44 Responses to A mais perigosa decepção evolucionista

  1. Isaias Oliveira says:

    É ZERO a chance de a vida na Terra surgir por obra do acaso. Menos provavel ainda é a vida surgindo casualmente em outros lugares do universo. Mesmo que fosse encontrada vida em outros planetas (o que não acredito) isso só iria contradizer o evolucionismo.

    Like

    • Leonardo Saldanha Costa says:

      Que seres extra terrestres existem ? Óbvio , por acaso os anjos são seres terrestres ? No livro de Jó, no capítulo 1, por exemplo encontramos uma reunião com os representantes de todos os mundos em que Satanás aparece (embora não fosse convidado) representando a Terra . Os chamados ETE’S que muitas pessoas afirmam ter visto não podem ser seres de outros planetas em outras galáxias, afinal somos o único planeta caído em pecado e os mesmos que de fato existem conforme a bíblia não tem contato conosco , embora nos observem como o apóstolo escreve em 1º Coríntios 4 verso 9 !

      Like

  2. lucas says:

    Uma coisa sobre essa questão dos alienígenas é o modo como ela se porta diante da Teoria da Evolução: Sempre concordando, nunca questionando e muitas vezes complementando.

    É curioso ver como a teoria dos deuses astronautas(Anunnaki) sempre questionam dogmas dos outros, mudam contextos bíblicos, mas no final a versão deles sempre bate com a dos evolucionistas…

    Like

  3. não vou me dar ao trabalho, seja feliz amigo

    Like

  4. Valdemir Faleiros says:

    Em Portugal ainda acreditam em demônios? E quando os ETs curam as pessoas, por exemplo; algo que já ocorreu em inúmeros contatos, diga-se de passagem?! Diabos fazem o bem? Existem pessoas boas e ruis, não é verdade? e da mesma forma, existem ETs bons e ETs malévolos.

    Like

    • Lucas says:

      Em Portugal ainda acreditam em demônios?

      Sim, claro. Porquê? A crença nos demónios tem prazo de validade?

      E quando os ETs curam as pessoas, por exemplo; algo que já ocorreu em inúmeros contatos, diga-se de passagem?!

      Isso é feito com o propósito de manter as pessoas dependentes e viciadas nos ETs. Curas milagrosas ocorrem em todas as religiões mas Deus não é Autor de todas as curas.

      Diabos fazem o bem?

      Sim, mas como forma de manter as pessoas no engano. Quando uma pessoa “vende a alma ao diabo”, muitas vezes ela obtém um “bem” amaldiçoado.

      Existem pessoas boas e ruis, não é verdade? e da mesma forma, existem ETs bons e ETs malévolos.

      Não existem demónios “bons”.

      Like

  5. Valdemir Faleiros says:

    Vc publica textos só de pessoas que partilham suas ideias? Qual então a utilidade deste espaço?

    Like

  6. Anderson says:

    O texto tem seu fundamento bíblico corretamente exposto. Os ET’s são os brinquedinhos dos demônios para levá-los ao engano.
    Agora pensem: o espiritismo também não tem a mesma leitura? Se na Bíblia a morte é um sono, um estado de inconsciência conforme Ec 9:5,6 (e outros muitos textos, citei apenas o mais claro no meu ponto de vista) como acreditar que pessoas possam encarnar em espíritos e ficar vagando pela terra? Não podem os demônios também simular serem pessoas? Não existem relatos na Bíblia de que eles realmente fizeram isso (Samuel)?
    O espiritismo é arma de engano de satanás, base da doutrina de adoração dos santos, doutrina contrária aos mandamentos eternos de Deus de Ex. 20, escritos pelos Seu próprio dedo em tábuas de pedra que estão dentro da arca da aliança.
    Com esse engano satanás planeja agrupar as pessoas para posteriormente aliarem-se com Roma, na adoração de um falso deus dada pela observância de falso dia de adoração, o domingo.
    Ez 20:12,20 diz: O sábado é o sinal de aliança entre Deus e vós, pois quem aceita a santificação de Deus o observa.

    Abraços,

    Like

    • gostaria de responder as suas indagações, caso o meu comentario acima passe vou responder, e se Biblia tem que ser maiusculo porque biblico pode ser minusculo, algo errado com o biblico ele por acaso e inferior

      Like

    • SAL says:

      Caro Anderson,
      creio que vivemos o tempo da graça e uma Nova Aliança Superior no sangue do Senhor Jesus, derramado na cruz, e não mais o tempo da Lei. O próprio Senhor Jesus afirmou:” Pois o Filho do homem é Senhor do sábado”, e noutra passagem inspirou o apóstolo Paulo a escrever:”Vocês estão observando dias especiais, meses, ocasiões específicas e anos! Temo que os meus esforços por vocês tenham sido inúteis”-Gl.4:10,11.
      A mim parece-me que esta sua frase:”O sábado é o sinal de aliança entre Deus e vós, pois quem aceita a santificação de Deus o observa”, é incorrecta fase aos ensinamentos do Senhor Jesus e ao facto do Senhor Jesus ser Deus Bendito e Senhor do sábado que nos trouxe uma Aliança Superior. É por isso que ritos judaizantes não me parecem necessários e sinais de alianças que Deus fez com o povo eleito tal como o da circuncisão e guardar o sábado foram sinais cumpridos. Mateus 12:1-14 (Senhor do sábado) mostra a repreensão que o Senhor Jesus deu aos religiosos fariseus por não O reconhecerem como Deus e se apegavam à Lei, para O apanharem em falta. A santificação de um cristão não depende da guarda do dia do sábado mas da obediência às palavras, ensinamentos do Senhor Jesus pelo poder do Espírito Santo; esses é que entrarão no descanso do Senhor tal como é explicado no livro de Hebreus 3:5-19 e no capítulo 4:1-13, está lá tudo muito bem explicado (não coloco aqui todas essas passagens para não ficar muito extenso. Concluo com as palavras do Senhor Jesus:”E então lhes disse: “O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado. Assim, pois, o Filho do homem é Senhor até mesmo do sábado” -Marcos 2:27,28. Nunca nos podemos esquecer que o Senhor Jesus é a Vida (eterna)-Jo.14:6.

      Like

      • Anderson says:

        Prezado SAL,

        Bom que expôs sua opinião de maneira educada e construtiva, assim é sempre o que espero de um diálogo e que discutamos ideias e não pessoas.
        Vou tentar responder-lhe a Luz das Escrituras, espero que ambos possamos crescer neste conhecimento.

        “creio que vivemos o tempo da graça e uma Nova Aliança Superior no sangue do Senhor Jesus, derramado na cruz, e não mais o tempo da Lei. O próprio Senhor Jesus afirmou:” Pois o Filho do homem é Senhor do sábado”, e noutra passagem inspirou o apóstolo Paulo a escrever:”Vocês estão observando dias especiais, meses, ocasiões específicas e anos! Temo que os meus esforços por vocês tenham sido inúteis”-Gl.4:10,11.”

        Primeiro ponto, concordo que vivemos no tempo da graça mas isso sempre foi assim. Veja: “Porém Noé achou graça diante do SENHOR. Gn 6:8”, aí diz explicitamente que foi pela graça de Deus que Noé e sua família foram salvos no mundo ante-diluviano.
        Também não vejo contradição ao Jesus afirmar ser Ele o Senhor do sábado. Ora, se Tu vives em um país, e nesse país há um líder (senhor), por isso você deve se mudar? Pra mim significa o contrário, se Ele é Senhor do sábado então é neste dia que nós devemos fazer apenas aquilo que Lhe agrada (excluir tarefas seculares).
        Também acredito que faltou tu colocares o texto de Gl 4:10,11 no seu devido contexto. Lembre-se de que Jesus foi criticado e mal compreendido por ter reprovado, em diversas oportunidades, o que faziam os fariseus e escribas. O que eles faziam, e o que hoje compreendo também como erro, é o guardar a lei como meio de salvação. Isso é errado, sendo que somos salvos apenas pelo sacrifício expiatório de Cristo (a Graça) mediante a nossa fé Ef 2:8,9. Paulo estava ali criticando este mesmo comportamento.
        Quando lemos o capítulo 3:1-4 da carta, percebemos que os irmãos daquela igreja estavam fazendo da Lei (os cinco livros de Moisés, com todas as instruções ao povo de Deus) o meio de Salvação no lugar de Cristo. No entanto, no verso 6 ele cita Abraão como o pai da fé em Cristo pela qual somos salvos porém Abraão em Gn 26:5 “porque Abraão obedeceu à minha palavra e guardou os meus mandados, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis.” guardou a Lei de Deus.

        “A mim parece-me que esta sua frase:”O sábado é o sinal de aliança entre Deus e vós, pois quem aceita a santificação de Deus o observa”, é incorrecta fase aos ensinamentos do Senhor Jesus e ao facto do Senhor Jesus ser Deus Bendito e Senhor do sábado que nos trouxe uma Aliança Superior. É por isso que ritos judaizantes não me parecem necessários e sinais de alianças que Deus fez com o povo eleito tal como o da circuncisão e guardar o sábado foram sinais cumpridos.”

        Amigo, você certamente acredita que Deus é perfeito, como a Bíblia também o afirma Mt 5:48. Também acredito que Jesus é Deus, certo? João 10:30, e também acredita que, apesar de Jesus ter nascido de Maria ele não passou a existir a partir daí, correto? João 1:1-14 mas sim que existe desde a Eternidade Is 9:6.
        Agora a pergunta final, por que Deus criaria uma lei que não pode ser obedecida? Ele errou?
        Eu creio que não. O Deus que é eterno, e nunca muda (Ml 3:6 e Tg 1:17) não fez nada imperfeito e sua onisciência é a habilidade de saber que algo vai dar certo no fim desde o princípio. Logo, a Lei não foi abolida, o próprio Mestre disse isso em Mt 5:17-20, e até nesse trecho ele diz que violar os mandamentos, que Ele mesmo criou no céu e transferiu para a terra no gênesis (Gn 2:1-3), seria como ser considerado o menor no reino dos céus, ou seja, nada.
        O sábado foi dado então no gênesis e observado por todos na Bíblia, e pasme, até por Maria!
        Adão e Eva – Gn 2:3
        Deus – Gn 2:1-3
        Antigo Israel – Ex 16:4,5,22-30
        Estrangeiros em Israel – Is 56:6
        Profetas – Ez 20:20
        Jesus – Lc 4:16
        Maria – Lc 23:54-56
        Apóstolos – At 13:13,14;17:2;18:4
        Salvos no céu irão também observá-lo – Is 66:22,23

        A aliança Superior que mencionas se refere ao Sangue do Cordeiro de Deus, Jesus, que morreu por nós na cruz, finalizando ou cumprindo o que o ritual do santuário apontava: Alguém inocente derramaria Seu Sangue para curar o pecador de seu pecado Ex 29. O cordeiro do antigo testamento foi o tipo do Cordeiro do novo testamento, Jesus. João 1:29. Por Jesus morreu apenas uma vez por todas mas que hoje vive e viverá Eternamente Hb 7:26-28.

        Os ritos judaicos realmente foram abolidos mas não a Lei de Deus, Cristo “aboliu, na sua carne, a lei dos mandamentos na forma de ordenanças, para que dos dois criasse, em si mesmo, um novo homem, fazendo a paz,” Ef 2:15. Por isso os ritos do santuário não são mais necessários, uma vez que o sangue Santo e Puro do Criador, infinitamente mais valioso que sangue de animais, foi derramado pelo pecador “tendo cancelado o escrito de dívida, que era contra nós e que constava de ordenanças, o qual nos era prejudicial, removeu-o inteiramente, encravando-o na cruz;” Cl 2:14

        Se tu infringes uma lei de trânsito e recebes uma multa por isso. Após pagar a multa tu aboles a lei que ocasionou a multa? Aqui não. Então o que Cristo fez foi o mesmo. Ele pagou por nós a dívida que temos para com Sua Lei mas a Lei em si continua vigente pois é a expressão de Seu Santo Caráter, o que nos mostra o que é pecado “Todo aquele que pratica o pecado também transgride a lei, porque o pecado é a transgressão da lei.” 1 Jo 3:4.
        Logo, o guardar a lei de Deus não é para obter salvação, e sim um ato de amor e gratidão pela salvação que já nos foi concedida na cruz pelo nosso Salvador.
        E ele mesmo disse: “Se me amais, guardareis os meis mandamentos” João 14:15, logo, amar a Jesus é observar aquilo que ele ensinou, e ele ensinou a guardar os mandamentos: “Respondeu-lhe Jesus: Por que me perguntas acerca do que é bom? Bom só existe um. Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos.” Mt 19:17

        “Mateus 12:1-14 (Senhor do sábado) mostra a repreensão que o Senhor Jesus deu aos religiosos fariseus por não O reconhecerem como Deus e se apegavam à Lei, para O apanharem em falta. A santificação de um cristão não depende da guarda do dia do sábado mas da obediência às palavras, ensinamentos do Senhor Jesus pelo poder do Espírito Santo; esses é que entrarão no descanso do Senhor tal como é explicado no livro de Hebreus 3:5-19 e no capítulo 4:1-13, está lá tudo muito bem explicado (não coloco aqui todas essas passagens para não ficar muito extenso. Concluo com as palavras do Senhor Jesus:”E então lhes disse: “O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado. Assim, pois, o Filho do homem é Senhor até mesmo do sábado” -Marcos 2:27,28. Nunca nos podemos esquecer que o Senhor Jesus é a Vida (eterna)-Jo.14:6.

        Amigo, Deus nos deu o sábado porque ele sabia, desde o princípio, que no século XXI as pessoas não teriam tempo para Ele. Reservou esse dia, desde a criação, para termos um encontro semanal com Ele, para lembrarmos de Suas maravilhas, para relembramos de onde viemos, quem somos, para admirarmos Sua criação.
        E ele aguarda pacientemente que as pessoas o deixem fazer a obra no seu ser: “Porque esta é a aliança que firmarei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o Senhor: na sua mente imprimirei as minhas leis, também sobre o seu coração as inscreverei; e eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo.” Hb 8:10. Para sermos novamente chamados filhos de Deus: “Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e praticamos os seus mandamentos.
        Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos,” 1 jo 5:2,3. E assim estejamos preparados para a última grande provação, unidos como o povo que se chama pelo Seu Nome, pois “Aqui está a perseverança dos santos, os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.” Ap 14:12

        Abraços.

        Like

      • SAL says:

        Caro Anderson

        Tentarei ser breve para que não prolongar um debate teológico que não tem absolutamente nada a ver com o tema que o Lucas nos trouxe. Deixarei a minha resposta, como matéria para a sua reflexão, se a desejar.

        “Primeiro ponto, concordo que vivemos no tempo da graça mas isso sempre foi assim”.

        Deus de facto estende a Sua graça a quem Ele quer, mas creio que a graça dada a Noé (visto que o dilúvio tipifica a ira de Deus que há-de vir a toda a humanidade pecadora) teve o propósito de deixar um remanescente, como Deus tem feito ao longo dos tempos, e isso é provado em Romanos 11:5,6:”Assim, hoje também há um remanescente escolhido pela graça. E, se é pela graça, já não é mais pelas obras; se fosse, a graça já não seria graça”. Todo o Novo Testamento faz essa distinção entre o tempo da Lei e o tempo da Graça. É por isso que o Evangelho foi pregado a Abraão e Abraão foi justificado pela fé (muito antes do surgimento da Lei mosaica).

        “Agora a pergunta final, por que Deus criaria uma lei que não pode ser obedecida? Ele errou?”

        Em 1 Coríntios 15:56,57, o apóstolo Paulo explica muito bem a quem também lhe colocava esse tipo questões dizendo:”O aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a Lei. Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por meio do nosso Senhor Jesus Cristo”. E ainda em Romanos 3:20,21 diz:”Portanto ninguém será declarado justo diante Dele baseando-se na obediência à Lei, pois é mediante a Lei que nos tornamos plenamente conscientes do pecado”. Mas agora manifestou-se uma justiça que provém de Deus, INDEPENDENTE da Lei da qual testemunham a Lei e os Profetas, justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo para TODOS os que crêem…”. Deus não muda mas as suas Alianças servem ao propósito para a qual Ele as criou. E a Aliança Superior no sangue do Senhor Jesus libertou-nos da Lei, pela qual ninguém pôde ser santificado ou feito justo.
        Parece-me também que não deu a devida importância aos capítulos de Hebreus que lhe indiquei para perceber que o “Descanso de Deus” nada tem a ver com guardar o sábado como dia especial, e esse “descanso” só será alcançado por aqueles que trilharam o caminho de santidade, pois para um cristão TODOS os dias são para o Senhor porque O adoramos em espírito e em verdade e não mais em dias especiais, festas especiais ou templos construídos para esse efeito. O Senhor veio não para abolir a Lei mas para cumpri-la (Mt.5:17) e essa é também uma das razões pela qual o Senhor Jesus é o Senhor do sábado; assim em resposta à pergunta: “Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?” Respondeu Jesus: “ ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas”;” Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam; pois esta é a Lei e os Profetas”.(Mt.22:37-40; Mt.7:12). Cumpts.
        Obrigado Lucas, por nos ceder este espaço em parêntesis, para podermos trocar algumas considerações à parte do texto que publicou. Cumpts.

        Like

  7. Valdemir Faleiros says:

    Anderson, já vi muitas pessoas igonorantes em relação ao espiritismo, mas vc é simplesmente superou todas que já vi. Vai estudar ao menos a obras basicas, para assim não passar vergonha, por favor. Caro Lucas, e no bicho-papão, fadas, e no minotauro, vc acredita? Sim, pois creio que a crença nesses seres também não tenha prazo de validade. Então é claro que vc acredita, né!?

    Like

    • Miguel says:

      Caro Lucas, e no bicho-papão, fadas, e no minotauro, vc acredita?

      Não, eu (Lucas) não acredito. Porque é que deveria?

      Sim, pois creio que a crença nesses seres também não tenha prazo de validade. Então é claro que vc acredita, né!?

      Mas a pergunta foi se em Portugal ainda se acreditava em demónios. Eu respondi se essa crença tinha algum prazo de validade, e nada mais. Não obtive resposta. Volto a perguntar: a crença nos demónios tem algum prazo de validade? Porque é que em Portugal não se pode acreditar nos demónios nos dias de hoje? Tu tens que sustentar o que dizes, sempre que o afirmas.

      Like

    • Anderson says:

      Valdemir Faleiros, a única Obra Básica de que preciso e sobre a qual comentei é a Bíblia, se quiser portanto um diálogo edificante, sem ofensas, sobre esse tema com base na Bíblia, estou disposto a argumentar. Como apenas tentou me ofender, vejo que crê mais nas obras que se fizeram “com base na Bíblia” as quais tem terríveis falhas teológicas, lógicas e filosóficas.
      Se quiseres colocar o espiritismo na Bíblia ou refutar qualquer argumento que eu coloquei de maneira lógica, racional e de acordo com a Bíblia, por favor cite a Bíblia, pois os autores do espiritismo assim o fizeram.

      Deus tem planos melhores para nós do que nos permitir ficar vendo o sofrimento de nossos queridos num suposto “plano espiritual” diferente. Deus tem melhores planos para nós do que um ciclo interminável de reencarnações (palavra que não existe na Bíblia) e aperfeiçoamentos que, pasme, nos leva a um mundo pior a cada dia.

      Pense nisso, leia a Palavra de Deus, estude-a e assim Deus o abençoará com a Verdade.

      Abraço.

      Like

  8. Valdemir Faleiros says:

    Correção: (as) obras basicas e IGNORANTES.

    Like

  9. Já estudei casos sobre testemunhos de extra terrestres, na verdade não há nenhuma corroboração testemunhal desses eventos, nada que ateste a existência de extraterrestres vistos na terra.

    a maioria são depoimentos isolados de abduções (que não tem corroboração testemunhal), ou por pressuposição.

    Like

  10. Valdemir Faleiros says:

    Eu posso lhe trazer várias passagens bíblicas, onde encontramos claramente referencias a reencarnação; tudo bem? Mas é claro que só trarei, se vc for aceitar os textos…

    Like

    • Anderson says:

      Valdemir, como eu disse, estou disposto a argumentar. Aceitar os textos bíblicos eu aceito todos, desde que racionalmente dentro do contexto quando foram ditos. Isso significa mostrar que o autor do texto quis dizer determinada coisa, dentro do contexto histórico, cultural e teológico, levando em conta o público para quem falava. Por vários autores espíritas não fazerem isso conforme a Bíblia determina, isso é, hermenêutica, é que acabam caindo em erros doutrinários.
      Agora, se queres que eu aceite teus argumentos então a recíproca tem de ser verdadeira, senão não há porquê dialogarmos. Concordas?

      Abraço.

      Like

    • jephsimple says:

      Assim como tem indivíduos que querem se basear na Bíblia para sustentar sua homossexualidade inclusive abrindo igrejas, sendo os próprios pastores gays e pastoras lésbicas.
      Ambas são doutrinas satanicas sem qualquer contexto Bliblico e Cristão .

      Like

      • Victor says:

        Cada um interpreta a Bíblia da maneira que lhe convém.

        Like

      • Lucas says:

        Cada um interpreta a Bíblia da maneira que lhe convém.

        Cada um interpreta as tuas palavras da maneira que lhe convém, independentemente de qual seja a tua intenção.

        Like

      • Victor

        “”Cada um interpreta a Bíblia da maneira que lhe convém.””

        Para alguns, convém interpreta-la indevidamente, fora de seu contexto, obtendo o sentido errado do que ela realmente apresentou. Para outros, convém interpreta-la corretamente, dentro do seu contexto, obtendo o sentido verdadeiro do que ela apresenta.

        A conveniência que promove o ato, não é sinônimo de engano ou mentira.
        Portanto, interpreta-la da “maneira que convém” não significa interpreta-la incorretamente, como tu, enganosamente tentas transmitir.

        Like

  11. Cícero says:

    Essa conversa enganadora dos Ets, seres extraterrestres, alienígenas realmente é coisa do inimigo. Isso é pra quando ocorrer o Arrebatamento, então haverá a desculpa de inúmeros raptos extraterrestres; alegarão os defensores dessa mentira; adentrando uma nova era para o mundo. O inimigo é o mestre do engano. “nas potestades do AR” (Ets). Ef 2:2.

    Outro engano dele é o espiritismo. Não há reencarnação, ao homem está destinado nascer uma vez e morrer uma vez Hb 9:27. E necromancia, outro pilar do espiritismo, também é abominação cfe. muitos textos bíblicos.

    Like

  12. Essa conversa enganadora dos Ets, seres extraterrestres, alienígenas realmente é coisa do inimigo. Isso é pra quando ocorrer o Arrebatamento, então haverá a desculpa de inúmeros raptos extraterrestres; alegarão os defensores dessa mentira; adentrando uma nova era para o mundo. O inimigo é o mestre do engano. “nas potestades do AR” (Ets). Ef 2:2.

    Outro engano dele é o espiritismo. Não há reencarnação, ao homem está destinado nascer uma vez e morrer uma vez Hb 9:27. E necromancia, outro pilar do espiritismo, também é abominação cfe. muitos textos bíblicos.

    Like

  13. Othonthon says:

    Maravilha! Finalmente encontrei um post que confirma o que há algum tempo eu desconfiava. Mas não passava pela minha cabeça que tal coisa poderia ser feita por alguém como Crowley! Deus nos livre!

    Like

  14. Anderson says:

    Prezado SAL,

    Estou sem tempo para continuar o dialogo e também, como apontaste, o espaço aqui não foi originalmente proposto para discussão teológica, embora o artigo envolva a Bíblia e a história nela contida.
    Vou, portanto, apenas deixar alguns textos sobre o tema que estávamos discutindo para que reflitas. E que o Espírito de Deus atue em nosso coração.

    “6 Porque o pendor da carne dá para a morte, mas o do Espírito, para a vida e paz.
    7 Por isso, o pendor da carne é inimizade contra Deus, pois não está sujeito à lei de Deus, nem mesmo pode estar.
    8 Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus.” Rm 8:6-8

    “12 Por conseguinte, a lei é santa; e o mandamento, santo, e justo, e bom.” Rm 7:12

    “13 De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo homem.
    14 Porque Deus há de trazer a juízo todas as obras, até as que estão escondidas, quer sejam boas, quer sejam más.” Ec 12:13,14

    “22 Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.” Tg 1:22

    “10 Pois qualquer que guarda toda a lei, mas tropeça em um só ponto, se torna culpado de todos.
    11 Porquanto, aquele que disse: Não adulterarás também ordenou: Não matarás. Ora, se não adulteras, porém matas, vens a ser transgressor da lei.
    12 Falai de tal maneira e de tal maneira procedei como aqueles que hão de ser julgados pela lei da liberdade.” Tg 2:10-12

    “17 Assim, também a fé, se não tiver obras, por si só está morta.
    18 Mas alguém dirá: Tu tens fé, e eu tenho obras; mostra-me essa tua fé sem as obras, e eu, com as obras, te mostrarei a minha fé.
    19 Crês, tu, que Deus é um só? Fazes bem. Até os demônios crêem e tremem.
    20 Queres, pois, ficar certo, ó homem insensato, de que a fé sem as obras é inoperante?
    21 Não foi por obras que Abraão, o nosso pai, foi justificado, quando ofereceu sobre o altar o próprio filho, Isaque?” Tg 2:17-21

    “5 porque Abraão obedeceu à minha palavra e guardou os meus mandados, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis.” Gn 26,5

    “4 Pois certos indivíduos se introduziram com dissimulação, os quais, desde muito, foram antecipadamente pronunciados para esta condenação, homens ímpios, que transformam em libertinagem a graça de nosso Deus e negam o nosso único Soberano e Senhor, Jesus Cristo.” Jd 4

    “9 O que desvia os ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável.” Pv 28:9

    “3 com respeito a seu Filho, o qual, segundo a carne, veio da descendência de Davi
    4 e foi designado Filho de Deus com poder, segundo o espírito de santidade pela ressurreição dos mortos, a saber, Jesus Cristo, nosso Senhor,
    5 por intermédio de quem viemos a receber graça e apostolado por amor do seu nome, para a obediência por fé, entre todos os gentios,
    6 de cujo número sois também vós, chamados para serdes de Jesus Cristo.” Rm 1:3-6

    “14 Porque o pecado não terá domínio sobre vós; pois não estais debaixo da lei, e sim da graça.
    15 E daí? Havemos de pecar porque não estamos debaixo da lei, e sim da graça? De modo nenhum!
    16 Não sabeis que daquele a quem vos ofereceis como servos para obediência, desse mesmo a quem obedeceis sois servos, seja do pecado para a morte ou da obediência para a justiça?” Rm 6:14-16

    “4 Todo aquele que pratica o pecado também transgride a lei, porque o pecado é a transgressão da lei.” 1 Jo 3:4

    “17 Irou-se o dragão contra a mulher e foi pelejar com os restantes da sua descendência, os que guardam os mandamentos de Deus e têm o testemunho de Jesus; e se pôs em pé sobre a areia do mar.” Ap 12:17

    Abraços!

    Like

    • SAL says:

      Caro Anderson
      Volto a relembrar-lhe as palavras do Senhor Jesus, as quais tenho a certeza que resumem e colocam um ponto final em toda a sua construção teológica – sobre a Lei e a guarda do sábado – desfasada do contexto da Nova Aliança no sangue do Senhor Jesus, derramado na cruz:”Respondeu Jesus: “ ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. DESTES DOIS mandamentos DEPENDEM TODA A LEI e os Profetas”;” Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam; pois ESTA É A LEI e os Profetas”.(Mt.22:37-40; Mt.7:12)- ênfase minha.
      Acredito que para um cristão TODOS os dias são dias do Senhor e para o Senhor Jesus e não especificamente o sábado ou o domingo ou qualquer outro. Se o Anderson deseja reunir-se aos seus irmãos num dia específico previamente combinado com eles, creio que isso não tem problema nenhum, desde que não diga que a pessoa não está salva se não guardar esse dia para o Senhor. Esses dias “especiais” são muito importantes para quem segue uma religião e por isso são objecto de polémicas, conflitos e decretos religiosos, mas como eu não creio em religiões e em decretos religiosos mas unicamente no Senhor Jesus Cristo, meu Salvador e na Sua Palavra como única regra de fé e conduta, acredito que a liberdade que gozo em Cristo Jesus me livra desses credos religiosos.

      Like

      • Anderson says:

        Prezado SAL,

        Eu usei “toda” a Bíblia para fundamentar meu argumento. De fato a lei está por toda a Bíblia e não se pode tirar ela de lá. O que faz isso, conforme diz Judas, é ímpio. E o ímpio, tal como o ateu, acha que não existe padrão moral estabelecido por um Ser Superior, um Deus. Portanto você coloca de maneira relativa o que é o amor.
        Como podes amar o próximo matando-o?
        Como podes amar o próximo mentido pra ele?
        Como podes amar a Deus tendo outros deuses?
        Como podes amar a Deus idolatrando estátuas?

        Percebas que não há nenhuma contradição entre a Lei e os “novos” (porque são antigos, ver Dt 6:5 e Lv 19:18) mandamentos de Jesus, e é por isso que Jesus não veio mudar a lei (Mt 5:17,18), veio cumpri-la (parte cerimonial da lei). No contexto, Jesus apenas disse que a obediência deve ser por amor, e não da maneira como era ensinada e praticada em Israel, ou seja, de maneira legalista, pretendendo que a Lei tenha função salvífica. Isso foi a crítica de Jesus aos escribas e fariseus por todo o novo testamento, e os mandamentos que ele passou são novos em significado e não em existência. O significado perdido em Israel era o amor.
        A salvação é pela graça, mas como vive alguém que foi salvo pela graça? Praticando as mesmas coisas de antes ou ele é feito nova criatura? Se é nova, como fazer o que é antigo? E como saber o que antigamente era errado fazer? Somente a lei responde.
        “20 visto que ninguém será justificado diante dele por obras da lei, em razão de que pela lei vem o pleno conhecimento do pecado.” Rm 3:20

        Portanto, a diferença entre o santo e o ímpio está nas suas obras, pois as obras evidenciam sua fé. Não estou dizendo que com obediência a lei seremos salvos, porque é impossível obedecer a lei perfeitamente. A diferença é que uns pecam deliberadamente, e o outro faz por falha, pela natureza tendenciosa ao pecado, e se arrepende e confessa a Deus e recebe o perdão, e é justificado (feito justo) perante Deus através do sangue de Jesus.
        “26 Porque, se vivermos deliberadamente em pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados;” Hb 10:26

        Todos os dias são para o Senhor, sim, porém há um dia especial que ele separou (santificou) para termos maior comunhão com Ele e com a família, para fazer como fez Jesus, o bem ao próximo. Mas para quem não acha que a Lei Moral é válida, tão pouco adiantaria argumentar em prol de qualquer dia de guarda.

        Perceba também que não podemos usar um trecho da Bíblia separadamente para formarmos uma doutrina. Por que os espíritas assim o fazem é caem em engano ao interpretar segundo suas premissas a parábola de Lc 16. A Bíblia ensina que devemos estuda-la “um pouco aqui, um pouco ali” Is 28:10, para não corrermos o risco de dizer algo que a Bíblia inteira não endossa. Portanto, o que devemos estudar, como cristãos, é a Bíblia, e a Bíblia somente, e toda a Bíblia.

        Abraços,

        Like

      • SAL says:

        Caro Anderson,
        creio que se desviou do assunto e alongou-se desnecessariamente pois está a falar com uma cristã e não com um ímpio. Se me considera ímpia por eu não guardar o sábado, fique a saber que não o considero ímpio pelo mesmo, apenas observo que a religiosidade não chega para se discernir a Verdade, é preciso a revelação da Palavra o que nos torna dependentes de Deus.
        Eu sei que usou “toda” a Bíblia e ainda bem que colocou as aspas pois é preciso mais do que meras interpretações e descontextualizações para se defender argumentos teológicos. Mas como já lhe disse, repito: se acredita que o sábado tem de ser um dia especial pois que seja, DESDE que não ande a pregar que a pessoa não está salva se não o guardar ou que não é santificada pelo mesmo motivo, pois o Senhor Jesus é o Senhor do sábado e foi muito enfático sobre isso na sua pregação aos religiosos zelosos da guarda do sábado.
        Para mim, todos os dias são santos para honrar o Nome do Senhor Jesus e todos os meus dias são devotados a Ele, pois é só pela Sua graça e amor que nasci de novo da água e do Espírito e obtive assim uma nova filiação, (Jo. 1:12,13) passei da morte para a Vida e o Senhor habita em mim (Jo.14:23); é só pelo Seu poder e misericórdia que trilho o caminho de santidade e não pelos meus supostos méritos, sei que sem Ele nada posso que preste para o fazer.
        O Senhor Jesus veio não só cumprir a Lei como também aprofundá-la e é por isso que em Romanos 13:8-10 é ensinado:”Não devam nada a ninguém, a não ser o amor de uns pelos outros, pois aquele que ama seu próximo tem cumprido a Lei. Pois estes mandamentos: “Não adulterarás”, “Não matarás”, “Não furtarás”, “Não cobiçarás”, e QUALQUER OUTRO MANDAMENTO, todos se resumem neste preceito: “Ame o seu próximo como a si mesmo”. O amor não pratica o mal contra o próximo. Portanto, o amor é o cumprimento da Lei”- ênfase minha; nestas palavras estão incluídos TODOS os mandamentos, inclusive o mandamento da guarda do sábado e espero que isto responda à acusação que me faz de estar a “relativizar o amor:”.
        Tenho pena que não tenha prestado grande atenção ao verdadeiro descanso sabático ensinado no livro de Hebreus, mas nunca é tarde para aprender (Tiago 1:5). Cumps.

        Like

  15. Sodré says:

    “quem sabe que Deus criou da forma como está relatada em Génesis 1 e Êxodo 20:11 (em seis dias com a duração de 24 horas), sabe também que não existe vida noutras parte do universo.”

    É mais provável que nós vejamos o vosso pasmo quando for descoberta vida fora da Terra do que vocês verem o nosso pasmo quando regressar o vosso Jesus… (vocês também sabem isso mas têm de fazer o vosso papel…).

    Like

    • Lucas says:

      É mais provável que nós vejamos o vosso pasmo quando for descoberta vida fora da Terra do que vocês verem o nosso pasmo quando regressar o vosso Jesus…

      Boa sorte.

      (vocês também sabem isso mas têm de fazer o vosso papel…).

      Não sabia que tinhas a capacidade de ler mentes?… Isto parece-me mais um caso de projecção: tu sabes que não há vida noutros planetas, mas não consegues admitir isso.

      Like

      • Sodré says:

        Existem 100% de hipóteses de encontrar vida extraterrestre nos próximos 20 anos. A garantia foi dada, a semana passada, nos Estrado Unidos, por um um grupo de cientistas do Instituto de Pesquisa de Inteligência Extraterrestre (SETI, sigla em inglês).
        Segundo o diretor do centro SETI, na Universidade de Berkeley, na California, Dan Werthimer, e o investigador Seth Shostak, a concretização desta descoberta só depende “do financiamento disponível para apostar nesta área nas próximas duas décadas”.

        Ou Jesus regressa dentro de 20 anos… ou…

        Like

      • Lucas says:

        Existem 100% de hipóteses de encontrar vida extraterrestre nos próximos 20 anos.

        Não era isso que diziam há 20 anos atrás?

        A garantia foi dada, a semana passada, nos Estrado Unidos, por um um grupo de cientistas do Instituto de Pesquisa de Inteligência Extraterrestre (SETI, sigla em inglês).

        Bem, se a SETI diz, então deve ser verdade.

        Segundo o diretor do centro SETI, na Universidade de Berkeley, na California, Dan Werthimer, e o investigador Seth Shostak, a concretização desta descoberta só depende “do financiamento disponível para apostar nesta área nas próximas duas décadas”.

        Ou seja, ou dão mais dinheiro ou não há ETs? lol

        Ou Jesus regressa dentro de 20 anos… ou…

        Ou a vida continua sem aliens.

        Like

  16. Anderson says:

    Oi SAL,

    Apenas para concluir, não a considero ímpia, de forma nenhuma. Todos os cristãos que buscam seguir a Cristo são meus irmãos e irmãs segundo as Escrituras. Como irmão tento portanto leva-la ao aprofundamento do que a Bíblia ensina. Não a chamei de ímpia, apenas propus a reflexão com base no que diz Judas e nos outros versículos que coloquei para exemplificar que ser salvo pela graça não nos conduz a um estado de desobediência, pelo contrário, conduz ao de obediência. Obedecer é seguir aos ensinamentos de Cristo, e Ele disse: “Se me amais, guardareis os meus mandamentos”.
    Eu creio que Cristo é Eterno, Infalível, Senhor da minha vida, portanto não posso coloca-lo, Ele ou aos apóstolos que foram inspirados pelo Espírito Santo, como sendo contraditórios em suas colocações, como por exemplo tu o fizeste ao dizer que Ele aboliu a lei colocando no seu lugar os 2 mandamentos “novos” sendo que ele disse em Mt 5:17,18 que não veio mudar a lei. Até nem seria mudar pois mostrei que os 2 novos “mandamentos” foram colocados inicialmente no “contexto da lei”, ou velho testamento. Por isso havemos de harmonizar o que a Bíblia ensina sobre determinado tema.
    Tu estás falando sobre o sábado, posso argumentar sobre isso mais a fundo, mas não quero faze-lo sem que antes entendas, ou aceites, que a Lei continua válida, pois a lei nos diz o que é pecado e é a expressão do caráter de Deus, o qual ele quer gravar em nossa mente e coração para sermos semelhantes a Ele.
    Caso estejas bem firme de suas convicções, assim como estou eu, desejo a ti o mais profundo do amor de Deus e que continuemos cada um a sua caminhada ao Céu, encerrando aqui nosso debate para não ficarmos desunidos como bem quer o inimigo. E que Deus julgue as nossas intenções e limpe o nosso coração.

    Abraço,

    Like

    • SAL says:

      Caro Anderson
      Você escreveu o seguinte parágrafo:”Eu creio que Cristo é Eterno, Infalível, Senhor da minha vida, portanto não posso coloca-lo, Ele ou aos apóstolos que foram inspirados pelo Espírito Santo, como sendo contraditórios em suas colocações, como por exemplo tu o fizeste ao dizer que Ele aboliu a lei colocando no seu lugar os 2 mandamentos “novos” sendo que ele disse em Mt 5:17,18 que não veio mudar a lei”, mas Anderson, eu nunca afirmei que a lei foi abolida, simplesmente citei-lhe as palavras do próprio Senhor Jesus em Mt.22:37-40; Mt.7:12, crer nelas é uma questão de fé e nada mais.
      Inclusive no meu comentário anterior afirmei o seguinte:”O Senhor Jesus veio não só cumprir a Lei como também aprofundá-la e é por isso que em Romanos 13:8-10 é ensinado:”Não devam nada a ninguém, a não ser o amor de uns pelos outros, pois aquele que ama seu próximo tem cumprido a Lei. Pois estes mandamentos: “Não adulterarás”, “Não matarás”, “Não furtarás”, “Não cobiçarás”, e QUALQUER OUTRO MANDAMENTO, todos se resumem neste preceito: “Ame o seu próximo como a si mesmo”. O amor não pratica o mal contra o próximo. Portanto, o amor é o cumprimento da Lei”, assim parece-me que o Anderson ou está com alguma dificuldade por um lado em entender aquilo que escrevo e por outro, o que o Senhor inspirou a escrever na Sua Palavra. Ao não entender o que escrevi e porque escrevi é que o resultado são as suas respostas que logo à partida ficam inquinadas pela sua falta de compreensão. Um dia perceberá que, não é em dias especiais que o Senhor está interessado mas para onde se inclina o seu coração, se para as coisas do Espírito se para as coisas da carne, é por isso, creio eu, que estamos a ter esta conversa e a “forçar” a hospitalidade do Lucas, para que você perceba que há coisas mais importantes do que dias, meses ou anos especiais e que os ensinamentos que o Senhor deu nas passagens que acima lhe citei são verdadeiros e para serem vividos pela fé. Cumps.

      Like

      • Anderson says:

        Prezada SAL,

        Desculpe, realmente não estava claro para mim, e ainda não sei se está, a distinção que fazes da validade da Lei X validade do sábado. Pelo que entendi, tu acreditas que a lei vale mas o sábado não, e que a lei é resumida em 2 mandamentos que evocam o amor a Deus e o amor ao próximo. Correto?
        Como disse antes, podemos conversar sobre isso mas não por aqui já que o espaço não é para isso. Se tiveres interesse meu e-mail é anderson fc 77 at gmail dot com (escrevi assim para dificultar para os robôs spammers).

        Em tempo:
        Afirmar que não existe vida fora da terra é temeroso. A Bíblia indica grande possibilidade de haverem outros mundos habitados.
        “Textos como Jó 1:6, 7; 2:1; 38:7; Apocalipse 12:12; Efésios 3:15; Neemias 9:6; 1 Coríntios 4:9; João 8:23; 18:36, evidenciam (não têm o objetivo de provar isso, pois, vários deles enfatizam os anjos) a existência de outros mundos que não pecaram, e que torcem pela nossa vitória no conflito entre o bem e o mal.”
        http://novotempo.com/namiradaverdade/vidas-em-outros-mundos-%E2%80%93-1-corintios-49/

        No artigo são citados vários dicionários gregos que exibem traduções possíveis para a palavra “mundo” (kosmos) que pode ser, inclusive, universo. O texto de Jó 1:6 indica inclusive reuniões dos “filhos de Deus” com o próprio Deus sendo que da terra apenas foi até Deus, como representante nosso, satanás.

        Abraços,

        Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s