Ex-Ateu Anthony Flew Ataca Dawkins

Não fosse suficiente o mundo ateu estar em oposição à ciência, à moralidade, ao pensamento lógico e a Deus, os ateus ainda têm que lidar com as palavras de pessoas que abandonaram a sua religião, e que agora escrevem contra ela.
Está cada vez mais difícil de ser um “ateu intelectualmente realizado

A 1 de Novembro de 2007, o livro do Professor Anthony Flew intitulado “There is a God: How the World’s Most Notorious Atheist Changed his Mind” foi publicado pela “Harper One”. O Professor Flew já foi chamado de “o ateu filosófico mais influente do mundo” bem como “um dos ateus mais renomeados do século 20“.

No seu livro, o Professor Flew reporta como ele começou a acreditar na existência de Um Deus Criador como resultado das evidências científicas e de argumentos filosóficos.

Sem surpresa alguma, o seu livro causou imensa comoção – tal como se pode vêr nos cometários deixados no site Amazonz.co.uk.

O Professor voltou e pelo vistos está determinado em abanar o já-de-si-frágil edifício ateu. Ele, mais uma vez, está na mira de fundamentalists ateus ao ter revisto (e dismantelado) o livro do ateu Richard Dawkins intitulado “The God Delusion“.

O Professor Flew essencialmente disse aquilo que já se tinha notado há muito em certos blogs ateus: como forma de validarem a sua fé, os ateus fazem caricaturas do Cristianismo e da doutrina da Criação, e “refutam” as caricaturas que eles mesmos criaram. Depois disto, apresentam a sua versão da realidade como se a mesma fosse nada mais que o resultado óbvio da análise imparcial dos factos.

Flew diz o seguinte sobre Dawkins:

“This whole business makes all too clear that Dawkins is not interested in the truth as such but is primarily concerned to discredit an ideological opponent by any available means.”

Ou seja, a verdade não interessa. O que interessa para Dawkins (e para os ateus em geral) é refutar e desacreditar uma ideologia que está em oposição à sua, nem que para isso se tenha que distorcer a verdade (caricaturas).

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Não classificado and tagged , . Bookmark the permalink.

10 Responses to Ex-Ateu Anthony Flew Ataca Dawkins

  1. Rui Almeida says:

    Curioso que tenhas falado em distorção de verdade:

    http://scienceblogs.com/pharyngula/2007/11/roy_varghese_and_the_exploitat.php

    Espero que este comment passe, pois até é importante, vá, para demonstrar até que ponto os fanáticos religiosos vão para promover a sua ideologia.

    Like

  2. Beowulf says:

    Mais uma vez o Mats desce muito baixo.Depois de distorcer a verdade, insultar leitores,e gozar com problemas de saúde dos mesmos, apoia autores que manipulam pessoas idosas e doentes. É uma atitude muito cristã e moral não haja dúvida. Que triste!!!

    Like

  3. Mats says:

    Que “manipulação” é que houve?

    Like

  4. Rui Almeida says:

    Pensei que o artigo do PZ Myers tinha sido claro, mas dado que eu tenho a paciência de um santo, cá vai:

    O Prof. Flew, já octagenário, aparentou numa entrevista que não se encontrava na posse da totalidade das suas faculdades mentais

    Prova (vindo do Pharyngula):
    «In “There Is a God,” Flew quotes extensively from a conversation he had with Leftow, a professor at Oxford. So I asked Flew, “Do you know Brian Leftow?”

    “No,” he said. “I don’t think I do.” » [o resto do parágrafo ajuda, mas penso que isto chegará]

    O co-autor do livro, R. Varghese, admitiu que o Prof. Flew não escreveu nada de novo para o livro, e que se baseia tudo em informações antigas e entrevistas presenciais, tudo convenientemente retocado para esta edição.

    Ou seja, junta-se um Professor com capacidade mental afectada com um co-autor que anuncia que o Prof. não contribuiu com nada escrito e que fez operações de cosmética ao texto, e temos aqui um livro absolutamente duvidoso no mínimo.
    Para um cientista, isto não chega.

    Like

  5. Mats says:

    Infelizmente o próprio Flew refutou essa mentira que os ateus têm propagado pela internet como forma de suavizarem a frustração de vêr um ateu tão famoso abandonar a crença ateísta.

    Flew disse:

    This is a serious charge to which Professor Flew responded and which he reiterated in a recent letter (dated 4th June 2008) to a friend of UCCF who has shown it to us. Professor Flew writes:

    I have rebutted these criticisms in the following statement: “My name is on the book and it represents exactly my opinions. I would not have a book issued in my name that I do not 100 per cent agree with. I needed someone to do the actual writing because I’m 84 and that was Roy Varghese’s role. The idea that someone manipulated me because I’m old is exactly wrong. I may be old but it is hard to manipulate me. That is my book and it represents my thinking.”

    Não acredites em tudo o que os padres do ateísmo te dizem.

    Like

  6. Olha, descobri hoje que este blog foi clonado 😀

    (ou então este é que é o clone, não percebi muito bem!)

    Like

  7. Nelson Silva says:

    Gostaria de o convidar a passar pelo site “Junqueira Antiga”, um espaço dedicado à divulgação de textos noticiosos que ajudam a traçar o retrato mediático de uma pequena freguesia de Vila do Conde, com auxílio de jornais já extintos. Fica em http://junqueiraantiga.wordpress.com/. Obrigado.

    Like

  8. Hudson says:

    Os ateus precisam de um conceito de RACIONAL que seja bojo das explicações ateístas para um universo sem um Deus criador. Não há o menor vestígio de racionalidade na afirmação atéia NÃO HÁ DEUS.

    Like

  9. Darjo says:

    Mats,

    Qual será agora a doença a atacar ateus mais jovens?

    http://spot.colorado.edu/~monton/BradleyMonton/ID.html

    Like

  10. joao pereira dos antos says:

    Iteressante. Que muitos ateus possam encontrar o caminho que o ex-ateu prof. Anthony Flew encontrou em direção a Deus, o Criador.

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s