“Cientistas” não sabem como a vida começou

Há vinte anos atrás John Horgan, escrevendo para o Scientific American, queria publicar um artigo com o título:

“Pssst! Não Digam Nada aos Criacionistas, mas os Cientistas Não Sabem como é que a Vida Começou”

O editor da altura não gostou do título e alterou-o. No entanto, Horgan esperou 20 anos e agora que o editor que não aprovou o seu título já não se encontra por lá, Horgan reutilizou o título para um artigo que ele escreveu em Fevereiro de 2001, duas décadas após a primeira tentativa.

O facto de Horgan poder acertadamente dizer que a comunidade científica não fazia ideia nenhuma há 20 anos como a vida tinha iniciado, e a situação se manter após duas décadas de pesquisa intensas, revela-nos muito sobre a mitologia da teoria da evolução e os cenários naturalistas para a origem da vida.

O motivo pelo qual os “cientistas não sabem como a vida teve início” é devido ao facto daqueles a quem Horgan identifica como “cientistas” eliminaram à priori a única opção viável para a origem da vida.

O que Horgan quer realmente dizer é que os cientistas que acreditam na teoria da evolução não conseguem fornecer qualquer cenário naturalista cientificamente sólido que explique o que torna a vida possível. Horgan erradamente equivale “cientistas” com “cientistas evolucionistas”.

A verdade é que milhares de cientistas por todo o mundo sabem exactamente como a vida começou: Deus criou-a durante os seis dias da Semana da Criação. De facto, sites Cristãos como a Apologetics Press possuem vários cientistas qualificados que estudaram as evidências e sabem como a vida começou.

O dilema em que se encontram os “cientistas” evolucionistas surge devido à crença de que, segundo a evolução, a vida ter surgido espontaneamente a partir de químicos sem vida – e não há justificação naturalista para isto. Para defender a posição de que os “cientistas” não possuem a mínima pista, Horgan explicou que a ideia das moléculas de ADN formarem-se espontaneamente possui vários problemas:

O ADN não consegue fazer cópias de si mesmo, nem fazer proteínas catalíticas, sem a ajuda de proteínas catalíticas conhecidas por enzimas.

Isto transformou a origem da vida num clássico dilema ovo-ou-galinha: o que veio primeiro: proteínas ou o ADN?

Horgan ressalvou então que os cientistas que estudam a origem da vida postularam que o RNA pode ser a resposta para para o início da vida. No entanto ele concluiu:

O mundo RNA é tão insatisfatório que alguns cientistas frustrados estão a propôr especulações bem absurdas.

(Sim, porque propôr que a vida criou-se a si mesma não é absurdo!)

As ideias absurdas a que Horgan se refere são noções tais como a vida ter sido largada na Terra por extra-terrestres, ou a mesma ter-se originado a partir de micróbios provenientes do espaço que se “plantaram” na Terra.

Horgan correctamente observou que tais cenários só mudam o problema da origem da vida para o espaço. Se a vida não começou na Terra, como é que começou no espaço?

No seu parágrafo final, Horgan escreveu:

Sem dúvida que os criacionistas estão alegres com o facto das pesquisas em torno da origem da vida terem chegado a um impasse….mas eles não tem razões para estar.

As suas explicações sofrem da mesma falha: Quem criou o Criador Divino? Pelo menos os cientistas estão a levar a cabo um esforço honesto para resolver o mistério em vez de culparem Deus por tudo.

Horgan está correcto quando afirma que os cientistas (leia-se “cientistas evolucionistas”) não fazem ideia nenhuma da forma como a vida começou. Ele está errado, no entanto, quando insiste que a ignorância evolutiva sobre a origem da vida está ao mesmo nível da alegada “ignorância” em torno das “origens” do Criador.

As pesquisas em torno da origem da vida não mostram apenas que os cenários naturalistas são improváveis; elas mostram que são sim impossíveis – a vida não se pode gerar espontaneamente a partir de químicos sem vida.

Dada esta situação, a única ideia verdadeiramente “científica” seria seguir as evidências onde quer que elas nos levem: para Um Criador Sobrenatural e Infinitamente Inteligente.

Anthony Flew, que durante décadas foi o líder filosófico do mundo ateu, chegou a essa conclusão:

A única explicação satisfatória para a origem da vida com um fim, e auto-replicante tal como vêmos na Terra é Uma Mente Infinitamente Inteligente.

○Fonte: Apologetics Press○

REFERENCIAS:

  • Flew, Antony and Roy Varghese (2007), There Is No God: How the World’s Most Notorious Atheist Changed His Mind (New York: HarperOne).

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia and tagged , , . Bookmark the permalink.

16 Responses to “Cientistas” não sabem como a vida começou

  1. Herberti says:

    Enquanto isso, os livros didáticos continuam sem alteração, perpetuando a farsa geração após geração, seguindo à risca a filosofia gobelliana.

    Like

  2. Mats says:

    Herberti,

    Enquanto isso, os livros didáticos continuam sem alteração, perpetuando a farsa geração após geração, seguindo à risca a filosofia gobelliana.

    Tem que ser. Uma vez que rejeitaram Deus, só lhes resta apregoar mentiras e mais mentiras às crianças. Ah, e à nossa custa.

    Like

  3. Karina says:

    “As ideias absurdas a que Horgan se refere são noções tais como a vida ter sido largada na Terra por extra-terrestres, ou a mesma ter-se originado a partir de micróbios provenientes do espaço que se “plantaram” na Terra.”

    E depois os Criacionistas é que “perpetuam” a ignorância de “não saber” quem criou Deus…

    ET´s… hahahahahaha

    Like

  4. Mats says:

    E’, Karina. Dizer “Deus criou o universo em 6 dias” e’ “ridiculo” mas dizer que a vida foi feita por et’s ou que a Terra tem “milhoes de anos” ja e’ cientifico, pese embora nao haver a minima evidencia para uma ou outra.

    Like

  5. Eduardo says:

    A vida ter sido feita por ETs é uma hipótese possível, mas sem fundamento(e eu concordo quando tu dizes que é ridícula). Quanto a Terra ter milhões de anos: temos muitas provas de que isto é um fato, e até hoje ninguém conseguiu provar o contrário.

    Like

  6. Eduardo says:

    Mais uma coisa: os cientistas não têm certeza de como a vida começou. Mas têm uma boa noção de como começou.

    Like

  7. hemp says:

    Poder a vida extraterrestre existir sob a forma de partculas de poeira? Mas os cientistas esto hesitantes em dizer que as partculas de poeiras esto vivas e ao invs dizem que so apenas mais um exemplo de como difcil definir o termo vida… As novas simulaes computacionais sugerem que no ambiente livre de gravidade do espao as partculas de plasma se aglomeram para formar filamentos tipo-corda que se torcem em formas espirais.

    Like

  8. Mats says:

    Eduardo,

    A vida ter sido feita por ETs é uma hipótese possível, mas sem fundamento(e eu concordo quando tu dizes que é ridícula).

    Porque é que achas que a vida ter sido feita por ET’s é “uma hipótese possível”?

    Quanto a Terra ter milhões de anos: temos muitas provas de que isto é um fato, e até hoje ninguém conseguiu provar o contrário.

    Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?

    Like

  9. Eduardo says:

    “Porque é que achas que a vida ter sido feita por ET’s é “uma hipótese possível”?”

    Por que é possível. A NASA já encontrou bactérias fossilizadas em Marte, a probabilidade de existir vida em outros planetas em condições similares à terra é muito, muito pequena, mas é real. A probabilidade de existir vida inteligente então…

    Mas isso é só uma hipótese. Creio eu que é mais provável nós sermos frutos da criação de um Deus(ou deuses) do que de experiências alienígenas.

    “Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?”

    Os cientistas(não só os evolucionistas) já deram evidências o suficiente para que eu duvide que o mundo tem menos de 10 mil anos ou que nossos antepassados conviveram com os dinossauros. Se isso fosse verdade, o ser humano provavelmente já estaria extinto e muitas espécies de dinossauros ainda estariam vivas.

    Like

  10. Mats says:

    Eduardo,

    “Porque é que achas que a vida ter sido feita por ET’s é “uma hipótese possível”?”

    Por que é possível. A NASA já encontrou bactérias fossilizadas em Marte, a probabilidade de existir vida em outros planetas em condições similares à terra é muito, muito pequena, mas é real. A probabilidade de existir vida inteligente então…

    Como é que da posição “encontraram-se bactérias em Marte” tu saltas para “LOGO é possível a vida ter sido feita por ET’s”?

    Mas isso é só uma hipótese. Creio eu que é mais provável nós sermos frutos da criação de um Deus(ou deuses) do que de experiências alienígenas.

    Ainda há esperança.

    “Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?”

    Os cientistas (não só os evolucionistas)

    Estamos a falar dum segmento específico da comunidade científica, portanto a qualificação “evolucionistas” é adequada. São os evolucionistas e os crentes nos milhões de anos que estão em causa e não os cientistas que operam sem levar em conta os mitos evolucionistas.

    já deram evidências o suficiente para que eu duvide que o mundo tem menos de 10 mil anos ou que nossos antepassados conviveram com os dinossauros.

    Não respondeste à pergunta que eu te fiz. Que tipo de dados tu aceitarias para mudares a tua posição em torno da idade da Terra? Lembra-te que estamos a falar de eventos passados.

    Se isso fosse verdade, o ser humano provavelmente já estaria extinto e muitas espécies de dinossauros ainda estariam vivas.

    Porque é que o ser humano já estaria extinto?

    Like

  11. Eduardo says:

    “Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?”

    Ao dizer isso você quer que eu assuma que, entre muitas outras coisas, o ser humano conviveu com os dinossauros, certo? Que evidências vocês criacionistas têm para sustentar esta afirmação?

    “Estamos a falar dum segmento específico da comunidade científica, portanto a qualificação “evolucionistas” é adequada.”

    Não, estamos a falar da grande maioria dos membros da comunidade científica.

    “São os evolucionistas e os crentes nos milhões de anos que estão em causa e não os cientistas que operam sem levar em conta os mitos evolucionistas.”

    Os criacionistas? É difícil encontrar algum cientista que creia nisto.

    “Que tipo de dados tu aceitarias para mudares a tua posição em torno da idade da Terra?”

    Tais dados não existem, pois vão contra as observações científicas.

    “Porque é que o ser humano já estaria extinto?”

    Oras, o ser humano é um animal muito insignificante comparado aos imponentes dinossauros. Seria uma presa fácil para os muitos carnívoros. Vocês criacionistas também não explicam como todos os dinossauros foram extintos, nem no por quê de criaturas tão imponentes não serem citadas na bíblia, como a coruja e o morcego(que na bíblia dizem ser uma ave).

    Like

  12. Mats says:

    Eduardo,

    “Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?”

    Ao dizer isso você quer que eu assuma que, entre muitas outras coisas, o ser humano conviveu com os dinossauros, certo? Que evidências vocês criacionistas têm para sustentar esta afirmação?

    O facto de se encontrar matéria orgânica dentro de ossos com “milhões de anos”, e o facto de haver registos históricos e arqueológicos que demonstram a interacção com animais que hoje chamamos de dinossauro.

    Repito a pergunta: Que tipo de evidências vocês evolucionistas aceitam que vos faça vêr que a Terra não tem os mitológicos “milhões de anos”?

    “Estamos a falar dum segmento específico da comunidade científica, portanto a qualificação “evolucionistas” é adequada.”

    Não, estamos a falar da grande maioria dos membros da comunidade científica.

    Se é a “grande maioria”, então não é toda, Portanto, a qualificação “evolucionistas” é perfeita.

    “Que tipo de dados tu aceitarias para mudares a tua posição em torno da idade da Terra?”

    Tais dados não existem, pois vão contra as observações científicas.

    Eu não te perguntei se existem ou não. Eu perguntei o que é que te faria ver que a Terra não tem os “milhões de anos” que a teoria da evolução necessita.

    “Porque é que o ser humano já estaria extinto?”

    Oras, o ser humano é um animal muito insignificante comparado aos imponentes dinossauros.

    Por essa ordem de ideias, não deveriam existir formigas porque a mesma é “um animal muito insignificante comparado com os imponentes” seres humanos”.

    Seria uma presa fácil para os muitos carnívoros.

    Sim, porque na história da Terra, o ser humano nunca viveu lado a lado com leões nem outros animais carnívoros. Além disso, o ser humano é demasiado burro para descobrir formas de evitar leões e dinossauros.
    Bolas, mas que lógica tão ridícula. Tu acreditas mesmo nas coisas que dizes?

    Vocês criacionistas também não explicam como todos os dinossauros foram extintos

    O facto de nós criacionistas não explicarmos como todos os dinossauros foram extintos (alegadamente) não serve de evidência para a tua fé de que a Terra tem milhões de anos.

    nem no por quê de criaturas tão imponentes não serem citadas na bíblia

    A Bíblia não tem obrigação de citar os animais que tu arbitrariamente qualificas de “imponentes”.

    , como a coruja e o morcego(que na bíblia dizem ser uma ave).

    Espera lá. A Bíblia não menciona os “animais imponentes” como a coruja e o morcego, mas no caso do último, apesar da Bíblia não o mencionar, a Bíblia chama-o de áve?

    Amigo, antes de te embaraçares com este tipo de comentários, toma atenção às coisas que escreves.

    Se a Bíblia não menciona o morcego, como é que a Bíblia pode chamá-lo de “áve”?

    Que pessoa mais confusa.

    Like

  13. Eduardo says:

    Pelo visto tu não entendeste o que eu escrevi. A bíblia NÃO cita os dinossauros, mas CITA corujas e morcegos. Deu pra entender agora?

    Like

  14. Mats says:

    Eduardo,

    Seja o que fôr, continuo sem resposta:

    O que é que te faria ver que a Terra não tem os “milhões de anos” que a teoria da evolução desesperadamente necessita?

    É que andas às voltas mas resposta, nada.

    Like

  15. Eduardo says:

    “O que é que te faria ver que a Terra não tem os “milhões de anos” que a teoria da evolução desesperadamente necessita?”

    Mas a Terra tem milhões de anos. Por mais que vocês Criacionistas da Terra Jovem neguem veementemente esse fato ele não deixará de ser verdade.

    [[ Continuas sem responder à pergunta, o que me faz ver que não tens forma de responde-la. — Mats]]

    Like

  16. Eduardo says:

    “Continuas sem responder à pergunta, o que me faz ver que não tens forma de responde-la.”

    Você quer mesmo que eu responda tal absurdo?

    [[ Tu dizes que é um absurdo, mas não ofereces qualquer forma de testar essa fé. Deduzo portanto que a tua crença nos milhões de anos não provém da ciência. — Mats]]

    Seria o mesmo que eu lhe perguntar: “que tipo de dados tu aceitarias para ver que o homem nunca foi à lua?”.

    [[ Nós temos vídeos, fotos e testemunhos pessoas que pessoas que foram à lua. De que forma é isto análogo à tua fé de que a Terra tem “milhões de anos”? Volto a perguntar: qual é o tipo de evidências que te fariam vêr que a Terra não tem milhões de anos? — Mats]]

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s