestre se transformou numa baleia apos uns milhoes de anos e’ a coisa mais ridicula ja vista. Achas mesmo que e’ possivel um lobo/vaca/urso se transfoprmar numa baleia? Acreditas mesmo nisto, Rosseti?
    Portanto, a evolucao e fantasia e mitologia com o islaoam a diferenca e’ que somos todos obrigados a pagar para que essa mitologia seja ensinada aos nossos filhos.

    Like

  4. Mats says:

    Rosseti, e ninguem pos palavras na tua boca. Eu nao disse que tu tinhas dito que tu es crente: eu disse que tu es crente.

    Se nao sabes a diferenca entre “por palavras na boca” e “identificar alguem” como crente, entao abre um dicionario. E ve.

    Like

  5. Rossetti says:

    Pois não sou crente. Se não sabe a definição de crença como quer discutir ci6encia e religião?

    [[ Mas eu sei qual é a definição de crença, e a tua crença em Darwin é suficiente para eu te catalogar de crente evolucionista]]

    Like

  6. Jonas says:

    Crença é tudo aquilo que se acredita que é verdade ou que corrobora com uma cosmovisão mesmo que não se tenha alguma prova empírica que confirme o fato.
    Dentro desta conceitualização a religião é uma forma de crença,assim como a Filosofia e até em muitos aspectos a própria ciência ou que “posa” de ciência.O Darwinismo tem muitas questões onde a crença impera(abiogênese,descendência comum e seus “elos perdidos”,seleção e mutação com força motriz de organização de novos planos corporais,…,assim como na Cosmologia com os seus Multiversos e muitos cientistas crendo em Et,s e tantos outras áreas de estudo onde o Naturalismo é a realidade final sem a devida comprovação científica.

    Acho que o médico e filósofo espanhol Gregório Maranón tinha muita razão em dizer;”Quem está disposto a crer numa coisa,deixa-se convencer com os argumentos mais fáceis.”

    A questão fundamental é a realidade última de todas as coisas,se eu quizer entende-la como não natural há um escopo de entendimento que me apoiará em minhas reflexões e evidências,se não,tudo me levará a negar a maior evidência possível transformando esta(evidência)em uma racionalização que me “convencerá” que estou certo.

    Com o aperfeiçoamento dos aparatos de observações estamos chegando em uma realidade em que tudo é Attosegundos(10-18),,e usando um neologismo,Picométrico(10-12),onde o Virtual,campos e ondas imateriais são a tônica.
    Até onde o Naturalismo Metodológico poderá acompanhar o Conhecimento até que se perca em uma crença total?Como crença repito,quando não há comprovação científica,e partamos para o subjetivo,abstrato e sobrenatural?
    No meu entender o Conhecimento pleno esbarrará nas limitações humanas(tempo,espaço,inteligência,percepção e tecnologia) o que sempre dará espaço as crenças,onde a Cosmovisão determinará como viveremos:ou” crentes na matéria(ateísta),ou crentes no sobrenatural(DEUS).
    A escolha é tomada na jornada da Vida,onde colheremos os frutos da nossa decisão!

    Like

  7. Rossetti says:

    Bem, vejamos as definiçoes de crença:

    Em filosofia, mais especificamente em epistemologia, crença é uma condição psicológica que se define pela sensação de convicção relativa a uma determinada ideia a despeito de sua procedência ou possibilidade de verificação objetiva.

    [[ Exactamente o que a teoria da evolução é: condição psicológica que se define pela sensação de convicção relativa a uma determinada ideia. — Mats]]

    Logo pode não ser fidedigna à realidade e representa o elemento subjetivo do conhecimento.

    [[ Exactamente o que o neo-darwinismo é — Mats]]

    Pode também ser entendida como sinônimo de fé e, assim como qualquer manifestação de convicção, acompanha absoluta abstinência à dúvida pelo antagonismo inerente à natureza destes fenômenos psicológicos e lógica conceitual.

    [[IDem idem, aspas aspas. OS evolucionistas já não são livres para pensarem fora da caixa evolutiva; eles são OBRIGADOS a trabalhar dentro desse paradigma, MESMO que as evidências não confirmem as alegações. — Mats]]

    Ou seja, é ser convicto, e sendo a fé/crença uma forma de convicção, é impossível duvidar e crer ao mesmo tempo.

    [[Exacto — Mats]]

    crença
    s. f.
    1. Fé religiosa.
    2. Confiança.
    3. Opinião.

    [[ Tudo encaixa na teoria da evolução — Mats]]

    Sinto muito, voce não sabem nem no que cre e o que é crer.

    [[ Aparentemente, sabemos — Mats]]

    Like

  8. Ricardo Reno says:

    Como escreveu Omar Khayyam no Rubaiyat:”Para que preocupar-se? No final será o nada ou a misericórdia”.

    Like

  9. Mats says:

    Só terão misericórdia que pedirem misericórdia.

    Aqueles que ignorarem a graça de Deus manifesta no sacrifício único e suficiente do Seu Filho Jesus Cristo não irão ter a misericórdia de Deus mas sim o juízo de Deus.

    E quem é que pode estar na Presença de Deus no seu pecado?

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s