Aborto Na Polónia Começou com Hitler

Mais um excelente artigo presente no “Buzz” do Marcos Ludwig.

A verdade incomoda

Este cartaz foi colocado em um outdoor em Poznan, cidade localizada na Polônia, e faz parte de uma campanha anti-aborto da Fundacja Pro, entidade Pró-Vida daquele país.

Escrito no cartaz está aquilo que muita gente não gosta de ser lembrado:

“O aborto para mulheres polonesas foi introduzido por Hitler em 9 de março de 1943”

Evidentemente que a gritaria já começou, pois uma das coisas que abortistas não gostam é que falemos com quem eles caminham lado-a-lado. Mas o que não pode ser negado é que aborto e totalitarismo caminham de braços dados há muito. Uma das primeiras postagens neste blog trouxe exatamente isto.

Um deputada polonesa, indignada contra a campanha, saiu-se com esta:

“Um feto e Adolf Hitler é uma comparação injustificada. A ideia desse painel é inaceitável e ultrapassa as fronteiras da decência”

A deputada, apesar de parecer não entender o teor do cartaz (ou fingir que não entendeu…), está corretíssima.

Não cabe a comparação. Os não-nascidos são inocentes…

E ela ainda fala em decência!

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Pecado, Sociedade and tagged , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to Aborto Na Polónia Começou com Hitler

  1. Karina says:

    Falar a um abortista que ele se parece a HItler?! Na frente dos outros, nunca, mas “entre quatro paredes” eles se vangloriam de buscar alcançar a raça perfeita. E depois os hipócritas somos nós.

    Like

  2. Mats says:

    Karina,
    O espírito de Hitler vive entre os aborcionistas de hoje em dia.

    Like

  3. Karina says:

    Vive e festeja todos os dias. Deus tenha misericórdia!

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s