Pode um cristão fazer tatuagens?

Vêr também: Será que as tatuagens tem significado espiritual?


A questão das tatuagens, juntamente com a questão do aborto e da homosexualidade, é uma das que gerou mais polémica no encontro que se realizou ontem, na igreja de Algés.

A questão das tatuagens é pertinente porque a sociedade em si não vê problemas nenhuns em colocar marcas em certas áreas do corpo como forma de fazer passar uma certa filosofia de vida.

Tendo em conta esta atitude complacente da sociedade actual, o que é que o cristão deve fazer? Será que devêmos ser “fundamentalistas” e negar toda e qualquer expressão artística que envolva a gravação de imagens ou palavras no corpo? Ou será que devêmos ser mais “liberais” neste ponto, como forma de mostrarmos que os cristãos são “pessoas normais”?

A meu vêr todas as decisões morais que o cristão pense em tomar devem começar na Palavra Daquele que sabe tudo (o Senhor Jesus Cristo), e não nas opiniões dos homens falíveis.O que é que Deus diz acerca disto?

Não fareis lacerações na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu sou o Senhor. (Levítico 19:28)

Muitas vezes Deus alerta-nos para comportamentos que em si não são maus mas que podem causar o desvio dos fracos na fé (ou causar confusão àqueles que não conhecem a Cristo). Por exemplo, o Apóstolo Paulo diz

Pelo que, se a comida fizer tropeçar a meu irmão, nunca mais comerei carne, para não servir de tropeço a meu irmão. (1 Cor 8:13)

Não há nada de mal em comer carne, mas se tal comportamento levar a que um irmão esmoreça na fé, o Apóstolo Paulo diz que não comerá a carne. O princípio aqui é o de que há actividades que em si não são pecado mas que podem ser formas que o homem use para se afastar de Deus.

A práctica de marcar o corpo está Biblicamente e historicamente associada à prácticas pagãs e à adoração de deuses alheios. Deus proibiu o Seu Povo de seguir o erro dos pagãos como forma de separá-los das nações (Lev 19:28). Hoje em dia o motivo da marcação do corpo não é o de adoração de deuses alheios (embora em certos casos, haja algo de idólatra nessa práctica) mas sim o suposto “embelezamento” do mesmo. No entanto, a Palavra de Deus diz:

Abstende-vos de toda espécie [aparência] de mal. (1 Tessalonicenses 5:22)

Reparem que neste verso, Deus manda que não só nós nos separemos do mal, mas também de tudo o que aparenta o mal.

Por exemplo, imaginem um casal de namorados cristãos que acredita e practica a abstinência, mas que tem por hábito passar a noite na casa de um ou de outro. Embora eles possam não fazer nada de mal, para as pessoas que os vêem a agir deste modo vai ser difícil fazer-lhes vêr que, apesar do que aparenta, o casal cristão practica o superior comportamento da abstinência. O que aparenta vai ser a causa de confusão e não o que está de facto a ser feito.

O mesmo se passa com as tatuagens. O que aparenta vai falar mais alto do que aquilo que o cristão verdadeiramente acredita.

Conclusão:
A meu vêr, o comportamento bíblico no caso das tatuagens é o de rejeitá-las a todas por completo, mesmo que uma delas seja “Deus é Amor”. O descrente não vai olhar para isso como uma declaração de amor pelO Pai, mas sim como uma evidência de que “não há nada de mal em marcar o corpo com coisas de que se acredita“.

Nós sabemos que isso não é verdade, e como tal, para que o nosso comportamento não seja pedra de tropeço para almas pelas quais o Senhor Jesus Cristo morreu, o melhor é deixar o corpo vazio de tatuagens.

Uma tatuagem é uma declaração de algo em que se acredita, sendo que a maioria delas é feita com o expresso propósito de exibi-las. Se o cristão quer declarar ao mundo que ele ama o Criador, o melhor é colocar marcas no seu espírito e exibir essas “marcas” com o seu comportamento.

E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12:2)

About these ads

Sobre Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
Esta entrada foi publicada em Bíblia com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

58 respostas a Pode um cristão fazer tatuagens?

  1. Eddie Fernandes diz:

    Prezados,
    Li o vosso artigo que me fascinou bastante. Mas contem os mesmos argumentos de sempre: infundados, incorrectos, acusatórios e tirados do contexto . Lembro que um texto tirado do seu contexto serve de pretexto. Não podemos utilizar um verciculo, tirando-o dum contexto, para construir argumentos para defender a nossa posição.
    Ora vejamos, o mesmo contexto de Leviticos 19:28 que usaram para falar de tatuagens diz ainda: v. 19. “nem vestirás roupa tecida de materiais diversos.” Fazemos isto? Usamos lã, com seda, com linho, com veludo ao mesmo tempo? Ou v. 20 “E, quando um homem se deitar com uma mulher que for escrava, desposada com um homem, e que não for resgatada, nem se lhe houver dado liberdade, então ambos serão açoitados; não morrerão, pois ela não era livre.” É nos licito deitar com a nossa mulher a dias (se tivermos os recursos para termos uma senhora a trabalhar em nossa casa) hoje em dia? Devemos nós açoitar o homem que dorme com a sua empregada casada se o descobrirmos? Ou ainda porque cortamos o nosso cabelo quando o mesmo contexto das marcas no corpo diz igualmente v. 27 “Não cortareis o cabelo, arredondando os cantos da vossa cabeça!” E porque desfiguramos a cara contrariando o mandamento do Senhor que disse v. 27b “nem desfigurareis os cantos da vossa barba.” Poderia continuar mas acho que todos conseguem perceber que há um contexto histórico e sócio-cultural por detrás das palavras do v. 28 “Não fareis lacerações na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu sou o Senhor.”
    Há que fazer uma exegése correcta da Bíblia interpretando as passagens de acordo com o mesmo critério que estabelecemos quando, ao chegarmos ao Novo Testamento mudamos o Dia do Senhor para o Domingo quando a mesma passagem de Lev. 28 claramente ensina “Guardareis os meus Sábados, e o meu santuário reverenciareis. Eu sou o Senhor.”
    Enquanto Evangélicos muitas vezes somos peritos ao manipularmos certas Escrituras para defendermos principios e valores que defendemos ao invés de tentarmos compreender todo o conselho de Deus e fazer justiça ao interpretarmos todos os textos de igual forma.
    Acima de tudo há um valor que é inviolável e que nunca poderá mudar que se encontra em Lucas 6:37 “Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados.”
    Sou pastor e uso tatuagem porque há muito me libertei das correntes do legalismo que amarram muita gente. Não julgo os que pensam de forma diferente e respeito quem não concorda comigo. Peço que não me julguem a mim nem tão pouco a tantos como eu que simplesmente pensam de forma diferente.
    Ora, naquilo que a Bíblia claramente chama de pecado, e é mesmo incontestável sem margem para dúvidas, então sim exortemo-nos e admoestemo-nos à obediência e fidelidade à Palavra. Mas, nesta matéria é óbvio – para mim – que a Palavra não ensina contra as tatuagens (ou os brincos e outras coisas semelhantes a estas.) Lembremo-nos, não é o que entra na boca do homem que o contamina, mas sim o que sai. Não é o vestimento exterior que nos desqualifica perante o Senhor mas antes o que está no nosso coração.
    Como se deverão sentir pessoas que têm tatuagem, entram na igreja, precisam de salvação, e ouvem que estão desqualificadas? Será que terão que as apagar a laser?
    Com amor no Senhor e na procura duma correcta e justa interpretação da Palavra vosso irmão em Cristo.
    Finalizando, terão coragem de colocar a minha resposta no site? O direito è resposta é um direito fundamental. Aguardo.
    Pr. Eddie Fernandes
    Riverside International Church

    • manasses emanuel sa de oliveira diz:

      Pr eu concordo com o senhor e digo que fui ensinado errado eu su filho de pastor qundo perguntei ele falou que era pecado pedi pra explicar ele falou esse mesmo versiculo desde entao passei a pesquisar e encontrei tudo o que voce disse e eu sigo a biblia nao homens que dertupm palavra de Deus obrigado por saber que tem homens com esse pensamento

    • Márcio diz:

      Não vestirá roupa, não roupas. Uma roupa só, tecida de materiais diferentes, tende a perder a aderência e a desfazer-se. Isso representa a doutrina que veste o corpo místico de Cristo, os membros da Sua Igreja, fundada por ele, não a partir do século XVI. Sem heresias nem doutrinas humanas.

      Manipulações da escritura, “pastor”? Vossa Senhoria mesmo o afirma! E parte logo para o “salvo-conduto” do “não julgueis”. Ninguém julga pessoas aqui, mas sabemos que condenar opiniões não necessariamente leva ao julgamento das pessoas. “Ame o pecador, mas não o pecado; odeie o pecado, mas não o pecador”, dizia um sábio da antiguidade, um tal de S. Agostinho, Bispo e Padre da Igreja, uma que vive sendo condenada pelos protestantes, julgada, difamada e por eles odiada. Que contradição, não é mesmo? Quanto amor cristão!

      O negócio é arrebanhar o máximo possível de pessoas! Deixe os tatuados em paz, não é mesmo?

      Nada impede que um tatuado se arrependa. Todos pecaram, não o escreveu o apóstolo S.Paulo? O arrependimento é uma exortação constante na Bíblia. Basta esconder a tatuagem com roupas longas. Se declarar publicamente que se arrependeu disso, talvez seja um bom esclarecimento para que os incautos não pensem que tatuagem seja algo encorajado.

      O que sai da boca do homem o condena. Perfeito entendimento! Como entenderia estas palavras ditas a um tatuador: “quero um dragão chinês tatuado nas minhas costas” ??? Será que isso não teve um efeito?

      Fique com Deus, “pastor”.

  2. Antes de mais, a minha opinião é que o mais importante é estar nos caminhos de Deus, tendo tatuagens ou não.

    Acho que um cristão não devia usar tatuagens (daquelas a sério, não daquelas que funcionam tipo autocolante) pelas seguintes razões:

    1) Porque o nosso corpo é o templo do Espírito Santo (I Coríntios 6:19) e não acho que um templo com “marcas nas paredes” seja um local que agrade a Deus

    2) Porque muitas tatuagens têm simbologia pagã por trás e uma pessoa nem sequer faz ideia. Muitas delas são símbolos da Nova Era.

    Mas acho que não se deve usar o versículo de Levítico para esta questão. Aquilo era uma das muitas leis do povo de israel e já não estamos debaixo da lei. Eu digo que não é correcto usar aquele versículo porque se aquele vale para os dias de hoje também os outros da lei valem (como os das leis de purificação). Não sei qual é a tua opinião relativamente a isto…

  3. Mats diz:

    Eu acho que alguns mandamentos da Bíblia Hebraica ainda se aplicam na vida Cristã.

    Acho que em relação às tatuagens o princípio é o mesmo de Paulo não comer carne se isso causar a queda do irmão. As tatuagens historicamente estiveram associadas ao paganismo, e apesar de poder haver tatuagens “inocentes”, o princípio é o de não causar ofensa.

    Eu pessoalmente não martelo a cabeça de ninguém por causa disso, mas se alguma vez surgir em discussão num círculo cristão (como aconteceu), eu diria (ou tentaria dizer) o que disse em cima…

    Mas o verso que citaste sobre o corpo ser o templo do Espírito Santo é muito relevante, e talvez mais forte para suportar a posição de evitar as tatuagens.

  4. Mario Baleizao diz:

    Caríssimos irmãos,
    Sei que o Pastor Eddie Fernandes deixou aqui um comentário, que ainda não está visível. Como penso que neste Forum é respeitada a liberdade de opinião, fico a aguardar o comentário do meu Pastor.
    Pessoalmente e pela Palavra de Deus, acredito que se fizermos uma tatuagem com a intenção de nos aproximarmos dos que usam tatuagens, a fim de os levar à salvação, Deus aprova.
    Paulo, inspirado pelo Espírito Santo, escreveu: “Fiz-me tudo para todos, para, por todos os meios, chegar a salvar alguns.” – 1 Coríntios 9:20-22.
    Informo que conheço muitos jovens com tatuagens e, este ano, eu decidi fazer uma tatuagem, para glória de Jesus Cristo. A tatuagem nas minhas costas é formada por 39 golpes que formam as palavras “HE PAID FOR ME”. Garanto-vos que é meu propósito levar pelo menos um jovem à Salvação, este Verão.

  5. Joaquim Coelho diz:

    Eh eh eh eh

    Bem me parecia que isto dos fundamentalismos religiosos só podeia dar treta.

    Gostei em especial daquela parte: “imaginem um casal de namorados cristãos que acredita e practica a abstinência, mas que tem por hábito passar a noite na casa de um ou de outro. Embora eles possam não fazer nada de mal…”

    Parece que admiram as indicações de Cesar. Não me digam que cesar foi visitado e inspirado por Deus, eh eh

    Devo dizer que nda tenho contra essa posição vossa, enquanto a “impuserem” apenas a fundamentalistas.

    Quantoa às tatuagens, eu pessoalmente não gosto. E também nada tenho contra o facto de os fundamentalistas dizerem que um cristão não pode usar tatuagens, é com vocês.

    Agora se aplicassem algum destes critérios de forma impositiva a outros levavam “logo nas orelhas” .

    Por exemplo se tentassem impor a proibição das tatuagens em lei civil (com o arguemntno de deus), aí saltava-me logo a tampa, assim só me rio.

  6. Eddie Fernandes diz:

    Prezados,
    Já que decidiram pelo seguro e não colocaram os meus comentários no site agradeço que me devolvam pois escrevi directamente no vosso blogue e como tal fiquei sem cópia. O vosso blogue provocou um sem número de pedidos sobre a minha posição (pois todos sabem que o Pastor Eddie usa tatuagem) e queria responder. Há pessoas que querem ver o que penso sobre esta matéria e não queria estar a lembrar tudo o que escrevi novamente.
    Podem enviar para eddiejfernandes@gmail.com por favor.
    Grato e com amor em Cristo,
    Pr. Eddie Fernandes

  7. O Tangedor diz:

    Ola,
    nào concordo com a posiçâo tomada pela pessoa que escreveu ‘Pode um cristâo fazer tatuagens?’.
    Nâo pela posiçâo radical, mas porque como muito bem disse o Pr Eddie nâo devemos nem podemos manipular partes da Escritura, assim sendo teriamos que obedecer a todos os tramites legais da purificaçào, dos trajes, etc, etc. E nâo foi com essa intençâo que creio que o A.T. e os livros da lei foram escritos. Ao escrever artigos como este sem sabermos a sua correcta interpretaçâo, nâo estamos a fazer mais que muita gente religiosa, que nâo entram nem deixam entrar no reino quem Deus amou e deu a Sua vida. Creio que Paulo é explícito nas suas cartas acerca de legalismos que igrejas sempre têm a tentaçâo de as fazer…
    Porquê?

  8. PR diz:

    Ó Mats, e em relação ao fio dental? Vais deixar passar incólume esse ataque aos costumes cristãos?

  9. PR diz:

    Já agora: ó Marcos, já viste se a Lara tinha de renunciar àquela tatuagem no fundo das costas? It gives you another perspective, doesn’t it? ;)

  10. O Tangedor diz:

    Já agora, para quem conhece um pouco da escritura:
    Em Deut 15 falando da lei, vem ácerca dos escravos que nâo queriam deixar de o ser:
    16 Porém se ele te disser: Não sairei de ti; porquanto te amo a ti, e a tua casa, por estar bem contigo;
    17 Então tomarás uma sovela, e lhe furarás a orelha à porta, e teu servo será para sempre; e também assim farás à tua serva.
    Esta passagem fala-nos da história do brinco na orelha! Para quem nào sabe, quando alguém queria manter-se escravo do seu senhor para o resto da sua vida era submetido a uma tatuagem na orelha, vulgo piercing, que era um simples sinal de afecto, e absoluta entrega ao seu senhor! Se eu vos dissesse que Paulo provávelmente usava um piercing (porque além de se auto-proclamar Servo de Cristo, conhecia bem as Escrituras) estaria a escandalizar alguém????

  11. Isaías Barata diz:

    Sou motociclista por opção, mas mais importante que isso; sou salvo por convicção: garantida pelas Escrituras Sagradas (Bíblia Sagrada).
    Todos os assuntos são importantes. Não os assuntos em si mesmo, mas as pessoas que os abordam: essas sim são as mais importantes.
    Quanto ao tema abordado bem como outros deixo apenas um verso da referida Bíblia Sagrada: Provérbios 4:23

    Isaías B.B.

  12. Sergio Ricardo Santos diz:

    Gostariamos de ler o que escreveu o Pastor Eddie sobre tatuagens em resposta ao vosso artigo. Podem colocar online? Ou estamos perante censura religiosa?

  13. Mats diz:

    Os “fundamentalistas” é uma palavra muito mal entendida nos círculos atues.

    O que é que entendes por “fundamentalista cristão” ?

  14. Mats diz:

    Irmão Eddie,
    Obrigado pelo comentário. Desculpe a demora em aprovar o comentário, mas não tenho tido muito tempo ultimamente.

    Convém ressalvar algumas coisas:
    1. Todas as coisas que foram ditas neste post são opiniões minhas, e nada vinculativo à congregação a que pertenço.

    2 Eu tive o cuidado de dizer no post que Deus, nem sempre nos proíbe de fazer algo porque é mau em si, mas por causa daquilo que o não-crente (ou mesmo o crente) pode assumir/concluir. A questão das tatuagens, na minha opinião, é uma dessas. Veja-se o exemplo de Paulo e o comer ou não comer carne.

    Eu não digo, obviamente, que se é menos cristão ou mais cristão por se fazer ou não fazer tatuagens. O problema é uma questão de imagem e da “aparência” do mal.

    Mas fico feliz com o tempo que o irmão tirou para responder.

    Espero vê-lo por cá mais vezes.

    Paz

  15. PR diz:

    Mats, e a mim não respondes? Eu estava a falar a sério. Que é que Deus acha do fio dental?

  16. Mats diz:

    PR,

    Mats, e a mim não respondes? Eu estava a falar a sério. Que é que Deus acha do fio dental?

    Nunca sei quando falas à sério ou não.
    Em relação ao fio dental, é fácil de se chegar à uma conclusão. A Bíblia diz às mulheres para se vestirem modestamente (1 Tim 2:9) e não creio que o fio dental seja isso.

    Mas porque é que perguntas?

  17. Joaquim Coelho diz:

    A Bíblia diz às mulheres para se vestirem modestamente (1 Tim 2:9) e não creio que o fio dental seja isso.

    Bolas Mats, mais modesto só sem roupa :-)

    E um bikini já é aceitável ?
    Ou tem de ser um fato de banho e tipo anos 20, para esconder as belas das curvas ?

    Ou então nem sequer deviam ir à praia ?

  18. Mats diz:

    Joaquim,
    Tudo depende da motivação por trás da intenção, exactamente um dos pontos que eu falei no post.

  19. PR diz:

    Mats, o fio dental, como o Joaquim Coelho salientou, é do mais modesto que há.

    Além disso, o que é que queres dizer com “depende da motivação”? O fio dental é aceitável se for por comodismo mas é execrável se servir para excitar o namorado?

    E, já agora, há algum problema em ter prazer no sexo? E procurá-lo?

  20. Mats diz:

    PR,
    A pergunta od JOaquim era sobre o bikini e não sobre o fio dental.
    Viste a minha resposta à tua pergunta? Viste a minha pergunta lá escrita?

    E, já agora, há algum problema em ter prazer no sexo? E procurá-lo?

    Dentro do vinculo do casamento monogâmico e heterosexual não há problemas nenhumas, visto que está dentro da liberdade dada por Deus. Mas acho que já sabias disso, certo? Ou será que temos que voltar à escolinha dominical?

  21. heidi costa diz:

    h costa ,
    naminha opinião ,quem vem pra jesus realmente vem como está ,com tatuagem,ou com a vida marcada pelo pecado,seja ele qual for,mais depois de se conhecer verdadeiramente a jesus não vejo em que marcar o corpo vai glorificar a DEUS ,e tudo que um cervo de DEUS faz tem que ter o proposito de glorificar o seu santo nome,devemos sim ter a marca de cristo,ser aquele cristão que marca a vida das pessoas pelo amor que jesus nos ensinou,viver pra jesus tem que ter renuncias,perder a vida pra ganha-la amparar os que sofrem ,fiquem na paz

  22. david henrique diz:

    tenho 3 tatuagens sendo uma de cristo fiz mais nao conhecia a palavra mais existem pessoas que nao possuem qualquer tipo de marca mais nao tem amor ao proximo e caridade com seus semelhantes

  23. Alex Nasc diz:

    O interessante sobre este assunto é que não se leva mais em conta o Dono do corpo e sim os ‘achismos’ da maioria. Quem se entregou a Cristo, não pertence mais a si mesmo ( I Co 6:19-20 ). Seu corpo deve ser administrado para o seu Senhor, assim como os sacerdotes administravam o templo de Deus(1 Co 3:16,17; 2Co 6:16). Escravos não decidem o que fazer com aquilo que não lhes pertence. Acaso os mordomos não devem prestar contas do que administram? Carregar as marcas de Cristo é bem diferente de carregar as marcas mundanas deste mundo (Alguém aqui nasceu tatuado? Não seria isto mais do que suficiente para demonstrar que a origem desta profanação ou mudança de característica natal, é um fruto do egoísmo humano?). Mais fora do contexto moral do que na questão hermenêutica é justificarmos os meios para atingirmos os fins… Somos escravos de Deus!(Rm 6: 18,22; Ap 22:3,6; – bem aventurado o que realmente o é) Não temos o direito, depois de termos sidos comprados pelo sangue de Cristo, de administrarmos nossas vidas de acordo como nós achamos, mas sim, de acordo com o que nosso Senhor manda( Gl 2:20 ). Na época de Paulo as tatuagens eram muito comuns, levando em consideração as culturas e religiões existentes da época, porém, Paulo não declarou que: Marquei o meu corpo para ganhar os que têm o corpo marcado! Todavia os emblemas e marcas que ele carregava por onde quer que ia, e até mesmo, usou-os como instrumento evangelístico foi, conforme ele mesmo declara : As marcas de Cristo!Gl 6:7. Não as marcas dele próprio , mas as marcas de Seu Senhor. Um verdadeiro cristão não pertence mais a si mesmo mas deve declarar :”Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim.” (Gl 2:20)
    Uma das doutrinas apostólicas mais claras sobre o temor com que devemos conduzir nossa vida integralmente ao Senhor diz: ” E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” (1Ts 5:23). Se alguém deseja engrandecer a Cristo com sua vida o faça no sentido moral, abrindo mão dela( Mt10:39), abdicando de toda aparência do mal (1Ts5:22- para quem não sabe a tatuagem tomou sentido e conotação de fora-da-lei, por que a Inglaterra tatuava quem era criminoso) assim, certamente, Deus será glorificado em nossos corpos, seja pela vida ou pela morte( Fl 1:20 ).
    Não estamos proibidos de julgar o mal, o contexto de Lc6:37(testemunha não ocular) que é uma referência a Mt 7: 1-5(testemunha ocular), não diz respeito a condenarmos o que é errado mas sim a jugarmos hipócritamente quem quer que seja( Rm 2:21-23 ). Não julgueis segundo a aparência, mas julgai segundo a reta justiça. (Jo 7:24) ( ler 1 Co 5:12 ). Conheço dezenas de pessoas que sentem um grande arrependimento por terem tatuado seus corpos no passado. Arrepender-se-ia alguém de algo santo a Deus? (Rm 6:21)
    Para encerrar eu declaro : Que todos os que possuem tatuagens venham ao Senhor! Venha como estás! Não temas, Ele vos receberá. Mas não se deixem enganar, entregar a vida a Cristo não é se auto-dividir com Ele, mas negar-se definitivamente. Se assim o for, paz!

    Pois, se nós, que procuramos ser justificados em Cristo, nós mesmos também somos achados pecadores, é porventura Cristo ministro do pecado? De maneira nenhuma.Porque, se torno a edificar aquilo que destruí, constituo-me a mim mesmo transgressor. (Gl 2:17,18)

    Pr. Alexandre Nascimento

  24. Mats diz:

    Irmão Nascimento,
    Ainda hoje pensei sobre esta temática. Veio-me à memória a visão de Ezequiel descrita no capítulo 8:

    10. E entrei e olhei, e eis que toda a forma de répteis, e de animais abomináveis, e de todos os ídolos da casa de Israel, estavam pintados na parede em todo o redor.

    11. E setenta homens dos anciãos da casa de Israel, com Jaazanias, filho de Safan, que se achava no meio deles, estavam em pé diante das pinturas, e cada um tinha na mão o seu incensário; e subia uma espessa nuvem de incenso.

    12. Então me disse: Viste, filho do homem, o que os anciãos da casa de Israel fazem nas trevas, cada um nas suas câmaras, pintadas de imagens? e eles dizem: O Senhor não nos vê; o Senhor abandonou a terra.

    Se Deus não se agradou de imagens pintadas no Seu Templo, o que será que Ele dirá das imagens que nós pomos no nosso corpo, que é o templo de Deus (1 Cor 3:16)?

  25. Alex Nasc diz:

    Irmão, Mats, certamente este texto nos mostra o zelo que o Senhor têm por aquilo que lhe pertence. Creio, piamente, que este texto de Ezequiel é uma sombra de uma realidade maior e que, com certeza, nos dá instrução sobre o assunto em pauta.

    Deus o abençoe!

  26. Dumane diz:

    Paulo ao fazer-se tudo para com todos, estamos mesmo a ver Paulo, nos dias de hoje a:
    - Usar droga para alcançar os viciados para Cristo
    - Usar linguagem obscena para alcançar os que a usam
    - Roubar para identificar-se com os ladrões
    - Produzir material pornográfico para apresentar Cristo ao pornógrafo?
    -A abrir discotecas, pubs, e sex shops para atrair os interessados nestas áreas.

    Realmente não é difícil vermos o grande apóstolo Paulo a fazer isto. Claro tudo isso por amor ao Senhor e para salvação dos perdidos.

  27. Adriana diz:

    Eu fiz uma tatuagem no sábado passado. É um desenho bonito, simples de um casal abraçado e a mãe segurando a mão do filho, e embaixo está gravado as iniciais do meu filho, do meu marido e minha, feita na minha costa. Eu frequento uma igreja, mas não sou batizada. Mesmo não sendo uma tatuagem com imagens aterrorizantes, como vejo muitas por aí, está errado? Meus pais falaram horrores no meu ouvido, e olha que sou maior de idade, casada e não vivo mais com eles. Ah, e meu pai não é cristão, minha mãe sim.

  28. Adriana diz:

    Eu acredito que devemos ter cuidados com o nosso espirito, o que tatuamos é só a carne. Quando morremos acaba. O que vale mais, ter paz de espirito, amor no coração e ter tatuagem, ou ter o corpo limpinho e ser o cão em forma de pessoa?

    • Márcio diz:

      Assassinar os outros também é só agredir a carne, já que a alma é imortal e ninguém “morre”. Perfeita a tua lógica, Adriana…Aliás, providencie seu batismo numa Igreja…

  29. Dumane diz:

    Dizer que devemos cuidar do espírito e depois logo em seguida dizer que tudo acaba, fica meio complicado para um cristão.
    Dizer que o corpo não importa e depois na prática vemos as pessoas cuidarem cada vez mais do corpo, também claro está, em nada é contradizente.
    Outra coisa que me preocupa em relação à afirmação ou ao pensamento que o corpo não tem esta grande importância para o cristão, é o facto de olharmos e estudarmos a doutrina da redenção do corpo, em que Deus levantará os mortos(entenda-se corpos, visto que o espírito já está com Deus) e aos que estão vivos os corpos serão transformarão.
    Afinal que Deus poderoso é esse que valoriza tantos os corpos até do que já partiram e faz destes corpos sua habitação através do Espírito Santo.

  30. Cornelio diz:

    Mats, sobre o seu comentario da visão de Ezequiel,digo que:
    Para Deus é aboninavel sim aquelas imagens de IDOLOS no seu templo. Mas querer comparar imagens de Idolos e animais aboninaveis com tatuagens feitas para a glória de Deus não é chutar o balde forte não?

  31. Mats diz:

    Cornelio,
    Com o devido respeito, mas para mim tatuagens para a “Glória de Deus” são como mentiras para a “Glória de Deus”.

    • manassesoliveira17@hotmail.com diz:

      tatuagens sao simples desenhos,tudo bem aquelas imagens demoniacas mais tem imagens legais aquestao e que sendo pra glorificar ou por achar bonito nao vejo pecado

  32. Cornelio diz:

    Entendo, mas sei lá eu tenho minhas dúvidas. Talvez Deus nao aprove tatuagens para “glória D’Ele”, OK. Mas será que ele também reprova a tatuagem para, digamos assim, “auto estima”?

    Digamos que a tatuagem seja um ornamento sem nenhum simbolo ocultista implícito.

    Porque na biblia encontramos que Abraão mandou um servo para buscar uma esposa para seu filho Isaque e ele encontra Rebeca. O mesmo servo a presenteia com “um pendente e duas pulseiras de ouro”(Gn 24.22). Ora, Rebeca era uma moça PURA e nao uma prostituta. Ela tornou-se esposa de Isaque e dela decende o nosso Senhor Jesus Cristo!
    Nem pelo fato dela usar ornamentos ela perdeu sua pureza!

    Em Ezequiel está escrito que Deus enfeitou Jerusalém com jóias como se fosse uma mulher. Lá, Deus diz: (Ez 16:11-13a) “Adornei-a com jóias; pus braceletes em seus braços e uma gargantilha em torno de seu pescoço; dei-lhe um pendente, pus brincos em suas orelhas e uma linda coroa em sua cabeça. Assim você foi adornada com ouro e prata…”.

    Sei lá, talvez eu esteja chutando o balde forte querendo comparar ornamentos com tatuagens, ou nao, mas oq voces acham?

    • manassesoliveira17@hotmail.com diz:

      eu acho que nao tem nenhum problema com tatuagem eu nao vou nada que nao coneça ou imagem horrorosas agoras nomes desenhos legais,nao vejo mal pra mim a unica coisa e o preconceito com aqueles que nao entendem

  33. Mats diz:

    Cornelio,
    Imagina que tu tens uma casa para alugar e alugas essa casa a uma pessoa amiga. Dizes a pessoa que a casa é dela, mas que ela tem que cuidar da casa com dedicação por respeito a pessoa quem lhe a alugou (tu).

    Passados 5 anos vais ver a casa e reparas que as paredes estão pintadas com imagens tuas, e palavras de amizade dedicas a ti.

    Haverias de ficar contente ou desiludido?

    O mesmo se passa com o nosso corpo. Por mais que nós tenhamos “boas intenções” com as tatuagens, o próprio acto de marcar o corpo já é algo que, segundo a Palavra, não é benéfico (1 Cor 3:16, 1 Cor 6:19).

    Enfim, esta é a minha opinião.

  34. Alex Izumi diz:

    Bom depois desta conversa toda, podemos concluir que a bíblia não é clara em relação às tatuagens e piercings, pois os textos usados ou estavam mal contextualizados ou têm um a interpretação muito abrangente. Pois se formos a ler ao pé da letra consoante a interpretação dos que condenam as tatuagens, chegamos ao ponto em que não é bom as mulheres usarem maquilhagem, fazerem a depilação, etc… Então estaremos a voltar à lei, como forma de agradar a Deus. Parece-me incorrecto quando vivemos pela “graça” e salvos por ela, e não por obras.

    Daí concluimos que isto é puramente uma questão cultural, e não doutrinária. Pois estamos a buscar pretextos na bíblia, que suportem as nossas opiniões, para podermos de certa forma catalogar pessoas e dar um nível de espiritualidade a cada um. Se eu aparecer numa igreja de saias, vão dizer que não é bom andar assim vestido, e vão arranjar inúmeros versículos que justifiquem essa posição. Mas se a igreja fosse na Escócia, o mesmo não acontecia, pois faz parte da cultura, então não iria chocar ninguém.

    Ora sabemos que a cultura está em constante transformação e evolução, porém a palavra de Deus é imutável, e ela assim vai permanecer para sempre. E se Deus não é claro em relação a esses aspectos, porque continuamos a bater na mesma tecla, julgar os nossos irmãos pela aparência e ensinar aos novos crentes que o dever do outro é não te “escandalizar”, quando na realidade somos nós que precisamos de uma lavagem “espiritual”, e assim devemos pensar até à volta do Senhor??? Quando vamos concordar que é normal discordarmos em certas questões, e que isso não nos pode tirar os olhos do objectivo da morte de Jesus na cruz, que é trazer a salvação aos perdidos e reestabelecer a nossa comunhão com o Pai.

    Se Portugal tivesse uns 80 ou 90% da população convertida, eu ainda entrava na discussão, mas na actual situação o melhor será darmos as mãos, aceitando e amando o nosso irmão como é, olhando para a meta e dando o máximo para que possamos alcançar.

    No céu logo tiramos todas essas dúvidas ;)

    Mats devo ainda dizer que gosto muito do teu blog e tem enriquecido bastante a minha vida. Continua o bom trabalho, porém cuidado para não entrar em áreas, que talvez não venha a acrescentar nada ao que já se sabe…

    Abraços

  35. Cornelio diz:

    O nosso corpo é o templo do Espirito Santo e nao deve ser profanado. ok!

    Mas eu nao entendo que a tatuagem seja profana. Isso pode ser verdade em algumas culturas, que as usam em cerimonias religiosas, mas sua denotacao nao se restringe somente a esses povos, pois é algo muito mais comum e com significados diferentes entre diversas nações, como na Polinésia, que é usada para contar a historia da familia.
    Essa coisa de tatuagem ser coisa do maligno depende muito da cultura de um povo, pois a cultura é baseada na maneira com que um povo encherga as coisas, os valores importantes desse povo e o modo com que um povo se comporta. Dessa maneira a tatuagem assume diferentes denotações.
    Jõao viu no céu

  36. Cornelio diz:

    O nosso corpo é o templo do Espirito Santo e nao deve ser profanado. ok!

    Mas eu nao entendo que a tatuagem seja profana. Isso pode ser verdade em algumas culturas, que as usam em cerimonias religiosas, mas sua denotacao nao se restringe somente a esses povos, pois é algo muito mais comum e com significados diferentes entre diversas nações, como na Polinésia, que é usada para contar a historia da familia.
    Essa coisa de tatuagem ser coisa do maligno depende muito da cultura de um povo, pois a cultura é baseada na maneira com que um povo encherga as coisas, os valores importantes desse povo e o modo com que um povo se comporta. Dessa maneira a tatuagem assume diferentes denotações.
    Jõao viu no céu pessoas de diversas linguas, raças e nações! Todas as culturas tem seus elementos “bons” e outros que precisam ser transformados pelo evangelho.
    Sobre a parte da biblia que diz “Nao ferireis vossa carne pelos mortos; nem farei marca alguma sobre vós.
    > Em muitas versões encontramos explicitamente a palavra “tatuagem” nesse versículos, mas a traducao original vem da palavra hebraica “seret” que quer dizer corte.
    A biblia fala que o costume do povo pagão da época durante o luto era de se cortar, fazer pinturas e raspar os pelos, mas a tradução original hebraica nao faz nenhuma associacao com tatuagem, que tem outro significado. Quem tem dúvida que procure a tradução original e tente achar a palavra “tatuagem” escrita.
    Claro que eu não sou o dono da verdade, digo isso com base no que eu pesquisei, essa é minha opinião.

  37. Cornelio diz:

    Venho por meio dessa pedir desculpa pelo comentario do dia24/03 20:39:13)
    acabei apertando “enter” sem querer enquanto formatava o texto. Desculpa!

  38. Kleber diz:

    É muito pano para manga essa discussão!!!

    O que um pai faria com o filho caso este fosse a uma viajem e voltasse com uma tatuagem? Expulsaria de sua morada?

    Para quem acredita que nós somos o que pensamos, o que somos em consciência, gostaria de saber se existe tatuagem mental? ou tatuagem espiritual?

    Estamos tão distantes do que profere a Bíblia, dos costumes daqueles tempos, que se aquele texto for invariável, tenho medo de estar designado a queimar eternamente na chama dos pecadores!

    Quando estamos nus de fronte ao bem amado, não é pecado, quando vamos ao médico e nos despimos passamos a cometer atentado ao pudor?

    Vai ver que é por isso que somos pecadores, nascemos do ato sexual, ato somente pecador, embora sacramentado!

    O amor e respeito que temos pelo Senhor e suas criaturas é o que nos garante o passaporte, porém acredito que um pai não ficaria em ódio eterno por um filho que estejas temporariamente revoltado pelos designios do pai, passado a tormenta das contendas, o amor fraternal entre ambos se glorifica!!!!!!!!

  39. Claudinei Picareli Gobbo diz:

    Temos que respeitar todas as opiniões,mas será que não é isso que o demonio quer nestes tempos finais:que cada um haja da sua própria maneira de pensar,que cada um faça aquilo que achar melhor para si mesmo?,satisfazendo os seus próprio desejos e opiniões,conforme todo mundo hoje age.Onde está as doutrinas de Deus nos corações das pessoas?.

    Tudo está indo conforme o anticristo quer,pra quando ele chegar se tornar mais facil de implantar suas ideologias satanicas,veja que até mesmo muitos cristãos estão aceitando facilmente as coisas mundamas falando que não é pecado fazer isso ou aquilo.

    Será que estamos realmente preparados para quando Cristo voltar e julgar a todos com verdadeira justiça?.Jesus disse:Sera que encontrarei fé quando voltar?

    Estamos agindo conforme a vontade de Deus tatuando o nosso corpo com figuras,nomes e outras coisas mais? Nascemos com figuras em nosso corpo? Isso nos ajuda no nosso crescimento espíritual? Ou é simplesmente algu que vemos e achamos bunito?

    Será que os apostolos e santos de Deus fizeram figuras em seus corpos?

    Meus irmãos não podemos julgar a ninguém mas pensem e orem antes de fazerem alguma tatuagem se isso é vontade de Deus ou nossa vontade.Que Deus abençoe a todos.Claudinei.

  40. Jose Feliciano diz:

    Bom dia pessoal sabe que eu acho de tudo isso que alguns que querem assim fazer, deveriam como sabemos que algumas igrejas aceitam fazer tatuagem se membrarem a ela, ao invés de quererem desobedecer aos seus lideres ou igrejas que nâo tem esse costume.Pois é antigamente até para entrar em uma empresa isso era muito obeservado.Hoje a maioria dos cristãos acham que tudo é licito e ficam querendo defender quem quer abrir aporta para o mundo por isso que muitos amigos meus que não professam a Cristo como unico e suficiente Salvador, dizem que se for para fazer parte de uma igreja e continuar fazendo tudo que eles fazem hoje é melhor continuarem como estão.
    Respeite sua igreja e seus lideres …

  41. Concordo com o Jose Feliciano.
    O querer, o desejar determinados costumes e práticas tem sido sempre ao longo dos séculos uma prática entre o povo de Deus.

    determinadas imitações constituem um problema gravíssimo. Escrevi um artigo em meu blog sobre o rei Acaz que desejou tanto aquilo que as nações ao redor tinham que acabou em desgraça total.
    Para quem tiver curiosidade e paciência leia:
    http://oblogdodumane.blogspot.com/2010/11/acaz-cuidado-com-as-imitacoes-parte-1-3.html

    Abraços

  42. Daniel Santos diz:

    Após 2 anos, este assunto ainda é polêmico, se para atingirmos os “não salvos” devemos fazer as mesmas coisas que fazem, então deveríamos nos drogar para alcançar os drogados, beber para alcançar os alcoólatras e tatuar para alcançar os tatuados. Existe uma forma simples de refletir sobre questões polêmicas que nem esta.

    O que Jesus faria?

    Deus abençoe.

  43. junior diz:

    Bom não tinha visto este post e gosto muito deste assunto.

    Quanto a minha opinião acho indiferente a pessoa ter ou não.

    Oque devemos saber é diferenciar a tatuagem secular da cristã:

    É bem diferente você colocar o nome do seu filho, um versículo ou Jesus do que desenhar um demônio ou um dragão.

    Para mim isso não afeta a vida cristã até por que Jesus vai julgar por suas obras e sua Fé principalmente.

    Como Paulo disse
    ”Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito”.
    Romanos 8:1

    Conheço inúmeras pessoas que tem tatuagem e que estão firmes em Cristo. Conheço até dois tatuadores que na sexta estão la na igreja orando pelos ministérios.

    É claro que há a doutrina, estamos debaixo da fé em Jesus e do pastor de nossa igreja aquele que é o usado por Deus para nos guiar, então certas igreja tem certas doutrinas.

    Como a adventista que não come carne de porco, ou a presbiteriana que acredita na predestinação.
    Mas oque é que importa? A consciência em Jesus Cristo.

    Por exemplo meus amigos tatuadores gostam bastante mas não deixam que aquilo os escravize, pois estão vivendo para Jesus e não para as tatuagens.
    Para isso temos que saber que o importante é ganhar Vidas para Cristo independente de sua doutrina.

    Para citar existem muitos homens de Deus que têm Tatuagens como Jeremy Camp e Joel Houston do Hillsong.

    Estou me baseando neles? é claro que não mas veja seus ministérios e suas vidas como são edificadas por Deus e edificadoras para com as pessoas independentes de suas tatuagens.

    Vamos então viver para Cristo e pescar Almas.

    Deus abençoe o pessoal do blog e ao Mats por seu trabalho.

  44. De alguns comentários que li, só tenho isto a dizer: Tenho muita pena mas assim com esses pensamentos e práticas vão ser alvos fáceis para meterem a marca da besta. Se aceitam assim essas práticas porque não aceitarão a marca da besta e sabei que Deus naqueles dias diz: E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;
    2 Tessalonicenses 2:11. Cada um vai ter de dar contas de si a Deus, por isso pensem bem no que fazem para Glória de Deus e não para os homens só para ficarem bem vistos, eu também já tive ideias dessas, mas acreditem vi que não era certo, será que se Jesus vivesse nesta geração também ia andar de tatuagem e piercing?? Tenho a certeza que não, mas fica ao critério de cada um pensar assim. Shalom

  45. Deixo-vos este blog com esta notícia e muitas mais com notícias muito importantes, e dá para pensar melhor no que aqui estamos a fazer no mundo, penso que Deus não se alegra com algumas atitudes destas, não quero dizer que com isto não peque, sou igual a voçês ou pior. Tomem cuidado ele anda bramando como um leão a quem possa tragar e oferece-nos tudo do bom e do melhor e por vezes caímos. http://nosdiasdenoe.blogspot.pt/2012/05/decalogo-de-lenin-apresentando-acoes.html

  46. Há um caminho que parece direito ao homem, mas o seu fim são os caminhos da morte.
    Provérbios 16:25

  47. pauloans diz:

    Como é possível ainda haver conversas destas, é algo que me surpreende. Se calhar por sermos templo não podemos ter cirurgias, ou sequer a depilação, no caso da senhoras. Tanto legalismo é assustador, porque o resultado é farisaísmo da pior espécie. Já vi gente que chegue a sair porta fora (literalmente) da igreja por ser escorraçado por este tipo de legalistas que gosta de recorrer ao VT para justificar as suas posições. Espero que tenham entaipado a porta dos WCs de casa, essas invenções do demo, e usem a bela da pá de Levítico, cada vez que precisam de ir ver os pés.
    já agora, o templo do ES pode ir à praia? E receber transfusões de um descrente? Pode?
    Já agora, nos anos 70, as cabeleireiras eram proibidas de serem baptizadas, sabiam disso? E as irmãs tinham de usar a bananinha, mesmo que não tivessem dinheiro para comprar ganchos…
    Tenho pena, de vocês que vivem nessa prisão mental e diabólica. Coam mosquitos e engolem camelos.
    Encontramos este blog (eu ea minha mulher), porque andávamos à procura de tattos com temáticas cristã. Em breve vamos fazer as nossas primeiras tattos (ênfase em “primeiras”) .
    Lamento ainda pelo individuo que trata o pastor Eddie, por “pastor”, curiosamente esse post não foi moderado….
    Paulo Anselmo Livre pela GRAÇA E MISERICÓRDIA DO SENHOR JESUS CRISTO.
    Membro da igreja Reviver*, Stº António dos Cavaleiros.
    (*)aka Igrejas Evangélica Assembleia de Deus de Stº António dos Cavaleiros

    • thayana diz:

      sim boa tarde aceitei o senhor como meu salvador ,mas tenho vontade de fazer tatuagem tipo simbolo do bem é claro quero saber se tem algum problema? claro pq no meu ver vai o que a pessoa é por dentro simples

      • Mats diz:

        Segudo a Bíblia, não se pode fazer tatuagens.

      • Azetech diz:

        Thayana

        O Que sentes a respeito minha irmã? Por dentro ficas incomodada em fazer e ao mesmo tempo tenta se justificar pela tua mente que não há problema?
        Se este for o caso, então NÃO faças, pois o incômodo vem do espírito de Deus sobre tua consciência . Como uma vez me disse um irmão: “A consciência é a bussola do Cristão”

        Abraços,
        Diogo.

  48. Luana diz:

    Mats, bom dia.

    Mas na biblía fala pra não nos marcamos, mas o contexto também fala pra não corta costeleta e cortar as pontas da barba, mais algumas coisas. Levitico 19:28 ”Não façam cortes em seus corpos POR CAUSA DOS MORTOS, nem tatuagem em si mesmo.” Todavia falam que o nosso corpo é o templo do Senhor, mas e seu eu quiser infentar o templo? Eu acredito que não é pecado, pecado seria se eu achasse que tatuagem é errado e fizesse ai sim eu ia estar desagrando a Deus. Deus não quer um livro de regras, Ele quer o nosso coração. Eu sou cristã e tenho tatuagem, e eu acredito que não vou pro inferno por causa de uma tatuagem, meu Pr. Lipão é todo tatoado, na minha igreja as pessoas são todas tatoada. Eu acho errado tatuagem que adorar outros deuses, isso sim. Mais adorar a Deus com uma tatuagem pra Ele não tem problema. Eu respeito que cada tem crenças diferentes. Mas que fique bem claro que nos fomos salvos por Jesus Cristo, não precisamos mais viver pelas lei do antigo testamento, eu não sei qual o contexto e o que significada mais em apocalipse fala que ”Jesus tinha uma marca em seu mando e em sua coxa, escrito: Rei dos Reis, Senhor dos Senhores.” Enfim, eu acho que somos salvos por Jesus Cristo e a nossa união com Ele, não pelo o que nos fazemos. Nunca vamos agradar a Deus. Nossa ponta pra chega até Deus é o seu Filho.

    Abraços!

    • Vinicius Monteiro diz:

      Luana, vamos analisar um pouco seu ponto de vista. Como você imaginava que os israelitas se vestiam, como era a sua aparência? Verdade que o texto diz que não era para fazer a barba. Mas você sabe por que? Muitos povos faziam cortes de cabelo, assim como a tatuagem, como forma de adoração a seu deus. Olhe o que diz Jeremias 9:25,26: ““Eis que vêm dias”, é a pronunciação de Jeová, “e eu vou ajustar contas com todo o circunciso [mas ainda] na incircuncisão, com o Egito, e com Judá, e com Edom, e com os filhos de Amom, e com Moabe, e com todos os de cabelo cortado nas têmporas, que moram no ermo; porque todas as nações são incircuncisas e toda a casa de Israel é incircuncisa no coração”.” Jeová pedia para os israelitas não cortarem o cabelo, nem fazer tatuagens para que não ficassem parecidos com as nações ao seu redor, para que não acabassem tendo o mesmo comportamento pagão das nações. Mas isso quer dizer que eles não podiam cortar o cabelo, ou a barba? Não, os israelitas somente deixavam de cortar o cabelo quando estavam entristecidos (2Sa 19:24), mas, Deus exigia que eles se mantivessem limpos, principalmente para adorá-lo: ““‘E no que se refere aos sacerdotes levíticos, os filhos de Zadoque, que cuidavam da obrigação para com o meu santuário quando os filhos de Israel se transviaram de mim, eles é que se chegarão a mim para ministrar-me e terão de ficar de pé diante de mim para apresentar-me a gordura e o sangue’, é a pronunciação do Soberano Senhor Jeová.”[...]E não devem raspar a sua cabeça e não devem usar solto o cabelo da cabeça. Decididamente devem cortar [o cabelo das] suas cabeças.” — Ezequiel 44:15,20
      E hoje mudou? Não Jeová ainda exige que mantenhamos o nosso corpo limpo, sem cortes de cabelo extravagantes ou tatuagens. Seja sincera, você consegue imaginar por exemplo, Paulo, Pedro ou até mesmo Jesus, tatuados? Se alguém lhe apresentasse o desenho de Jesus tatuado, com certeza você não iria gostar. O apóstolo Paulo disse que deveríamos ‘apresentar o nosso corpo como sacrifício vivo, santo [e] aceitável a Deus’. Será que ele aceitaria que apresentássemos o nosso corpo tatuado? Ele não aceitava quando os israelitas ofereciam animais doentes ou defeituosos, será que ele aceitaria o nosso com tatuagens? — (Malaquias 1:6-8) Lembre-se, se usarmos mal o nosso corpo, podemos perder a chance de sermos abençoados por Deus, “Não sabeis que vós sois templo de Deus e que o espírito de Deus mora em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; pois o templo de Deus é santo, [templo] esse que sois vós.” — 1 Coríntios 3:16,17

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s