10 Problemas com o Ateísmo

Por Kirk Hastings

1) Cosmologia

Universo_Evidencias– Sabemos cientificamente que o universo teve um ponto inicial de existência – isto é, que não é eterno. Nada do que existe no mundo físico poderia ter surgido do nada. O Argumento Cosmológico de Kalam diz que tudo o que tem um início tem uma causa. e o universo teve um ponto inicial de existência o que implica que tem uma Causa. A melhor explicação para a origem do Universo é Deus

– Os cientistas já apuraram que tudo no universo está calibrado de forma precisa (“fine-tuned”) para tornar a vida possível na Terra. O microscópio usado para sondar eléctrons revelou um mundo de complexidade irredutível que não de poderia ter construído por fases ou etapas graduais. A análise do ADN revela uma ordem altamente especificada e complexa que é o cunho do design inteligente. O design da vida biológica e o universo biocêntrico apontam para a realidade do Planeador Inteligente.

2) Moralidade

– Do onde se originaram os padrões morais? Se eles nada mais são que invenções humanas, então não existem genuínos padrões morais universais em relação ao bem e ao mal; a consequência disto é o relativismo moral. Mas as pessoas não acreditam que não existe um padrão moral supremo em relação ao bem e ao mal; pelo contrário, todos nós agimos e vivemos como se existisse um. Com Deus, nós temos um padrão real  e transcendental em torno do bem e do mal.

3) O Mal e o Sofrimento

– Os ateus frequentemente apelam para a presença do mal e do sofrimento como argumento contra Deus. Mas de onde é que os ateus obtiveram a sua ideia de “injustiça”? chamar algo de “mal” ou “injusto” requer conhecimento do bem e da justiça. De onde nos chegam estes padrões? Falhas e defeitos num mundo altamente ordenado e arquitectado é melhor explicado como resultado do mesmo ter sido entretanto estragado (tal como Génesis descreve).

4) Sábios Cristãos por toda a História.

– A História está repleta de Cristãos com elevada inteligência e que mantinham que o Cristianismo era verdadeiro e racional; o Cristianismo não só não é uma fé cega mas sim uma fé racional, como também tem sido normal o mundo da filosofia académica estar sempre dominado por pensadores Cristãos.

5) Ateísmo e Niilismo

– O ateísmo inevitavelmente leva ao desespero e ao niilismo. O niilismo é definido como o acreditar que não existe significado nem propósito na vida e nem nas coisas que fazemos, e que não há bases para a moralidade e nem existem motivos racionais para a nossa existência. O ateísmo não tem nada de verdadeiramente positivo para oferecer ao mundo (a menos que “roube” algo da visão do mundo Cristã).

6) Razão e Inteligência

– Porque é que somos capazes de pensamentos racionais? Se a nossa mente é o produto de acidentes aleatórios e não Duma Inteligência Racional (Deus), porque é que as assim chamadas “capacidades racionais” são capazes de determinar o que é verdade? Se a nossa mente nada mais é que um produto da evolução irracional, então não existem motivos para se aceitar a precisão dos nossos processos mentais. Portanto, a visão ateísta do “conhecimento” é auto-refutante.

7) O argumento antropológico de Pascal

– Blaise Pascal (1623-1662) disse que o Cristianismo fornece a melhor explicação para o paradoxo da grandiosidade humana e da maldade humana, Os humanos têm uma enorme capacidade para o mal mas também para o bem. A doutrina Bíblica da queda é a que melhor explica a nossa enorme capacidade para o mal, ao mesmo tempo que o facto de termos sido criados à Imagem de Deus explica a grandiosidade humana.

8) O Senhor Jesus Cristo

– Dado que o Senhor Jesus Cristo é Uma Realidade Histórica (e existem evidências suficientes que confirmam esta posição), e o Novo Testamento é uma descrição acertada da Sua Vida (algo também confirmado pelas evidências), como é que o ateu O explica? Passados que estão 2000 anos, Ele ainda é a Vida mais inspiracional e influente que alguma vez existiu.

Será que Ele era um mentiroso? Se levarmos em conta a Sua honestidade escrupulosa, poucas pessoas avançaram com a hipótese de que Ele mentiu de forma consciente em relação à Sua Divindade. Será que Ele era lunático? Poucas pessoas iriam defender a tese de que Ele era mentalmente perturbado devido à beleza e perfeição espiritual dos Seus ensinamentos. Será que os eventos em torno da Sua Vida são lendas? Já foi confirmado que as descrições Bíblicas da Sua Vida foram escritas num curto espaço de tempo depois da Sua morte, e isto é muito pouco tempo para o aparecimento e estabelecimento de lendas em torno da Sua Vida. A única conclusão lógica é que Ele realmente foi Quem Ele disse que era.

9) A influência positiva do Cristianismo

– O Cristianismo está a crescer rapidamente pelo mundo. Até a sua existência, e a sua proliferação, passados que estão quase 2,000 anos, é um problema sério para os ateus.

– Os ateus adoram apontar para os erros dos Cristãos sempre que eles não seguem os ensinamentos do Senhor Jesus Cristo, mas eles ignoram a imensa influência positiva que os Cristãos exerceram por toda a História – em tais áreas como ajuda humanitária, artes, filosofia, reformas sociais, ciência, literatura, estabelecimento de hospitais, e muitas outras coisas. Muitos estudos demonstram que seguir o Cristianismo tende a aumentar a felicidade, a saúde mental e até a saúde física das pessoas.

10) O Ateísmo é um absurdo e é perigoso

Comunismo– Durante o século 20, mais de 100 milhões de pessoas foram mortas apenas e só por 52 líderes ateus, no entanto das 1,763 guerras registadas na The Encyclopedia of Wars, só 123 (7%)  foram motivadas pela religião – e 4% dessas guerras forma motivadas pela religião islâmica.

– A maior parte dos ateus alega que não acreditam em Deus devido à “ausência” de evidências em favor da Sua existência, no entanto Thomas Nagel, um filósofo, disse a certa altura que “Eu quero que o ateísmo seja verdadeiro…. Não se dá o caso de não acreditar em Deus…. Eu não quero que Deus exista”.  O cientista Stephen Jay Gould explicou o ateísmo como sendo “superficialmente perturbador e aterrador … [mas ele é] essencialmente emancipador e emocionante”.

A verdadeira motivação da maior parte dos ateus é a pura rebelião contra Deus – e não a consequência concreta da análise das evidências – e o desejo de não terem que responder a ninguém pela sua falta de limites morais verdadeiro motivo (nem nesta vida, nem na próxima).

– James Spiegel, no seu livro “The Making of an Atheist”, disse:

A queda para o ateísmo é causada por factores morais e psicológicos complexos, e não por uma assumida ausência de evidências em favor da existência de Deus. O ateu intencionalmente rejeita Deus, embora isto seja precipitado por indulgência moral e por um relacionamento danificado com a figura paterna. Logo, a escolha para o paradigma ateu é motivado por factores não-racionais, alguns dos quais são psicológicos, e outros são morais por natureza.

Portanto, os motivos maiores para a rejeição da existência de Deus não são racionais mas emocionais, morais e psicológicos No entanto, todos nós temos livre arbítrio para aceitar ou rejeitar a Deus – e em última análise, seremos julgados por essa escolha.

Fonte: http://on.fb.me/1sVabB8

About Mats

"Posterity will serve Him; future generations will be told about the Lord" (Psalm 22:30)
This entry was posted in Biologia and tagged , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

53 Responses to 10 Problemas com o Ateísmo

  1. Ana Silva says:

    (1) “A melhor explicação para a origem do Universo é Deus”

    Porquê?

    (3) “Falhas e defeitos num mundo altamente ordenado e arquitectado é melhor explicado como resultado do mesmo ter sido entretanto estragado (tal como Génesis descreve).”

    Sempre tive curiosidade em saber: qual o papel dos parasitas antes da queda do homem.

    (4) “A História está repleta de Cristãos com elevada inteligência”

    O mesmo se pode dizer de outras religiões, como o islamismo e o budismo. Também existiram filósofos importantes, que podem ser caracterizados como pessoas “com elevada inteligência”, que nunca ouviram falar do cristianismo, como Confúcio e Sócrates

    (7) “A doutrina Bíblica da queda é a que melhor explica a nossa enorme capacidade para o mal, ao mesmo tempo que o facto de termos sido criados à Imagem de Deus explica a grandiosidade humana.”.

    Porquê?

    (8) “o Novo Testamento é uma descrição acertada da Vida [do Senhor Jesus Cristo]”

    Os evangelhos apresentam disparidades entre si (por exemplo em relação ao sítio onde Jesus nasceu). Existem também disparidades entre os evangelhos e os “Actos dos Apóstolos”.

    Like

    • Ana Silva says:

      Verifico agora que no comentário anterior me esqueci de capitalizar a palavra Evangelhos.

      Esta falta, pela qual peço desde já desculpa, não foi intencional e não pretende ofender ninguém.

      Em geral coloco o título de qualquer texto, incluindo os textos bíblicos entre aspas. É uma questão de hábito que posso alterar caso seja considerado ofensivo.

      Like

    • Ana Silva

      Não queria me envolver, mas o tema pendeu para o meu campo preferido, na qual tenho estudado há vários anos:

      Os evangelhos apresentam disparidades entre si (por exemplo em relação ao sítio onde Jesus nasceu).

      Jesus nasceu em Belém, por volta de 6 e 5 a.C. e tinha mais ou menos 2 anos de idade quando Herodes ordenou o massacre das crianças.
      Não há disparate nos evangelhos em relação ao local e data do seu Nascimento, mas sim um disparate na mente dos críticos, fundamentados em uma má interpretação de Mateus 02:01 e Lucas 02:01-05

      Gleason Archer, Norman Geisler e Thomas Howe já esclareceram esta pseudo-contradição:

      Existem também disparidades entre os evangelhos e os “Actos dos Apóstolos”.

      Similarmente ao “disparate” sobre o local e data do nascimento de Jesus (já solucionado acima)?
      Não sejas tão segura desta crença.

      Saiba que para cada pseudo-contradição, há sua respectiva refutação.
      Entendas que esta moeda possui dois lados. Se apegar apenas a um lado e ignorar o outro, é se enganar e viver na ilusão.

      Like

      • «Se apegar apenas a um lado e ignorar o outro, é se enganar e viver na ilusão.» Certo. Agora aplique isso a si próprio e às suas crenças.

        Like

      • Maria Teodósio

        Certo. Agora aplique isso a si próprio e às suas crenças.

        Já está aplicada. As minhas convicções consideram os dois lados.

        Que tal agora aplicar a si mesma e a vossa crença, na qual fundamenta-se apenas a uma visão isolada, ignorado sua contra-parte?

        Like

    • Leonardo says:

      Ao meu entender, a melhor explicação para a origem do universo ser Deus, é porque além de a ciência provar fatos bíblicos, a racionalidade na bíblia é bem maior do que as fantasias criadas pelo evolucionismo.
      A sua segunda curiosidade, onde numerou-a como (3) é que, após a queda do homem Deus amaldiçoou a terra, limitou o homem a trabalhar para seu sustento e a mulher sofrer dores do parto, além disso a maldição se estendeu a toda terra, onde surgiram ervas daninhas e plantas espinhentas e também os parasitas, que antes da queda não existiam. (por isso, ao meu ver, Adão não cultivava a terra antes da queda, ele apenas colhia o que comia, como Deus assim o disse para fazer) Após isso ele começou a lvrar a terra.
      Quanto a existir homens de elevada inteligência em várias religiões eu concordo. Mas este ponto apenas foi dito para esclarecer que homens cristãos que colaboraram positivamente para o cristianismo, não eram homens lunáticos ou falaciosos. Porém Deus também usou analfabetos para testificar Dele para os povos.
      Pergunta (7) Deus ao ter-nos criado segundo a sua Imagem E semelhança nos inseminou com sua própria vida. Na bíblia é citado várias vezes que Deus nos introduziu a semente da vida, sendo Deus a própria vida, no grego semente pode ser traduzido por sêmen (isso já seria outro tópico). Sendo Deus o próprio amor, justiça, paz, longanimidade e santo, nós recebemos espiritualmente os mesmo genes de Deus, e é isso o que nos torna diferente dos animais e dá condições ao ser-humano de realizar grande feitos.
      Em contrapartida, quando o homem caiu, o pecado (semente maligna) nos foi introduzida também, isso fez com que o homem se torna-se mortal, fraco e corrutível. O nosso pecado se atracou a carne, enquanto no espírito temos acesso a Deus, a alma é como um pêndulo de nossas escolhas, pode-se pender para o Espírito(Deus) ou para carne (Satanás) e quando pende-se para a carne estamos sujeitos a todo tipo de malignidade promovida por satanás.
      A oitava pergunta já foi respondida e eu concordo com que respondeu.

      Um abraço.

      Like

    • Samuel souza says:

      Olá Ana, vou tentar responder rapidamente, pois estou no trabalho:

      1 – porquê se levar em conta o big bang como opção, devemos levar em conta que o mesmo dependeu das leis da física, e essas leis são alguns coisa, não são um “nada” . E também ele depende do tempo, e o tempo é alguma coisa e que inclusive pode ser manipulado. DEUS fez o tempo, por isso não existe ANTES de Deus, para nós ele rege as eras e ontem e etc. .. mas para Deus o tempo nada mais é que parte da criação. Por isso vemos “digitais” de algum Criador, como a vida, universo ajustado e etc…

      3 – Parasitas patogênicos podem outrora terem sidos benéficos como alguns casos já demonstrados em laboratórios, porém após a queda eles se tornaram nocivos à humanos e animais.

      E vale lembrar que Deus previu a queda, vide o sistema imunológico.

      4 – indiferente.

      7 – porquê alguns casos mostram por exemplo, leão que viveu melhor sendo vegetariano do que carnívoro, porém, assim como toda vida, sofre com mutações.

      8 – disparidade com pequenos entendimentos não é parâmetro para negação da existência e veracidade de Cristo.

      Abraços

      Like

      • Ana Silva says:

        Samuel:

        (1) “DEUS fez o tempo, por isso não existe ANTES de Deus, para nós ele rege as eras e ontem e etc. .. mas para Deus o tempo nada mais é que parte da criação.”

        Como é que sabe que Deus fez o tempo, Samuel? Como é que o prova cientificamente?

        (3) “Parasitas patogênicos podem outrora terem sidos benéficos como alguns casos já demonstrados em laboratórios, porém após a queda eles se tornaram nocivos à humanos e animais.”

        TODOS os parasitas foram “outrora benéficos”? Onde está a prova disso?

        (4) “Indiferente”

        Indiferente? Indiferente como?

        Para lá de cristãos, “a História” também “está repleta de” crentes em outras religiões “com elevada inteligência e que mantinham que” a sua religião “era verdadeiro e racional”. E Confúcio e Sócrates foram filósofos cuja influência é sentida ainda hoje, centenas de anos depois da sua vida, no entanto não foram influenciados pelo cristianismo, que nunca conheceram.

        Por isso pergunto: “Indiferente” como?

        (7) “alguns casos mostram por exemplo, leão que viveu melhor sendo vegetariano do que carnívoro,”

        Não percebo como isso se relaciona com o que disse. No entanto, comparo essa sua informação, Samuel, com outra, muito verdadeira, que sempre achei fascinante: antes da produção de insulina os diabéticos podiam sobreviver vários anos desde que comessem o mínimo possível (pareciam anoréxicos).

        A minha pergunta, que se pode aplicar tanto à sua afirmação sobre o leão e à minha afirmação sobre os diabéticos é: e então?

        (8) “disparidade com pequenos entendimentos não é parâmetro para negação da existência e veracidade de Cristo”

        Eu não nego a existência de Cristo. Muito pelo contrário. Aliás, pelo que pude perceber existem pelo menos dois documentos independentes do Novo Testamento que comprovam a existência de Cristo.

        Eu apenas me refiro à veracidade absoluta dos textos que compõem o Novo Testamento. Porque não é apenas sobre o local de nascimento que os textos sagrados divergem.

        Like

      • Samuel says:

        1 – “Como é que sabe que Deus fez o tempo, Samuel? Como é que o prova cientificamente?”

        O Tempo pode ser manipulado, e já foi provado inclusive cientificamente… teoria da relatividade e etc…
        exemplo:

        Wiki:
        “…se algum corpo metafísico realizasse uma viagem a mais de 300.000 km/s – a rigor, 299 792 458 metros por segundo, atual velocidade da luz – este estaria a contemplar uma viagem no tempo: enxergaria seu passado e não mais teria a percepção de tempo normal.”

        ou seja, ele é algo, não é um simples NADA, e pode ser manipulado… Por isso se encaixa perfeitamente sobre o porque não tem o “E ANTES DE DEUS?”

        Deus fez tudo, e a Bíblia deixa isso muito claro, se é provado que o Tempo existe, logo, ele inclui na “planilha” de Deus da Criação.

        —————-

        3 = TODOS os parasitas foram “outrora benéficos”? Onde está a prova disso?

        Lembre-se que não disse todos, mas evidências de que podem ter sido benéficos tem aos montes, incluindo para o meio ambiente(no mar):

        “Appears not to cause disease in most of its natural hosts’, and ‘bacteria and viruses that cause disease today may not always have done so”
        Brown, P., How the parasite learnt to Kill, New Scientist 152(2056):32–36, 1996

        ——————-

        4 – Digo indiferente porque acho isso indiferente mesmo, porém Cristo teve uma importância muito maior que eles todos…

        —————–

        7 – Confesso que não entendi a pergunta, desculpe.

        —————-

        8 – você leu o link que postaram aqui?? parece mostrar bastante coisa sobre essas “contradições”.

        Abraços e paz

        Like

      • Samuel says:

        EDIT:

        isso é sobre o HIV:

        “Appears not to cause disease in most of its natural hosts’, and ‘bacteria and viruses that cause disease today may not always have done so”

        Like

      • jephsimple says:

        Samuel,

        Você falou sobre o tempo,

        É bem interessante… Acabei de postar um artigo sobre mecânica quântica… http://jephmeuspensamentos.wordpress.com/2014/10/30/a-mecanica-quantica-de-campos-o-que-e-real-parte-ii/

        Isso me fez recuar sobre a noção clássica dessa realidade, embora existam leis da física bem estabelecida, quando me volto para quântica muitas leis são desafiadas, e a noção de espaço e tempo não fazem sentido… Isso por que no final das contas não existem tais coisas como matéria, partículas, campos… e sim ” (…)…De acordo com a teoria quântica de campos objetos não podem ser localizados em uma região finita do espaço, não importa se a região é muito grande ou nebulosa demais. Além disso, o número de partículas depende do movimento do observador. Considerar todos esses resultados em conjunto soa como anunciar a morte da ideia de que a Natureza é constituída por qualquer coisa, como partículas semelhantes a bolas.
        Com base nesta e outra percepções é possível concluir que “física de partículas” é um termo inadequado; o que os físicos continuam a chamar de partículas, realmente não existe. (…) …”

        Realmente esses fatos me fazem inferir [acrescentando outros fatos da mecânica quântica que não tenho como citar agora] que o tempo é um estado colocado intencionalmente em nossas mentes, assim como uma dimensão onde existem leis temporais que nós humanos estamos sujeitos, e que dão uma percepção de sentido, organização, propósito, planejamento neste universo por uma entidade suprema e poderosa que possui uma Mente Eterna.

        Enfim a matéria, a física clássica é quase uma ilusão pois “Segundo esse raciocínio (campos), partículas nada mais são que ondulações em um campo que preenche todo o espaço como um FLUÍDO INVISÍVEL.”

        Like

    • Lucas says:

      Ana,

      (1) “A melhor explicação para a origem do Universo é Deus”

      Porquê?

      Porque é a hipótese que melhor explica os dados a nossa disposição.

      (3) “Falhas e defeitos num mundo altamente ordenado e arquitectado é melhor explicado como resultado do mesmo ter sido entretanto estragado (tal como Génesis descreve).”

      Sempre tive curiosidade em saber: qual o papel dos parasitas antes da queda do homem.

      Vários, mas eles (alguns) só se tornaram perigosos para o homem depois da Queda. (Pergunta teológica, recebe uma resposta teológica).

      (4) “A História está repleta de Cristãos com elevada inteligência”

      O mesmo se pode dizer de outras religiões, como o islamismo e o budismo. Também existiram filósofos importantes, que podem ser caracterizados como pessoas “com elevada inteligência”, que nunca ouviram falar do cristianismo, como Confúcio e Sócrates

      Ninguém disse o contrário.

      (7) “A doutrina Bíblica da queda é a que melhor explica a nossa enorme capacidade para o mal, ao mesmo tempo que o facto de termos sido criados à Imagem de Deus explica a grandiosidade humana.”.

      Porquê?

      “Porquê” o quê? Essa frase é auto-evidente.

      (8) “o Novo Testamento é uma descrição acertada da Vida [do Senhor Jesus Cristo]”

      Os evangelhos apresentam disparidades entre si (por exemplo em relação ao sítio onde Jesus nasceu). Existem também disparidades entre os evangelhos e os “Actos dos Apóstolos”.

      Todas as “disparidades” já foram esclarecidas.

      Like

      • Lucas says:

        Ana,

        Lucas e Samuel:

        Se a Ana for a responder a duas pessoas no mesmo comentário, divida as respostas (sem as misturar)

        (1) “Porque é a hipótese que melhor explica os dados a nossa disposição.”

        Isso não é resposta, Lucas. Porquê e como é que Deus é a “hipótese que melhor explica os dados a nossa disposição”?

        Porque todas as outras alternativas não têm o poder explicativo que a hipótese “Deus criou o universo” tem.

        (3) “Pergunta teológica, recebe uma resposta teológica”.

        A minha pergunta é baseada na afirmação do texto postado. Se a minha pergunta é teológica então todo o ponto 3 do texto é também teológico. Como próprio texto refere: “Falhas e defeitos num mundo altamente ordenado e arquitectado é melhor explicado como resultado do mesmo ter sido entretanto estragado (tal como Génesis descreve).”

        A minha resposta foi em questão ao argumento das bactérias: “Sempre tive curiosidade em saber: qual o papel dos parasitas antes da queda do homem.” A reposta teológica foi a esta pergunta teológica (ou religiosa).

        Mas visto que existem provas da existência de um papel diferente dos parasitas antes da queda do homem onde estão essas provas? São científicas? Ou, como o Lucas referiu (e eu tendo a concordar), não existem provas científicas mas apenas teológicas?

        Eu não disse que “não existem provas científicas mas apenas teológicas” mas sim que o SEU argumento é um argumento teológico e desde logo, recebe uma resposta teológica.

        (4) “Ninguém disse o contrário.”

        Sendo assim “o mundo da filosofia académica” NÃO ESTÁ apenas “dominado por pensadores Cristãos” nem foi “sempre dominado por pensadores Cristãos”.

        Mais uma vez, a minha resposta foi à afirmação: “O mesmo se pode dizer de outras religiões, como o islamismo e o budismo. Também existiram filósofos importantes, que podem ser caracterizados como pessoas “com elevada inteligência”, que nunca ouviram falar do cristianismo, como Confúcio e Sócrates”

        Ninguém aqui disse que só o Cristianismo tem génios e pessoas com inteligência acima da média. O que se diz é que o Cristianismo TEVE (e tem) tais pessoas, e embora isso não prove nada, é mais uma evidência contra a tese de que o Cristianismo é uma fé irracional.

        Mais importante, seguindo a sua lógica, Lucas ( de que “ninguém disse o contrário”) a existência de pensadores religiosos “com elevada inteligência” que não cristãos DEMONSTRA que outras religiões que não o Cristianismo “não só não são uma fé cega mas sim uma fé racional”.

        Existem pessoas que são inteligentes e racionais APESAR da sua religião, e há pessoas que são coerentes e científicos POR CAUSA da sua religião. Um ateu inteligente não é inteligente por causa do seu ateísmo. Um Cristão que se baseia no universo causa-efeito e produz ciência de topo, é assim porque 1) assume um universo causado ou 2) trabalha assumindo isso, mas sem o admitir.

        (7) “Essa frase é auto-evidente.”

        Porque é auto evidente? Talvez eu consiga perceber melhor, Lucas, se der exemplos.

        Deus = Fonte de todo o Bem
        Homem Original = Criado à imagem de Deus e desde logo com a capacidade de fazer o bem.
        Queda = Estragou a Imagem de Deus nos homens, e “deu-lhe” capacidades malignas.
        Homem ACTUAL= Mantém a Imagem de Deus mas tem agora uma capacidade enorme para o mal resultante da Queda.

        Like

  2. jephsimple says:

    Evidência científica para existência de Deus [ em inglês ] – Michael Strauss – http://vimeo.com/9195703

    Princípio Antropico [ em inglês ]:

    Like

  3. Darcy says:

    “o Cristianismo não só é uma fé cega racional, como também tem sido normal o mundo da filosofia…”

    Mats,

    A tradução de “Christianity is not blind faith” exorbitou…rs
    Abraços.

    Like

    • Lucas says:

      “o Cristianismo não só é uma fé cega racional, como também tem sido normal o mundo da filosofia…”

      Mats,

      A tradução de “Christianity is not blind faith” exorbitou…rs

      Isso é o que dá traduzir a 200 quilómetros por hora. Obrigado. Já corrigi.

      Like

  4. Anderson says:

    Prezada Ana,

    Tu disse não confiar no que está escrito no Novo Testamento.
    A convido a assistir esses vídeos do Dr. Rodrigo Silva (Rodrigo Silva é doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Faculdade de Teologia N. S. Assunção (SP-Brasil), com pós-doutorado em arqueologia bíblica pela Andrews University (EUA). É graduado em teologia e filosofia e mestre em Teologia Histórica. Atualmente está concluindo seu segundo doutorado em arqueologia clássica pela USP.)

    http://novotempo.com/evidencias/videos/novo-testamento-parte-1/
    http://novotempo.com/evidencias/videos/podemos-confiar-no-novo-testamento-parte-2/
    http://novotempo.com/evidencias/videos/podemos-confiar-no-novo-testamento-parte-3/

    http://novotempo.com/evidencias/videos/como-o-novo-testamento-chegou-ate-nos-parte-1/
    http://novotempo.com/evidencias/videos/como-o-novo-testamento-chegou-ate-nos-parte-2/

    Abraço,

    Like

  5. Ana Silva says:

    Lucas e Samuel:

    (1) “Porque é a hipótese que melhor explica os dados a nossa disposição.”

    Isso não é resposta, Lucas. Porquê e como é que Deus é a “hipótese que melhor explica os dados a nossa disposição”?

    “O Tempo pode ser manipulado”.

    Não, não pode. Pelo menos não é isso que teoria da relatividade defende. A teoria defende que existe uma relação entre espaço e tempo que envolve uma constante, a velocidade da luz no vácuo. Ou o Samuel defende que podemos manipular o tempo manipulando o espaço? Como se faz isso?

    (3) “Pergunta teológica, recebe uma resposta teológica”.

    A minha pergunta é baseada na afirmação do texto postado. Se a minha pergunta é teológica então todo o ponto 3 do texto é também teológico. Como próprio texto refere: “Falhas e defeitos num mundo altamente ordenado e arquitectado é melhor explicado como resultado do mesmo ter sido entretanto estragado (tal como Génesis descreve).”

    “Evidências de que podem ter sido benéficos tem aos montes, incluindo para o meio ambiente”.

    Não é do interesse de um parasita matar o seu hospedeiro, pelo menos enquanto precisa dele. Por exemplo quanto mais tempo viver o hospedeiro de uma ténia mais descendência essa ténia consegue produzir.

    E existem parasitas que são benéficos para o meio ambiente, exactamente porque matam pragas, como acontece com as lavas de pelo menos uma espécie de vespas que se desenvolve no interior de um insecto que é uma praga de pinheiros.

    Mas visto que existem provas da existência de um papel diferente dos parasitas antes da queda do homem onde estão essas provas? São científicas? Ou, como o Lucas referiu (e eu tendo a concordar), não existem provas científicas mas apenas teológicas?

    (4) “Ninguém disse o contrário.”

    Sendo assim “o mundo da filosofia académica” NÃO ESTÁ apenas “dominado por pensadores Cristãos” nem foi “sempre dominado por pensadores Cristãos”. Mais importante, seguindo a sua lógica, Lucas ( de que “ninguém disse o contrário”) a existência de pensadores religiosos “com elevada inteligência” que não cristãos DEMONSTRA que outras religiões que não o Cristianismo “não só não são uma fé cega mas sim uma fé racional”.

    “Cristo teve uma importância muito maior que eles todos”

    Não no mundo asiático, pelo menos antes da chegada dos primeiros missionários cristãos. Várias sociedades asiáticas, como a chinesa e a japonesa, não se baseiam em princípios do cristianismo.

    (7) “Essa frase é auto-evidente.”

    Porque é auto evidente? Talvez eu consiga perceber melhor, Lucas, se der exemplos.

    “Confesso que não entendi a pergunta, desculpe.”

    Assim como existiram leões que conseguiram viver sem carne existiram diabéticos que conseguiram sobreviver vários anos abstendo-se de comer hidratos de carbono. Esses diabéticos “viveram de certeza melhor” visto que a sua dieta impediu que morressem.

    Portanto de que forma é que o facto de os leões poderem viver à custa de uma dieta sem carne explica o que quer que seja?

    (8) “Todas as “disparidades” já foram esclarecidas.”

    Isso é importante. Pode indicar links com esses esclarecimentos? Pelo que disse o Samuel parece que perdi pelo menos um.

    Like

    • Ana Silva

      Isso é importante. Pode indicar links com esses esclarecimentos?

      Não existem apenas sites que abordam o tema, mas também vários livros com este assunto em comum.
      Na Web, pesquisando pelo assunto, encontrará milhares de referências.

      Citarei um link de cada um, como exemplo:

      Livro (e-Book)
      http://danielalvespena.files.wordpress.com/2009/10/manual-popular-de-duvidas-enigmas-e-contradicoes-da-biblia-norman-geisler-thomas-howe.pdf

      Site
      http://www.dc.golgota.org/

      Like

    • jephsimple says:

      Bastava os parasitas nao serem parasitas, assim como bastava os pernilongos não serem sugadores de sangue… Tudo isso antes da queda… E porque e que temos que saber qual seria a função benéfica dos parasitas antes da queda?Por acaso mudaria tua certeza?

      Quanto a funçao original em si, talves possa se descobrir futuramente ou talvez não, mas isso não refuta o fato de toda criação no princípio ter sido perfeita.

      Mas basta refutar a existência Divina, ai não faz sentido crer que a natureza foi amaldiçoada, e todo o universo geme. Por enquanto os dados estão em harmonia.

      Like

      • Samuel says:

        VÍRUS:

        Ana, como mostrei, sim, cientistas sabem que milhões de vírus podem ter resultado no ciclo de carbono do planeta.

        A questão sobre o vírus é que a exemplo citado(HIV) que foi letal ao Humano, pode não ser ao Macaco…

        ————-

        TEMPO:

        Se você pudesse viajar na constante da Luz por 10 anos, aqui talvez teria passado 20 anos… quer queira ou não, você alterou o tempo a sua volta…

        E outra coisa, Imagine um ESFERA, dentro desta Esfera é tudo que existe, matéria, força forte e fraca, física, tempo, tudo.

        Deus fica fora dessa ESFERA, o tempo é ALGO que ele criou também, mas como somos regidos pelo TEMPO, ficamos com essa de “E O QUE VEIO ANTES DE DEUS”??

        Não existe antes. Deus está fora da “esfera” que rege o universo.

        —————

        DIABETES

        Eles viveram melhor?? Segundo você, SIM, mas estavam “morrendo”… ou seja, resultado da pós queda.

        O Leão que comeu carne e se saiu melhor que outros Leões era normal e saudável… Diferente dos doentes com diabetes que fizeram um “quebra galho”, fazer o que eles FIZERAM É PREJUDICIAL, não dá para viver SAUDÁVEL dessa forma, já o LEÃO não só viveu SAUDÁVEL, mas foi 1 dos melhores Leões que o criador da cidade já havia visto….

        —————–

        Like

  6. jephsimple says:

    Esse vídeo é interessante… É verdade que ele fala sobre o multiverso, big bangs [Aos quais possuo profundo ceticismo] Mas é uma viagem… Tipo a existência de outros eus em outros universos [é bem engraçado hahahahaha]

    Mas sobre mecânica quântica é muito interessante!

    Like

  7. harmo1979 says:

    Resumindo: o ateísmo é uma doença de cunho psicológico grave e que leva as pessoas as contradições mais absurdas que existem, como: aceitar o ano atual, aceitar os dias da semana e seus nomes, negar a existência de um fato da historia, mas aceitar o que vem antes, como a Grécia antiga e as pirâmides que estão lá até hoje.

    Ora, negar um fato histórico e aceitar fatos anteriores é negar toda a historia da humanidade e negar a própria existência.

    Isso é doença. Mas muitos nem sabem o porquê de estarem no ano de 2014.

    RS rsrsrs.

    Like

  8. harmo1979 says:

    Pobre Ana, kkkkkk

    Mas estamos aí é para ajudar mesmo. Quem realmente entende de historia antiga ou é formado em teologia já esclarece todas as dúvidas em relação aos evangelhos do novo testamento.

    Qual mais duvidas tu tem em relação ao NT, Ana? Os rapazes aí debaixo já responderam o que eu ia responder, rsrsrs.

    Já ouviu falar nos rolos do mar morto, Ana?

    Abraços.

    Like

    • Sodré says:

      “Já ouviu falar nos rolos do mar morto”
      Documentos que assustaram judeus e cristãos pelas diferenças que continham… Muito boa gente se assustou com a possibilidade do “Mestre da Justiça” dos Essénios ter sido o Jesus bíblico depois mitificado… Depois lá se arranjaram “explicações” que não perturbassem os espíritos….

      Like

      • Lucas says:

        “Já ouviu falar nos rolos do mar morto”
        Documentos que assustaram judeus e cristãos pelas diferenças que continham

        Lista aí os judeus e os Cristãos que ficaram “assustados”. Ou será esta mais uma mentira?

        Muito boa gente se assustou com a possibilidade do “Mestre da Justiça” dos Essénios ter sido o Jesus bíblico depois mitificado

        Lista aí uma ou duas pessoas que faziam parte dessa “muito boa gente”.

        Aguardo os nomes requisitados.

        Like

      • Sodré

        Documentos que assustaram judeus e cristãos pelas diferenças que continham…

        Ou és um mentiroso ou está muito, mas muito desinformado.
        Os manuscritos do mar morto CORROBORAM a fidelidade textual sobre os livros do antigo testamento (com exceção do livro de Rute), em comparação as traduções atuais (calando a boca de muitos críticos).
        Ela é uma das fontes primárias da crítica textual moderna, na qual coloca todos os livros, como um todo, em 98% de fidelidade com a Original.

        Like

      • Sodré says:

        vide “O Mito Cristão e os Manuscritos do Mar Morto” – John M. Allegro 1979 (edição portuguesa da Europa-América…, nomeadamente capítulo XIII “Queira levantar-se o verdadeiro Jesus Cristo”
        John Allegro notabilizou-se, desde o início, na pesquisa desses manuscritos (obra anterior a esta “Os Manuscritos do Mar Morto” também publicados em Portugal pela Europa-América). Não tenho esta, mas “O Mito Cristão…” está ao meu lado neste momento…

        Like

      • Lucas says:

        As minhas perguntas foram:

        1. Lista aí os judeus e os Cristãos que ficaram “assustados” [com as descobertas dos manuscriptos do Mar Morto]

        2. Lista aí uma ou duas pessoas que faziam parte dessa “muito boa gente”.

        Tu listaste um nome, mas pelo que vi, ele não era Cristão e nem judeu. Mas fica a pergunta em aberto.

        Pior ainda, parece que o nome que listaste é tudo menos fiável:

        – “The bulk of his work on the Dead Sea Scrolls was done by 1960 and he was at odds with his scrolls colleagues.

        – “The Sacred Mushroom and the Cross argued that Jesus in the Gospels was in fact a code for a type of hallucinogen, the Amanita muscaria, and that Christianity was the product of an ancient “sex-and-mushroom” cult. Critical reaction was swift and harsh: fourteen British scholars (including Allegro’s mentor at Oxford, Godfrey Driver) denounced it and the publisher even apologised for publishing it”.

        lol

        Ou seja, o “erudito” desenvolve uma teoria que está em desacordo com os dados disponíveis, e a entidade que publicou o seu livro pediu desculpas por o ter feito, o seu mentor universitário também o atacou, e CATORZE outros cientistas lançaram críticas duras ao único nome que tu és capaz de citar dum “Cristão” ou “judeu” que se “assustou” pelas “diferenças que continham”, ou com “possibilidade do “Mestre da Justiça” dos Essénios ter sido o Jesus bíblico depois mitificado”.

        Ou seja, não tens argumento. Mas isso já é normal

        Like

      • Sodré says:

        Lista aí os judeus e os Cristãos que ficaram “assustados”

        Como é óbvio não houve um abaixo-assinado de “pessoas assustadas” que permitisse hoje indicar nomes…, mas só gente ignorante, mentirosa, ou muito jovem é que ignora ou finge ignorar que a demora em apresentar os textos transcritos foi muito comentada como sinal de que as autoridades judaicas receavam a revelação de tudo o que fora descoberto…

        ……”Estas três décadas de sigilo foram alimentando suspeitas de teorias conspiratórias. Muitos acreditavam que o Vaticano, por meio da influência sobre os padres tradutores, estaria impedindo revelações dos pergaminhos que poderiam abalar a religião cristã. “Inventou-se um complot — diz o padre Puech — digno de um romance policial.” Em 1977, o professor Geza Vermes, de Oxford, chegou a chamar a tradução oficial de “o maior escândalo académico do século XX”.
        De registar ainda que, em 1985, a Biblical Archaeology Review, dos Estados Unidos, iniciou uma campanha pela “libertação dos manuscritos”, a que se seguiu uma abertura muito gradual…. vide ATREVIMENTOS manuscritos do mar morto… Há diversas entradas na internet sobre esta preocupação

        Like

      • Lucas says:

        Como é óbvio não houve um abaixo-assinado de “pessoas assustadas” que permitisse hoje indicar nomes…,

        Então como é que sabes que eles estavam “assustados”? Adivinhação?

        mas só gente ignorante, mentirosa, ou muito jovem é que ignora ou finge ignorar que a demora em apresentar os textos transcritos foi muito comentada como sinal de que as autoridades judaicas receavam a revelação de tudo o que fora descoberto…

        Não nego que isso tenha sido COMENTADO PELOS OUTROS [não-Cristãos e não-Judeus] como sinal disso, mas tu disseste que o medo de publicar era porque os Cristãos e os Judeus estavam “assustados”. Ou seja, passas da acusação em relação aos seus sentimentos para o que OS OUTROS disseram sobre os seus ALEGADOS sentimentos.

        Mais uma vez fica provado que não tens argumentos válidos.

        Like

      • harmo1979 says:

        PROVE! Tu tem capacidade disto?

        Like

      • harmo1979 says:

        conseguiu os nomes de judeus e cristãos assombrados?

        Like

      • harmo1979 says:

        Onde estão as pessoas que ficaram assustadas com isso?
        Prove o mito que vc acha. Te apresento provas arqueologicas e históricas que refutam

        E prove que o messias dos essênios era Jesus

        E prove que foi mitificado
        E prove que eram somente os essênios que escreveram
        E prove que arranjaram explicações para não afetar a fé daS pessoas

        Aguardo suas mentiras para eu refutar com prazer.

        Like

  9. Sodré says:

    “Nada do que existe no mundo físico poderia ter surgido do nada”.
    Considerando o nada como a inexistência absoluta do que quer que seja, concordo. Agora, fica por provar a impossibilidade de algo do mundo físico ter existido desde sempre. É a inexistência absoluta uma possibilidade real?

    Like

    • Samuel souza says:

      NADA é NADA

      Dizer que existia alguma coisa como gravidade, tempo, força fraca e forte e etc… Já não é o NADA, essas coisas existem e sem elas não existiria vida aqui, tirando Religião de lado agora, tudo colabora claramente para um Designer

      Like

      • Sodré says:

        Algo que existiu desde sempre não pode ter tido “Designer”… E está por provar que alguma tenha ocorrido o Nada – inexistência absoluta.

        Like

    • jephsimple says:

      Sodré,

      Isso é apenas assumir que algo existiu, Assim como nos cristãos assumimos que existe “Algo” que sempre existiu…Esse Algo que chamamos de Deus….Mas esse Deus não se reduz a ser eterno, enfim, trata-se de uma Entidade irredutível, Ele não é só poder, não é só inteligência, não é só onisciencia, onipresença, não é só amor, só justiça…

      Like

    • jephsimple says:

      Sodré,

      E muito improvável que algo físico tenha existido, aliás isso uma aberração em termos científicos, o mundo subatomico não está sujeito a leis físicas.

      Isso não seria nada demais se houvesse uma dicotomia entre o mundo subatomico e o mundo “físico”. Mas é exatamente o contrário, e pra piorar e desafiar sua afirmação : O mundo subatomico não provem do mundo físico ;o mundo físico é que provem do mundo subatomico… Então não há razão para alguem cre que algo de físico pode ter sempre existido. Mesmo hoje a definição de físico é problemática.

      Ficarei interessado em saber como vc lida com isso, sem ironia.

      Mas ao meu ver a informação antecede a físico,ela pode se manifestar pela física mas não é criada pela física.

      Like

  10. Samuel says:

    que papo é esse de “DESDE SEMPRE” fera??

    Gravidade e etc… não é o “NADA”, é alguma coisa… não pode ter existido desde sempre, visto que são coisas absolutamente NATURAIS e até mesmo FÍSICA.

    Sinto muito, mas dizer que o material surgiu desde sempre não responde a pergunta para “como tudo começou”?

    Estamos falando aqui de ciência operacional, tem que ser demonstrado… assim como afirmar que a vida veio do acaso, coisa que sabemos que até então, tem 0% de chance de ter ocorrido.

    Abraços.

    Like

    • Sodré says:

      Por que razão algo de físico não pode ter existido desde sempre? Como provar que isso é impossível embora não esteja provado que é possível?

      Like

      • Lucas says:

        Por que razão algo de físico não pode ter existido desde sempre?

        Porque temos evidências científicas de que isso é impossível.

        Like

      • jephsimple says:

        Cabe compreender o mundo subatomico… O mundo “físico ” fica em quarto plano.

        Realmente esse algo físico está longe de ter relação com a realidade, exceto por nossa iintuição, nossa percepção, nossa mente.

        A gravidade por exemplo, não podemos concilia-la com a mecânica quantica. Mas repito, não existe dicotomia entre quantica e física clássica. Então o fisicalismo, materialismo perdeu para a realidade da natureza, funcionamento, comportamento do cosmo.

        Like

  11. Sodré says:

    Há evidências de que o vácuo quântico (por assim dizer) não pode ter existido desde sempre?

    Like

    • jephsimple says:

      Pode ser um axioma.

      Mas apesar dos paradoxos entre quantica e física clássica … A quantica esta sujeita ao observador, enfim a quantica não esta sujeita a física,mas esta sujeita a mente.

      Eu assumo o axioma que a quantica esta sujeita a uma mente eterna.

      Like

      • Samuel says:

        Sodré, obrigado pelo papo, mas parece que está lendo muito Kraus.

        O Nada é O NADA, vácuo quântico é alguma coisa composta por algo.

        Like

      • Sodré says:

        “A quantica esta sujeita ao observador, enfim a quantica não esta sujeita a física…”
        A interferência do observador é uma interferência física, é natural,…, o observador faz parte da Natureza, integra o Universo…

        Like

      • Sodré says:

        “O Nada é O NADA, vácuo quântico é alguma coisa composta por algo.”

        Sempre disse isso mesmo, sempre recusei o Nada absoluto…, não percebo onde você quer chegar…

        Like

    • jephsimple says:

      Sodré,

      Se vc disser que é a parte física que observa nao esta falando nada com nada… Por exemplo, uma “particula ” do seu corpo pode estar localizada em qualquer lugar do universo.

      Enfim, a parte “física” que observa esta sujeita a quantica… Enfrenta o mesmo paradoxo encontrado no cosmos.

      A mente em si esta livre dos paradoxos,e a quantica esta sujeita a ela…
      Enfim o cérebro em si está sujeito a quantica, minha consciência não está.

      E por ultimo ; mesmo a parte física não está totalmente restrita ao tempo e espaço. Por isso duvido que vc encontre algo que seja realmente eternamente físico, e duvido que encpntre algo físico para além da sua mente.

      E o próprio cosmos tem se rendido a informação, não só mais a bioligia.

      Isso porque estamos no raso

      E

      Like

    • jephsimple says:

      Eu concordo que o observador faz parte da natureza… Mesmo com os paradoxo.
      Até porque tais observadores não são eternos .

      Por isso defendo a existência de uma mente eterna ao qual a quantica está sujeita que por sua vez “sujeita” a física, incluindo nossa parte física.

      Like

    • jephsimple says:

      Talves o erro seja confundir o nada com a ausencia de matéria .
      É dificil (para mim) conceituar algo tão imperfeito, inútil,desnecessário, sem valor algum, função alguma.

      Like

  12. jephsimple says:

    Se a crença em Deus é falsa e foi selecionada pela evolução, como saber se a Síntese Neodarwiniana não é falsa?

    http://www.origemedestino.org.br/blog/johannesjanzen/?post=764

    Like

Todos os comentários contendo demagogia, insultos, blasfémias, alegações fora do contexto, "deus" em vez de Deus, "bíblia" em vez de "Bíblia", só links e pura idiotice, serão apagados. Se vais comentar, primeiro vê se o que vais dizer tem alguma coisa em comum com o que está a ser discutido. Se não tem (e se não justificares o comentário fora do contexto) então nem te dês ao trabalho.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s