Design da Planta Lótus Inspira Cientistas

A planta lótus é considerada sagrada nas religiões asiáticas devido à sua habilidade de se manter seca e limpa. Quando água cai sobre a folha, ela consegue limpar de si a sujidade ao mesmo tempo que se livra da água. Em alguns círculos religiosos, esta característica faz da planta lótus um símbolo de pureza.

Os próprios cientistas há muito que ressalvam as características da planta no que toca a auto-limpeza e a resistência à água. Esta habilidade já foi copiada com sucesso usando processos complexos e materiais caros, no entanto uma equipa de pesquisadores turca reportou na revista Science que conseguiu obter resultados similares mas com custos bem menores.

O referido procedimento, acompanhado pelo professor Levent Demirel (docente na Universidade Koç em Istanbul), e por Yildirim Erbil, Yonca Avci, e Olcay Mert, da “Kocaeli University in Izmit”, pode produzir materiais altamente resistentes à água disponíveis para aplicações comuns.


Segundo os pesquisadores, uma das aplicações poderia ser na protecção de antenas de carros.

A Goddard Space Flight Center da NASA está muito interessada nesta tecnologia porque ela pode “prevenir a acumulação de sujidade não só na superfície dos fatos espaciais, instrumentos científicos, carros robóticos, painéis solares, bem como a todo o outro hardware usado para se recolher dados científicos ou desempenhar actividades exploratórias em outros objectos do sistema solar“. Tenciona-se desenvolver material que seja capaz de resistir ao rigoroso ambiente espacial.

Os pesquisadores dizem uma coisa interessante:

Imitamos a natureza de forma a encontrarmos uma solução para uma dificuldade tecnológica.

Mas… mas… sempre ouvimos da parte dos nossos amigos ateus que a natureza não exibe evidência de ter Uma Causa Inteligente? Como é que um sistema que não tem Causa Inteligente pode servir de inspiração para dificuldades tecnológicas? Imaginem que vocês querem resolver um problema de engenharia. Onde é que procurariam respostas? Obviamente, em sistemas que possuam características semelhantes àqueles que vocês querem construir.

Se os cientistas apercebem-se que a natureza tem muitas das respostas para as nossas dificuldades tecnológicas, será lógico assumir que as nossas cópias rudimentares são o resultado de design, mas o original – donde vêm a inspiração – não tem Uma Causa Inteligente?

Esta posição ateísta contradiz o senso comum presente em todos nós, no entanto ela é mantida como a “oficial” nos círculos académicos.

Deus tem um verso para tais iluminados:

Rom 1:22 Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos.

A loucura da vida sem Deus é por demais óbvia no ateísmo portanto não faz sentido seguir uma filosofia irracional. A única “loucura” que vale a pena seguir é a “loucura” de Deus:

1 Cor 1

18. Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas, para nós, que somos salvos, é o poder de Deus.
19. Porque está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios, e aniquilarei a inteligência dos inteligentes.
20. Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?

25. Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.

Verdadeiramente a Sabedoria de Deus tornou em loucura a “sabedoria” do homem, e isso é bem manifesto na teoria da evolução. Eis aí uma teoria que se propôs a explicar a causa da biodiversidade existente no mundo, mas que após escrutínio científico se revela como uma fraude.

Conclusão:

Deus fez o mundo de tal forma que a única explicação lógica para a origem e diversidade da vida fosse o Acto da Criação. Ao aprender com os sistemas existentes na natureza, os cientistas dão contínua evidência para o que a Bíblia reporta no Livro de Génesis.

A ciência e a Bíblia estão em pleno acordo.

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia, Ciência and tagged , . Bookmark the permalink.

18 Responses to Design da Planta Lótus Inspira Cientistas

  1. Evo Lui says:

    Mats,

    Diz que a “ciência e a Bíblia estão em pleno acordo”, mas não aceitas a Teoria da Evolução de Darwin, não aceitas a idade da Terra, assim como datação de fósseis, o que dirá das distâncias entre estrelas medidas em anos-luz, com muitos zeros depois do um, a somar milhões e milhões de anos na idade do universo. Com isso se contrapõe à base da biologia, da física, química.

    Utilizando-se desse blogue, cientistas das mais variadas áreas, são chamados de tolos, cegos, mal-intencionados.

    Por tudo isso, a verdade é que a ciência e a bíblia não estão em pleno acordo, e nem poderiam estar, a ciência é aberta, produz novas teorias, que são defendidas, testadas, contestadas, é um processo. Já a bíblia é fechada, tem dogmas inquestionáveis, é a fiel armadura dos cruzados modernos, porque a fé é seu único pilar.

    E aqui deixo o registro nada contra a fé, apenas digo que ela não se relaciona com a ciência da maneira que gostarias, entenda a ciência não é feita para atender um livro religioso, já tiveram relações carnais com a ciência no passado, a história mostra o que aconteceu com aqueles que questionaram os dogmas.

    Então por enquanto, contenta-te em ensinar a criação, com a Terra de 6.000 anos, dilúvio etc nos templos e deixa a ciência em seu duro processo enfrentar-se, crescer e evoluir, quem sabe em algum momento ela mesma não comprove a criação, não por obrigação em concordar com um livro, ou porque alguém disse, mas porque em seu duro processo chegou a essa melhor conclusão.

    Like

  2. MVR says:

    Sobre o comentário acima: É triste ver que, mesmo com a Internet, alguns se recusem a diferenciar Ciência de Naturalismo. O mesmo erro, sempre…

    Like

  3. Evo Lui says:

    MVR,

    “É triste ver que, mesmo com a Internet, alguns se recusem a diferenciar Ciência de Naturalismo.”
    Poderia desenvolver um pouco mais?

    Like

  4. Adim says:

    ´´Utilizando-se desse blogue, cientistas das mais variadas áreas, são chamados de tolos, cegos, mal-intencionados.“

    Sei, dois pesos, dias medidas.
    Ao inves de generalizar assim que tal ver que muitos CIENTISTAS, são perguidos, discriminados, e tudo mais APENAS por defender o criacionismo.
    Alguns são ate expulsos de seus empregos!

    Temos sim todo o direito que questionar e duvidar da honestidade de sabichões que escrevem coisas como ´´Deus, um delirio“, revistas sensasionalistas, ou que fabricam fosseis p provar a farsa da evolução.

    Like

  5. L.Democh says:

    Adim, alguns cientistas sérios – verazmente – têm de assinar contratos com universidades – ridículas, tolas e fundamentalistas por sinal – de modo a poder trabalhar.
    E o conteúdo contractual? Assumir ser fiél ao criacionismo e literalmente silêncio à qualquer outra forma não cristã de expressão!
    Se não o fizer, não há sequer contratação. Se quebrar o “contrato” – que eu particularmente denomino de pacto – adeus emprego e ainda rola uma desmoralização pública medievalista – que eu denomino particularmente de mediocridade estúpida.

    E se é “perseguido”, tente desenvolver o “por quê”.

    Na minha humilde visão, a perseguição se dá aos criacionistas e demais formas não como crentes, mas às suas panfletagens e intromissão no cotidiano de pessoas que não, não desejam ser “convertidas” (isso me lembra alquimia e sonhos distantes) e não, não desejam saber sobre revelações e mitos e não, não querem comprar esse ou aquele livro ou jornal ou participar do culto “churrasco de carteira” X ou Y – que eu denomino de farsa…
    E qual cientista sério foi expulso de seu emprego – e apenas pelo fato de ser criacionista? Deveria criticar a instituição creio eu – e o trabalho desempenhado por esses profissionais (se puder me mostrar por boa fonte que foram despedidos apenas e apenas por serem criacionistas – provas primeiro, depois o fato – dou crédito ao que disse).

    E os verdadeiros sabichões escreveram um livro só que rende uma receita infinitamente maior do que eu posso imaginar por mais de um milênio – e não estou falando de receita de mingal de fubá com queijo fresco e ervas…

    Like

  6. Mats says:

    Evo Lui

    Diz que a “ciência e a Bíblia estão em pleno acordo”, mas não aceitas a Teoria da Evolução de Darwin, não aceitas a idade da Terra, assim como datação de fósseis, o que dirá das distâncias entre estrelas medidas em anos-luz, com muitos zeros depois do um, a somar milhões e milhões de anos na idade do universo. Com isso se contrapõe à base da biologia, da física, química.

    O teu problema é assumires que a tua interpretação dos factos confirma a teoria da evolução.
    O facto da Bìblia contradizer a mitologia da evolução não implica que a ciência e a Bìblia não estejam de acordo.

    Like

  7. Evo Lui says:

    Mats,

    “O facto da Bìblia contradizer a mitologia da evolução não implica que a ciência e a Bìblia não estejam de acordo.”

    Se olhar o comentário que fiz verá que a mitologia bíblica (ao ser interpretada conforme tua fé) não contradiz apenas a Teoria da Evolução de Darwin, vai muito além, contradiz muitas outras áreas do conhecimento, é isso que questiono, teorias diversas se complementam, em áreas de conhecimento distintas, uma corrobora com a outra, cientista questionam tudo e todos, acreditar que um arranjo desse tipo possa ser feito e levado a cabo para desacreditar a bíblia é isso sim um epopéia mitológica.

    Adim, dois pesos e duas medidas e misturar alhos com bugalhos é o que normalmente é feito nos posts por aqui. Vez por outra alguns comentaristas tentam arrumar a bagunça feita pela associação entre notícias sobre ciência e conclusões criacionistas.

    Like

  8. MVR says:

    Poderia desenvolver um pouco mais?

    Sim. Dizes que…

    Diz que a “ciência e a Bíblia estão em pleno acordo”, mas não aceitas a Teoria da Evolução de Darwin, não aceitas a idade da Terra, assim como datação de fósseis, o que dirá das distâncias entre estrelas medidas em anos-luz, com muitos zeros depois do um, a somar milhões e milhões de anos na idade do universo. Com isso se contrapõe à base da biologia, da física, química.

    Estás a confundir Teoria da Evolução e Big Bang com ciência de verdade.

    Por tudo isso, a verdade é que a ciência e a bíblia não estão em pleno acordo, e nem poderiam estar, a ciência é aberta, produz novas teorias, que são defendidas, testadas, contestadas, é um processo. Já a bíblia é fechada, tem dogmas inquestionáveis, é a fiel armadura dos cruzados modernos, porque a fé é seu único pilar.

    As evidências comprovam o que diz a bíblia, então não há discordância. As observações estão de acordo com a bíblia e não com a teoria da evolução – Tanto isto é verdade que é necessário adotar primeiramente a Evolução para se chegar a um fóssil transicional – quando este não passa de uma espécie como as outras, que algumas vezes sequer foi extinta!

    Like

  9. Darjo says:

    Mats,

    Mais um motivo para lembrar porque o teu blog é tão necessário:

    http://www.notapositiva.com/pt/trbestbs/biologia/11dialfixvsevol.htm#vermais

    Like

  10. Evo Lui says:

    MVR,

    “Estás a confundir Teoria da Evolução e Big Bang com ciência de verdade.”

    Mas se o universo tem apenas 6.000 anos, como podemos explicar que muitas estrelas estão a milhões ou bilhões de anos-luz de distância.

    Se o criacionismo está correto, o céu deveria estar escuro sem estrelas, a luz não devia ter nos alcançado ainda (mas não é o que está acontecendo, não é?). E aí nada tem de Teoria da Evolução, o fato é que outra área de conhecimento suporta uma premissa desta.

    “As evidências comprovam o que diz a bíblia, então não há discordância. ”
    Sem me alongar muito, no exemplo acima não comprovam, na verdade a discordância é total.

    Like

  11. Adim says:

    ´´na verdade a discordância é total.“

    Não tá forçando a barra um pouco não?

    Like

  12. Mats says:

    Evo Lui,

    Se olhar o comentário que fiz verá que a mitologia bíblica (ao ser interpretada conforme tua fé) não contradiz apenas a Teoria da Evolução de Darwin, vai muito além, contradiz muitas outras áreas do conhecimento, é isso que questiono, teorias diversas se complementam, em áreas de conhecimento distintas, uma corrobora com a outra, cientista questionam tudo e todos, acreditar que um arranjo desse tipo possa ser feito e levado a cabo para desacreditar a bíblia é isso sim um epopéia mitológica

    O teu comentário vai na linha do comentário dos outros ateus existentes no mundo: o criacionismo é contra a “ciência” porque é contra a crença nos milhões de anos. Para além disso, assumes que a tua interpretação dos dados confirma que o mundo tem milhões de anos, e que as formas de vida são o resultado de forças não inteligentes.
    Repara que o que acreditas fortemente não quer dizer que seja ciência.
    Repito o que disse, o facto da Bíblia contradizer a teoria da evolução, e acrescento, todas as interpretações que dão ao universo a idade de milhões de anos, não quer dizer que a Bíblia esteja contra a ciência.

    Like

  13. Mats says:

    Darjo,
    Para os evolucionistas é mais confortável refutar caricaturas do que o verdadeiro cristianismo.
    Eles fazem esses sites, riem-se uns com os outros, dão palmadinhas nas costas uns dos outros e vão-se embora todos contentes. O que eles não se apercebem é que há evolucionistas que sabem bem que o criacionismo não defende o “fixismo”. Esses mesmos evolucionistas vão começar a ver que há algo de errado com o evolucionismo se, para o defender, eles tem que descaracterizar as teorias alternativas.
    O meu conselho? Continuem a fazer o mesmo que as pessoas que buscam a verdade vão abandonar o frágil barco darwinista.

    Like

  14. Evo Lui says:

    Adim,

    Me desculpe se acha que “forço a barra”, mas é que como disse: áreas de conhecimento diferentes corroboram umas com as outras, então os bilhões ( e não milhões) de anos da Terra e do Universo contradizem a Terra de 6.000 anos.

    Mats,
    “O teu comentário vai na linha do comentário dos outros ateus existentes no mundo:”

    Vai na linha de ateus, agnósticos (e também teístas) que vêem as evidências que a Terra tem bilhões de anos e que a evolução aconteceu, acontece e acontecerá.

    Vai na linha daqueles que separam a Teoria da Evolução e Teoria da origem da vida.

    E principalmente vai na linha daqueles que separam as leituras e interpretações da bíblia feita nos templos, da ciência feita no campo e nos laboratórios.

    Like

  15. Adim says:

    E da filosofia naturalista feita nas cabeças de quem se recusa a crer em Deus.

    Like

  16. Mats says:

    Evo Lui,

    Vai na linha de ateus, agnósticos (e também teístas) que vêem as evidências que a Terra tem bilhões de anos e que a evolução aconteceu, acontece e acontecerá.

    O facto de eles “verem” evidências para os milhões de anos (evidências essas que, curiosamente, falham quando testadas em rochas cuja idade nós sabemos) não significa que a Terra tenha de facto milhões de anos.

    Vai na linha daqueles que separam a Teoria da Evolução e Teoria da origem da vida.

    As duas estão umbiblicalmente ligadas, e o sucesso de uma é o sucesso da outra, Semelhantemente, o insucesso de uma resulta no insucesso da outra. Se as forças da natureza não conseguem gerar uma única auto-replicante, então não há razões para se crêr que as mesmas forças conseguem transformar um micróbio num microbiologista.

    E principalmente vai na linha daqueles que separam as leituras e interpretações da bíblia feita nos templos, da ciência feita no campo e nos laboratórios.

    Assumindo, claro está, que o que se faz nos laboratórios evolucionistas é ciência.

    Like

  17. Evo Lui says:

    Mats,

    “As duas estão umbiblicalmente ligadas, e o sucesso de uma é o sucesso da outra, Semelhantemente, o insucesso de uma resulta no insucesso da outra. ”

    É mesmo? Explique isso aos evolucionistas teístas (e olha que não são poucos). Entendes agora que a teoria de origem da vida é que depende da evolução e não o contrário.

    “Assumindo, claro está, que o que se faz nos laboratórios evolucionistas é ciência.”

    Se diz isso toda a tecnologia que dispomos não deve ter saído dos laboratórios, mas essa não é a questão central, vou te dar um exemplo:
    Um cientista físico não terá muito tempo para investigar e procurar evidências relativas a Teoria da Evolução, a área de conhecimento é outra, os problemas e questões que ele aborda são outras e não por acaso as conclusões de seus estudos confirmam a Teoria da Evolução, impressionante não?

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s