A hibernação do sapo

E Moisés disse: Seja conforme à tua palavra, para que saibas que ninguém há como o Senhor, Nosso Deus. E as rãs apartar-se-ão de ti, e das tuas casas, e dos teus servos, e do teu povo; somente ficarão no rio
Êxodo 8:10

Já alguma vez te perguntas onde é que os sapos passam o Inverno? Sim, os sapos hibernam mas há muito mais a dizer em relação a isso.

Os sapos são animais de sangue frio; isto significa que eles não geram o seu calor corporal. O calor que eles precisam para suster a vida provém do Sol, do calor da água onde se possam encontrar ou do ar à sua volta.

À medida que a temperatura começa a diminuir, o sangue dos sapos vai-se tornando mais espesso e o ritmo de vida também começa a diminuir. Os sapos iniciam então a sua procura de lugares para passar o inverno.

Este local de hibernação tem que ser bem escolhido devido a vários factores. Para além de ser seguro o suficiente para evitar os predadores, o lugar não pode permitir que a temperatura corporal desça 2 graus abaixo do ponto de congelamento da água, sob pena disso formar cristais de gelo no sangue e causar a morte.

Alguns sapos enterram-se o suficiente na lama de modo a evitar o congelamento. Outros podem-se arrastar para dentro de troncos em decomposição ou para baixo de folhas, ambas com capacidade de providenciar calor suficiente para evitar temperaturas mais rigorosas.

No entanto, e para desespero de quem acredita que a vida tem origens aleatórias (militantes evolucionistas), os sapos possuem outros “truques” engenhosos para sobreviver ao Inverno.

Quando o tempo está inusitadamente demasiado frio durante a Primavera ou o Verão – o que significa vida mais rigorosa e mais mortes entre a população de sapos – a próxima geração de sapos terá automaticamente mais fêmeas.

A existência destas fêmeas adicionais significa que mais ovos podem ser colocados na Primavera. Como efeito, a população de sapos rapidamente volta ao normal.

. . . . .

Segundo os evolucionistas, este sistema “compensatório” é o resultado de “milhões de anos” de mutações aleatórias filtradas pela sempre eficiente selecção natural.

Alegadamente, não há Inteligência em parte alguma de todo o processo. É tudo obra do acaso aleatório. Afirmar que este aparato é um óbvio resultado de planeamento e inteligência é, segundo os evolucionistas, um “ataque à ciência” (seja lá o que isso for).


About Mats

Salmo 139:14 - Eu Te louvarei, porque de um modo terrível e tão maravilhoso fui formado; maravilhosas são as Tuas obras
This entry was posted in Biologia and tagged , , , , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to A hibernação do sapo

  1. jonas says:

    Mats!

    Primeiramente lhe desejar um ano de 2012 feliz e próspero e que DEUS continue lhe concedendo sabedoria e discernimento do Alto,para que os temas tratados aqui possam romper fortalezas intelectuais tão solidificadas pelo paradigma vigente, que travestido de ciência engoda a tantos.

    Há muitos casos na literatura sobre espécies que resistem ao congelamento ou até são congeladas para depois retornarem na primavera a “vida”.
    Animais ectotérmicos cujo metabolismo é insuficiente para manter a temperatura corporal constante como rãs,tartarugas,insetos e aranhas são mestres da sobrevivência.

    A relatos de um inseto do Àrtico que sobrevivem congelados por 10 meses do ano com temperaturas de 50 graus negativos,ou cracas e mexilhões que habitam nas regiões de entre marés frias,que congelam e descongelam duas vezes ao dia,decorrente da maré alta ou baixa.A Rana Sylvatica pode sobreviver dias ou semanas de congelamento com 65% da sua água corporal convertida em gelo.O congelamento é mortal para a maioria das células,pois os cristais de gelo rompem as membranas das organelas citoplasmáticas,e os processos metabólicos desta ficam prejudicados.

    Ou os animais ectotérmicos se protegem do frio através das folhas,ou encobertos pela terra em locais protegidos,ou evitam o congelamento mantendo os seus fluidos corporais líquidos.Há saídas interessantes como o super congelamento(resfriadas abaixo do ponto de congelamento),mas em geral estas espécies usam proteínas anticongelantes,onde estas evitam os nucleantes que são particulas que podem iniciar o crescimento de cristais de gelo fornecendo pontos de ligação para as móleculas de água formarem a estrutura cristalina do gelo.

    O outro mecanismo é o uso da glicose, que em algumas espécies pelo simples formar de cristais de gelo na pele desencadeia uma resposta neuro hormonal em que ha um aumento da glicemia para 4500 miligramas por 100 mililitros(humano 80 a 100).

    Não passa pelo meu crivo racional que milhões de anos puderam fazer adaptações de tamanha otimização e excelência.
    A nova Informação com significado demanda cognição,e é disto que o texto fala.A Inteligência de um Ser que com Sabedoria tudo criou e também possibilitou a plasticidade da VIDA para que ela fosse louvada e admirada como ela é,quer por leigos ou cientistas.

    Like

  2. jefferson says:

    Isso me fez recordar,não me lembro o livro e versículo exato,mas está nos evangelhos,Jesus nos aconselha a não andarmos ansiosos pelo q comer e pelo vestir,ele cita os passaros do ceu q não trabalham,mas sempre tem alimento para si ,e os lírios do campo,se vestem melhor q Salomão!Se Deus tem cuidado com a natureza,qnto mais com aqueles q cofiam Nele!

    Like

  3. daniel says:

    ataque a ciência,dizer que isso ai vem de processos aleatórios é um ataque mental,derrame cerebral,ou coisa pior.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s